Dubrovnik: saiba todas as informações sobre a bela cidade croata

Visitar Dubrovnik  / 

Repleta de história, belezas naturais e boa gastronomia, Dubrovnik é uma cidade medieval bem preservada, com muralhas quase intactas. A região, conhecida como “Pérola do Adriático”, possui pouco habitantes, mas recebe milhares de turistas todos os anos, sendo a cidade mais visitada da Croácia.

Encontre o melhor pacote de férias para a Europa

Pacotes de Viagem, Circuitos, Multi Destinos, Cruzeiros.

Confira as promoções na Logitravel e garanta sua viagem dos
sonhos para a Europa.

VER OFERTAS DE FÉRIAS »

Quer saber por que Dubrovnik é tão visitada e conhecer informações importantes sobre a cidade? Então nos acompanhe neste artigo, pois vamos contar tudo para você!

Onde fica Dubrovnik

Banhada pelo Mar Adriático, Dubrovnik está localizada na parte sul da Croácia, na região da Dalmácia.

Geograficamente, a cidade forma um enclave, sendo “abraçada” pela Bósnia e a Herzegovina a norte, por Montenegro a sudeste e pelo Mar Adriático a oeste.

Conheça também Zagreb, a capital croata que tem chamado atenção.

Como ir e como se locomover em Dubrovnik

Saindo do Brasil, a melhor maneira de chegar à Dubrovnik é de avião. Fizemos uma simulação no comparador Kayak e, embarcando e desembarcando em São Paulo, por exemplo, uma passagem de ida e volta para a cidade custa a partir de R$ 4 mil.

Dependendo do voo escolhido e da quantidade de escalas, o tempo médio de viagem é em torno de 16 horas. Como não há voos diretos saindo do Brasil e é preciso fazer escala em alguma cidade europeia, uma boa sugestão é pegar um voo até Roma e de lá ir até Dubrovnik, em menos de uma hora de viagem.

Saiba mais sobre como encontrar passagens aéreas na Kayak no artigo que fizemos sobre a ferramenta.

Como praticamente todas as atrações turísticas estão concentradas dentro das muralhas do centro velho – ou Old Town – ou próximas, a melhor maneira de se locomover em Dubrovnik é a pé mesmo.

Carros não entram na Old Town e estacionamento é bem caro por ali.  Caso precise ir para algum lugar mais distante, use os ônibus de linha da região.

História de Dubrovnik

Conhecida como a “Pérola do Adriático” pela sua beleza natural e urbanística, a cidade se tornou um importante poder de mar Mediterrâneo do século XIII em diante.

Apesar de ter sido afetada por um terremoto em 1667, a cidade ainda preserva belas igrejas renascentistas e barrocas, mosteiros, palácios e fontes, sendo um destino único para turistas que gostam de admirar belezas naturais e históricas.

Durante a idade média, Dubrovnik foi a capital da república de Ragusa, a única cidade-estado no mar Adriático a rivalizar com Veneza.

Desde 1979, a cidade velha de Dubrovnik está classificada como patrimônio mundial pela UNESCO, com imponentes e bem preservadas muralhas, arquitetura medieval, renascentista e barroca, paisagem do Adriático, além de belos cafés e restaurantes.

Confira os pontos turísticos na Croácia que você precisa visitar.

Atrações turísticas em Dubrovnik

Confira uma lista com 10 atrações turísticas imperdíveis em Dubrovnik e informações sobre como visitá-las.

Vai viajar para a Europa? Veja todos os documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.

RECEBER GRÁTIS »

1. Muralhas

As muralhas de Dubrovnik são o principal ponto turístico da cidade. Elas construídas entre os séculos XIII e XVI e estão bem conservadas até hoje.

Com extensão de 1940 metros, que envolvem toda a cidade velha, e 6 fortalezas (Lovrijenac, Revelin, Minčeta, Bokar, São João e São Lucas), em sua história, não foram trespassadas por um exército inimigo e se destacam entre algumas das maiores fortificações já construídas.

Dubrovnik muralhas

Aproveite para admirar o belo entardecer, tendo uma vista incrível sobre os telhados de King’s Landing e o Mar Adriático.

