Obras do Museu do Louvre: conheça as 10 principais do magnífico museu

Visitar Paris  / 

O Museu do Louvre é o mais importante e o maior museu de arte do mundo. Percorrer seus corredores é inesquecível, afinal é uma oportunidade para entrar em contato com obras de arte e coleções de valor inestimável. Mas com tantas obras de arte, o que devemos priorizar? Neste artigo listamos para você quais são as 10 principais e mais visitadas obras do Museu do Louvre.

Vai viajar para a Europa? Saiba todos documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.


Aproveite o melhor da Europa sem qualquer preocupação.

RECEBER GRÁTIS »

Conhecendo o Museu do Louvre

O Museu do Louvre foi inaugurado no ano de 1793 e localiza-se na cidade de Paris. Apesar de ter sido inaugurado somente em 1793, o prédio onde se encontra o museu data de muito antes, inclusive já foi utilizado como fortaleza na defesa de Paris, no ano de 1190.

Quantas obras do Museu do Louvre pode ver?

Em seu magnífico interior, estão expostos cerca de 35.000 obras de arte permanentes, sendo que o acervo possui cerca de 380.000 itens. É a mais completa mostra de arte, desde a época pré-histórica até o século XXI.

O acervo do Museu do Louvre está dividido em oito coleções:

  • Antiguidades egípcias;
  • Antiguidades gregas, etruscas e romanas;
  • Antiguidades orientais;
  • Pinturas;
  • Esculturas;
  • Objetos de arte;
  • Artes gráficas;
  • Artes islâmicas.

As coleções encontram-se expostas em 3 alas principais:

  • Sully;
  • Richelieu;
  • Denon.

Mas se você pretende conhecer o Museu do Louvre, saiba que o ideal é reservar alguns dias, assim um número maior de obras podem ser vistas.

Localização

O Museu do Louvre fica no centro da capital francesa, mais precisamente entre o Rio Sena e a Champs-Élysées.

Visitar o Museu do Louvre

Para visitar o Museu do Louvre, você tem a opção de comprar seu bilhete no local, por 15€, e enfrentar as grandiosas filas para entrar, ou de forma online, no site do Museu do Louvre ou na plataforma Get Your Guide, por 17€.

Para organizar uma visita e conhecer mais detalhes sobre o museu, temos um artigo completo sobre o Museu do Louvre com muitas informações e dicas. Te garanto que vai lhe ajudar muito.

Principais obras do Museu do Louvre

Mona Lisa

Sem dúvida, a Mona Lisa, ou La Gioconda, em italiano, é a obra de arte mais importante da história. Foi pintada no século XVI, por Leonardo da Vinci, importante artista do renascimento italiano.

A técnica utilizada, para retratar a mulher com sorriso enigmático, foi o sfumato, além de efeitos de ótica, que conferem à obra profundidade e perfeição. Entretanto, não espere encontrar um quadro de medidas grandes, ele é pequeno, mede 77 cm por 53 cm. Até hoje, a identidade da figura representada é um mistério.

Como é uma das obras mais visitadas do Museu do Louvre, o número de visitantes para apreciá-la é grande, o que dificulta a proximidade com o quadro.

Localização: ala Denon, sala 711.

Vitória da Samotrácia

A escultura Vitória da Samotrácia foi esculpida em mármore branco. Ela retrata uma mulher alada, sem os braços e a cabeça, sobre uma base que representa um navio.

A escultura é uma das mais significativas do período helenístico. Por expressar grandiosidade, acredita-se que encontrava-se na proa de um navio, indicando a vitória de Rhodes sobre Antiochus III.

Seu autor foi um escultor grego, que a fez por volta de 170 a.C. No ano de 1863, foi encontrada fragmentada em 118 pedaços na Ilha de Samotrácia. Até hoje, o destino da cabeça da escultura é um mistério.

Localização: no 1º andar, na ala Denon, em destaque no patamar da escada.

A Liberdade Guiando o Povo

A Liberdade Guiando o Povo é uma das obras mais conhecidas do pintor Eugéne Delacroix. Foi produzida no ano de 1830. O quadro possui 2,60 m de altura e 3,25 m de largura. Os contrastes de luz e sombra conferem dramaticidade ao quadro, e a liberdade é representada pela figura de uma mulher.

A obra retrata a revolta ocorrida na França, no ano de 1830, e que teve como consequência a substituição do rei Carlos X pelo duque Luís Felipe.

Localização: ala Denon, sala 700.

Quer conhecer o Museu do Louvre sem filas? Confira nossas dicas de visita.

Vênus de Milo

A escultura da Vênus de Milo, feita em mármore branco, representa a deusa grega Afrodite. Ela foi descoberta no ano de 1820 na Grécia e seu autor é desconhecido. Acredita-se que foi esculpida em 100 a.C., no período artístico denominado Helenismo.

A estátua foi produzida em dois blocos de mármore, e estes foram unidos posteriormente. A obra representa a beleza na sua forma mais perfeita.

Localização: ala Sully, sala 345.

No site Get Your Guide é possível escolher um tour guiado no Museu do Louvre, e conhecer as principais obras do Museu do Louvre. A partir de 59€, sem precisar ficar em filas e com a possibilidade de cancelamento.