Localização: Placa ulica 32, Dubrovnik 20000, Croácia

Como chegar: a pé, do Porto Di Dubrovnik, são 3,4 km, 44 min pela Via Ul. branitelja Dubrovnika até as Muralhas e o destino estará à esquerda

Horário: todos os dias, das 8h00 às 19h30

Ingresso: 215,98 kn

Opção: comprar o Excursão Guiada a Pé de 90 Minutos na Cidade Velha pelo Get Your Guide, por kn 121,46 (16€)

2. Stradun e as Ruelas

A Placa Ulica (ou Stradun) é a principal rua da cidade. Assim como as outras dentro da muralha, é fechada para automóveis. É um labirinto de ruelas, onde você pode aproveitar caminhar sem rumo, tomar um sorvete ou comer algo.

Localização: Old Town, Dubrovnik, Croácia

Como chegar: transporte público, que parte de diversos pontos da cidade

Horário: todos os dias e horários

Opção: comprar Bilhete de Ida e Volta de Teleférico, por kn 170,80 (22,50€), no Get Your Guide

3. Igreja de São Brás

Com lindos vitrais, a Igreja de São Brás (o padroeiro de Dubrovnik) é a mais visitada da cidade. Ela foi construída no século XVIII, no estilo barroco. Comemorado no dia 3 de fevereiro, o dia de São Brás também é o dia da cidade de Dubrovnik.

Localização: Luža ul. 2, 20000, Dubrovnik, Croácia

Como chegar: a pé, das Muralhas, são 300m, 3 min pela Via Stradun. O destino estará à esquerda

Horário: diariamente

Ingresso: visita gratuita

4. Palácio do Reitor

O palácio era sede do Reitor da República de Ragusa entre o século XIV e o ano de 1808. Além disso, foi a sede do Conselho Menor e da administração do Estado e abrigava um arsenal, a revista de pólvora, a casa de vigilância, bem como uma prisão.

Localização: Ul. Pred Dvorom 3, 20000, Dubrovnik, Croácia

Como chegar: caminhando ou de autocarro, paragem Porta Pile (todas as linhas)

Horário: todos os dias, das 10h00 às 18h00

Ingresso: 40 kn

5. Escadaria Jesuíta

Ela leva os visitantes à Igreja Jesuíta de Santo Inácio de Loyola, construída após o sismo de 1667, dedicada ao fundador da companhia de Jesus e ao Colégio Jesuíta do século XVII. Seu campanário possui também o sino, mais antigo da cidade.

Localização: Ul. uz Jezuite, 20000, Dubrovnik, Croácia

Como chegar: a pé. Do Palácio do Reitor, são 190m em 2 min pela Via Gundulićeva poljana

Horário: espaço público aberto 24h por dia

Ingresso: visita gratuita

6. Praia Banje Beach

É uma das praias mais famosas de Dubrovnik e também uma das mais acessíveis, com águas cristalinas.

Localização: Plaža Banje, 20000, Dubrovnik, Croácia

Como chegar: a pé. Do centro Dubrovnik, são 2,5 km, 35 min pela via Ul. Andrije Hebranga e Zagrebačka Ul

Horário: espaço público aberto 24h por dia

Ingresso: gratuito

hotéis em dubrovnik

Conheça outras praias da Croácia que vale a pena visitar.

7. Porto

O Porto é um local muito bonito e movimentado, principalmente pelos barcos e turistas, que fotografam e esperam os passeios. O local também é ideal para fazer refeições mais em conta e degustar comidas frescas e gostosas, além de admirar o pôr-do-sol.

Localização: Obala Ivana Pavla II 4, 20000, Dubrovnik, Croácia

Como chegar: a pé. Do centro Dubrovnik, são 1,7 km, 23 min pela via Ul. Andrije Hebranga

Horário: espaço público aberto 24h por dia

Ingresso: gratuito

8. Pile Gate

Pile Gate é a entrada principal para a cidade velha de Dubrovnik. Ela fica no muro a oeste. Para diversos turistas, o portal é o primeiro encontro com a linda arquitetura medieval da região.

A estrutura em pedra se trata de um portão externo que foi construído em 1537 e um portão interno, que remonta a 1460.

Localização: Ul. Vrata od Pila, 20000, Dubrovnik, Croácia

Como chegar: a pé. Do centro Dubrovnik, são 2 km, 27 min pela via Ul. Andrije Hebranga

Horário: 24 horas, todos os dias

Ingresso: gratuito

9. Fonte Grande de Onófrio

Trata-se de um dos monumentos mais significativos de Dubrovnik. Construída entre 1438 e 1444 pelo arquiteto italiano Onofrio de la Cava, a fonte oferece água potável, de nascentes das montanhas, aos visitantes.

Com o terramoto de 1667, praticamente todas as esculturas foram perdidas. Mas sua beleza continua a encantar todos os que a visitam. Atualmente, a Fonte Onófrio compõe o cenário da peça de carnaval The Tale of Stanac, do dramaturgo do século XVI de Dubrovnik, Marin Držić.

Localização: Poljana Paska Miličevića 2000, 20000, Dubrovnik, Croácia

Como chegar: a pé. Do centro Dubrovnik, são 2,1 km, 28 min pela via Ul. Andrije Hebranga ou de ônibus, parada Porta Pile (todas as linhas)

Horário: 24 horas

Opção: excursão a pé em Dubrovnik, por kn 91,09 (12€), pelo Get Your Guide

10. Teleférico

Essa é a melhor maneira de ver as muralhas da Cidade Velha de Dubrovnik. Ele fica 405 metros acima do nível do mar e oferece vistas deslumbrantes de Dubrovnik e das ilhas vizinhas. Além disso, adquirindo o ingresso, você pode visitar o Museu Dubrovnik e aprender sobre a guerra.

Localização: Ulica kralja Petra Krešimira IV, 20000, Dubrovnik, Croácia

Como chegar: a pé. Do centro Dubrovnik, são 2,2 km, 28 min pela via Zagrebačka Ul. e Ul. Andrije Hebranga

Horário: das 9h00 à meia-noite, dependendo da época do ano. Confira no site oficial do Teleférico todos os horários de funcionamento

Ingresso: diretamente nas estações de teleférico por kn 170 ou pelo Get Your Guide (Teleférico e Walking Tour na Cidade Velha de Dubrovnik) por kn 311,23 (41€)

Veja também o artigo que escrevemos com o que fazer em Dubrovnik.

Roteiro de 2 dias em Dubrovnik

Confira nossa sugestão de roteiro para conhecer Dubrovnik em 2 dias.

Dia 1

  • Caminhar pelas fortalezas da muralha e conhecer a Torre Minceta;
  • Conhecer o Pile Gate;
  • Conhecer as ruas e as atrações turísticas da Cidade Velha;
  • Visitar a Igreja e Mosteiro Franciscanos;
  • Passar pela Praça Luža e conhecer a Torre do Relógio;
  • Visitar o Palácio do Reitor;
  • Subir no teleférico e admirar a cidade velha de cima da montanha;
  • Aproveitar a noite em um dos bares da Stradun.

Dia 2

  • Aproveitar uma praia, como a de Banje Beach, ao lado da Cidade Velha;
  • Fazer passeios de caiaque pela Baía de Dubrovnik;
  • Parar no Porto de Dubrovnik e assistir ao pôr-do-sol;
  • Aproveitar a noite em um dos bares da Stradun.

Confira também nosso guia de turismo na Croácia.

Quando ir

A melhor época para visitar Dubrovnik é no verão, quando a temperatura está mais quente para aproveitar os maravilhosos passeios ao ar livre e as belas praias croatas com águas cristalinas.

No entanto, a cidade fica repleta de turistas, principalmente nos meses de julho e agosto. Então, a melhor época mesmo para aproveitar melhor os passeios é no início ou no final do verão – junho ou setembro.