Bodas de Caná

O quadro Bodas de Caná é o maior do Museu do Louvre. Seu tamanho é de 6,67 metros de altura por 9,90 metros de largura e encontra-se na mesma sala onde está exposta a Mona Lisa. Pintado pelo artista italiano Paolo Caliari, ou Veronese, a obra foi realizada entre os anos de 1562 a 1563.

O quadro retrata cenas bíblicas e cenas do cotidiano da Veneza do século XVI. Como a sociedade de Veneza, nesta época, estava mergulhada em ostentação e pecados, a obra é uma mistura de conteúdo sagrado e profano, levando o homem a refletir sobre o caminho do bem e do mal.

Localização: ala Denon, sala 711.

Psiquê Reanimada pelo Beijo do Amor

Escultura em mármore realizada pelo italiano Antônio Canova. A obra foi esculpida entre os anos de 1787 e 1793 e é uma obra neoclássica.

A escultura transmite simplicidade e beleza e conta a história de amor de Eros e Psiquê. Com componentes da mitologia grega, a obra faz uma alusão ao amor e ao seu poder transformador.

obra exposta louvre

Localização: Ala Denon, sala 403.

O Escravo Agonizante

Essa impressionante escultura em mármore foi esculpida por Michelangelo, para ser colocada no mausoléu do Papa Júlio II. A obra foi terminada no ano de 1545 e retrata o escravo em pé, em um momento de agonia.

A escultura expressa os detalhes anatômicos com a máxima perfeição, transmitindo beleza e sensibilidade. É, sem dúvida, uma das mais impressionantes obras do Museu do Louvre.

Localização: ala Denon, sala 403.

Quer conhecer outros museus em Paris? E o melhor, gratuitos? Leia nosso artigo e complete seu roteiro!

Esfinge de Tanis

A Esfinge de Tanis foi descoberta em 1825 na cidade de Tanis, no Egito. A obra é esculpida em granito vermelho e tem quase 5 metros de comprimento. A esfinge, criada pelos egípcios, tem o corpo de um leão, e a cabeça normalmente representa um faraó.

É uma obra fantástica e uma das maiores esfinges localizada fora do Egito.

Localização: ala Sully, sala 338.

Código de Lei de Hamurabi

O rei Hamurabi criou esse código na Mesopotâmia, por volta de 1780 a.C. Foi encontrado em 1902 na cidade de Susa, pelo francês Jacques de Morgan. O código é considerado a legislação mais antiga da humanidade.

São 282 artigos de direito que regulamentavam a vida no reinado de Hamurabi. Entre as leis que compõem o código, a mais conhecida é a de Talião: “olho por olho, dente por dente”.

As leis do Código de Hamurabi, escritas na forma cuneiforme, foram talhadas numa rocha de basalto escuro de 2,25 metros de altura. Elas estão dispostas em colunas, e o texto tem 3,5 mil linhas.

Localização: ala Richelieu, sala 230.

A Coroação de Napoleão

O quadro mede 6,21 metros de altura e 9,79 de largura. Foi pintado por Jacques-Louis David, e embora o nome se refira à coroação de Napoleão, a obra retrata a cena da coroação da imperatriz Josefina, na catedral de Notre-Dame.

O quadro expõe os personagens de forma realista e os detalhes são impressionantes. Quando Napoleão o viu, disse: “Não é uma pintura, nós andamos neste quadro”.

Localização: ala Denon, sala 702.

Outras obras do Museu do Louvre

Além das 10 obras do Museu Louvre mais famosas, não deixe de visitar também estas:

  • O Escriba Sentado
  • A Balsa da Medusa
  • São João Batista
  • A Morte de Sardanapalo
  • Hermafrodita Dormindo
  • O Agiota e Sua Mulher
  • A Grande Odalisca
  • Gabrielle d’Estrées e Uma de Suas Irmãs

Claro que existem outras dezenas de obras-primas de artistas como Rembrandt, Michelangelo, Goya, entre outros, que você não pode deixar de fora quando visitar o Museu do Louvre em Paris.

monumento museu louvre

Curiosidade do Museu do Louvre

Foi graças a Napoleão Bonaparte, o líder dos últimos momentos da Revolução Francesa que, ao explorar a Itália e o Egito, a maioria das obras do Museu do Louvre foram trazidas para o território francês e podem ser visitadas atualmente.

Ou seja, grande parte da grandiosidade do acervo do Museu do Louvre se deve ao militar baixinho e valente que comandou a França.

Quer conhecer essas e mais outras obras do Museu do Louvre? Saiba quanto custa e confira os gastos, de uma viagem para a França!

Diante de toda a grandiosidade e enorme riqueza artística do Museu do Louvre, é impossível conhecer todas as obras em apenas uma visita. Mas, espero que nossas dicas sejam proveitosas, e ajudem na escolha das obras que não podem deixar de ser vistas em sua visita. E se você já visitou o Louvre, ou vai visitar, nos conte quais são suas obras preferidas!

Dica extra: se está planejando viajar para a França, é importante saber que é obrigatório ter um seguro viagem. Faça uma cotação no nosso comparador de seguro viagem e descubra qual o melhor e mais barato para você.

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
COMPARTILHE
Autores

May Bell é brasileira, formada em Zootecnia. Adora história mundial, literatura, música e artes, além de viajar e conhecer outras culturas. Hoje divide seu tempo entre produção de conteúdos e a família.

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.