Quanto custa viajar para Dubrovnik

Viajar para a Europa não custa barato. Uma pessoa que viaje por uma semana para Dubrovnik vai gastar, em média, cerca de R$ 1.150, por dia, onde:

Item Preço
Média de passagens aéreas R$ 4 mil
Seguro viagem R$ 100
Hospedagem R$ 2 mil
Supermercado R$ 200
Alimentação de rua R$ 40 por refeição em um restaurante econômico
Passeios e ingressos R$ 130 por passeio

 

Onde ficar em Dubrovnik

Confira algumas sugestões de hospedagem na cidade para todos os bolsos e gostos. Para mais sugestões, confira o nosso artigo sobre hotéis em Dubrovnik.

Hospedagem Estrelas Localização Preço médio da diária
Hotel Excelsior 5 Frana Supila 12, Ploce, 20000 1.692,50 kn (R$ 1.100)
Hotel Neptun Dubrovnik 4 Kardinala Stepinca 31, Lapad, 20000 504,40 kn (R$ 301)
Studio Apartment & Room Ten 4 Andrije Hebranga 53a, 20000 248,01 kn (R$ 148)
Rooms Monika 3 1 Ulica od Nuncijate, 20000 180,98 kn (R$ 108)
Anchi Guesthouse 3 Obala Pape Ivana pavla II 23, 20000 196,06 (R$ 117)

 

Observação: simulação e conversão da moeda foram realizadas em agosto de 2019 para uma diária para uma pessoa de um sábado para um domingo em novembro de 2019, com base no conversor do Google.

Comidas típicas e onde comer

A Croácia possui uma gastronomia diversificada, com pratos italianos, gregos, turcos e espanhóis. Porém, há alguns pratos típicos locais que devem ser experimentados pelos turistas que visitam a região. Veja alguns deles:

  • Trufas croatas;
  • Ostras;
  • Frutos-do-mar;
  • Bolo de Ston (feito com massa folhada, macarrão com nozes, limão, açúcar, ovos, manteiga e, às vezes, chocolate;
  • Arancini / Orancini (sobremesa feita com casca de limão e casca de laranja com açúcar servida com caramelo, para acompanhar café ou chá.

No TripAdvisor, você consegue visualizar os melhores restaurantes de Dubrovnik, separados por especialidades. Alguns que servem comidas típicas e estão bem avaliados na plataforma são:

Dicas locais para conhecer Dubrovnik

1. Se você pretende visitar diversos pontos turísticos e museus, uma dica é verificar se vale a pena adquirir o Dubrovnik Card, que dá direito a visitar atrações e a utilizar transporte público;

2. Se possível, leve uma garrafa de água para visitar as muralhas, principalmente no verão;

3. Sempre que possível, compre seus ingressos com antecedência, pelo Get Your Guide. Assim, evita filas e aproveita melhor seu tempo de viagem;

4. Se achar que as hospedagens no centro histórico da cidade estão com um valor acima do seu orçamento, veja as do vilarejo vizinho, Lapad, ou entre Dubrovnik e Lapad, que são mais em conta;

5. A moeda da Croácia é o Kuna. Portanto, uma dica é trocar Kuna e Euros ainda no Brasil, pois nem todas as casas de câmbio locais vão aceitar reais;

6. Dependendo do local, não é permitido circular de carro;

7. Para o turista que precisar de informações, Dubrovnik possui dois serviços oficiais: o Dubrovnik – Neretva County Tourist Board e o Dubrovnik Tourist Board. Os postos de informações estão nos seguintes endereços: Pile Brsalje 5 e Gruž Obala I. Pavla II, 1.

8. É obrigatório ter seguro de viagem para visitar a Croácia. Sugerimos que faça uma simulação no comparador de seguro viagem do Euro Dicas Turismo para conferir as várias opções de seguro para a sua viagem à Europa.

Agora que você já sabe tudo sobre Dubrovnik, programe sua viagem e tenha umas férias incríveis na cidade!

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
  • Viaje sempre com internet no celular

    Para consultar o Google Maps, chamar um Uber, tirar qualquer dúvida ou para alguma emergência, viajar com internet sem depender de Wi-Fi é essencial hoje em dia. O Chip que usamos sempre em nossas viagens é o da Viaje Conectado que tem os melhores preços e cobertura de 4G do mercado.

    VER PLANOS »
Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas Turismo.
Compartilhe
Autor

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.