Catedral de Barcelona: visite o imponente símbolo da cidade

Visitar Barcelona  / 

A Espanha reúne cidades que são um dos principais destinos dos turistas de todo o mundo, principalmente dos brasileiros. Cidades como Madrid e Barcelona sempre estão presente na lista de desejos dos viajantes. Se você vai conhecer a Espanha e visitar a segunda capital do país, como Barcelona é conhecida, não pode esquecer de colocar a Catedral de Barcelona no seu roteiro e admirar esse impressionante símbolo da cidade e da religião do país.

Encontre o melhor pacote de férias para a Europa

Pacotes de Viagem, Circuitos, Multi Destinos, Cruzeiros.

Confira as promoções na Logitravel e garanta sua viagem dos
sonhos para a Europa.

VER OFERTAS DE FÉRIAS »

Informações sobre a Catedral de Barcelona

Localização: Pla de la Seu S/N;

Horário: de segunda a domingo, das 8h até entre 19h/20h, dependendo do dia;

Como chegar: estações Jaume I ou Liceu do metrô;

Ingresso: 3€ a 7€.

Conheça mais sobre a Catedral de Barcelona

Também conhecida como La Seu ou Catedral da Santa Cruz e Santa Eulália, a Catedral de Barcelona começou a ser construída em 1298 no local onde existia um antigo templo romano e levou alguns longos anos para ser concluída. Consequentemente, é possível observar mais de um estilo arquitetônico: barroco, gótico, neogótico e modernista.

Cada parte da Catedral possui características arquitetônicas próprias. O interior, por exemplo, segue a distinção gótica em suas três naves, assim como a Capela. A fachada e a torre principal, por terem sido concluídas no século XIX, se inspiram no gótico, mas pertencem ao estilo neoclássico.

Essa demora para finalizar a construção se deu por diferentes causas, sendo tanto pelo seu imponente tamanho quanto por acontecimentos históricos como a Peste Negra, cercos, rebeliões e invasões à Espanha.

O que ver por ali

Além da arquitetura impressionante da Catedral, vale muito a pena conhecer diversos locais em seu interior e, obviamente, os terraços. Nas naves interiores, com suas impotentes abóbadas e janelas, vale conhecer também o órgão e o coro, construídos entre 1537 e 1539, e o altar. A cripta é onde está a Santa Eulália, padroeira da cidade, e representações de diversas pessoas da nobreza local.

Detalhes da Catedral de Barcelona

Na parte externa, no claustro da catedral, estão tanto a construção quanto as fontes e o tanque de água e os 13 gansos, um símbolo para a Santa. No claustro também está localizado o túmulo de Manuel Girona, importante empresário e político espanhol. Os terraços conferem uma vista panorâmica única e de tirar o fôlego, permitindo ver todo o bairro gótico, a própria cátedra e também toda a cidade.

Não se pode deixar de conhecer também a Capela do Santo Cristo de Lepanto, muito importante para os locais.

Onde fica e como chegar

A Catedral de Barcelona está localizada na Plaça Nova, no Barri Gòtic. Para chegar lá, é possível ir tanto de táxi quanto de transporte público, sendo as estações de metrô mais próximas a Jaume I, na linha 4 amarela, e a Liceu, na linha 3 verde.

São 2 possíveis entradas: a Principal (Pla de la Seu) e a Porta de Santa Eulalia (Carrer del Bisbe), voltada para pessoas com mobilidade reduzida.

Ingressos

O preço dos ingressos pode variar conforme o dia e o horário de visitação, mas é possível conhecer a maior parte dela gratuitamente. Com exceção do coro, terraços e museu, o ingresso deve ser adquirido à parte. Também existe a possibilidade de comprar o ingresso (que funciona como uma forma de doação para a Catedral) e nesse estão inclusas a entrada a esses locais.

Como os horários gratuitos tendem a estar mais cheios de turistas, sugerimos comprar com antecedência o ingresso que permite conhecer a Catedral de Barcelona com mais tranquilidade e conforto, além de possibilitar também o acesso à Capela de Santo Cristo Lepanto, ao coro, ao terraço, ao templo e claustro e ao museu.

Os preços variam entre 5€ e 7€ por pessoa, sendo 5€ em caso de grupos. Os ingressos separados para o coro e terraços tem um custo de 3€ cada.

Vai viajar para a Europa? Veja todos os documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.

RECEBER GRÁTIS »

Horário de funcionamento

  • Segunda a sexta: das 8h às 19h30, sendo o horário pago das 13h às 17h30;
  • Sábados: das 8h às 20h, sendo o horário pago das 13h às 17h;
  • Domingos e feriados: das 8h às 19h, sendo o horário pago das 14h às 17h e entre às 8h até às 13h45, gratuito unicamente para a celebração da missa. O elevador para os terraços está disponível de segunda a sábado das 10h às 12h.

Código de Vestimenta

A Catedral exige que seus visitantes estejam com roupas adequadas ao ambiente: sem shorts, bermudas ou saia curta, ombros cobertos, sem boné ou outros tipos de chapéus. Especialmente no verão, com temperaturas mais quentes, é fundamental se atentar a esses pontos para não ser barrado na entrada. Uma sugestão que muitas mulheres usam é andar com um chale ou echarpe para se cobrir durante a visita.

Também é exigido que os visitantes não entrem com alimentos, mantenham seus celulares no silencioso e controlem a voz, inclusive para respeitar os fiéis que vão para participar das missas e para orar. Para mais informações sobre entradas, horário de funcionamento, localização, missas, vestimenta, entre outros, basta acessar o site oficial da Catedral de Barcelona.

Confira dicas do que conhecer na região

A Catedral de Barcelona está localizada no coração da cidade e permite que os turistas possam conhecer diversos outros pontos turísticos facilmente. Primeiramente, vale a pena conhecer a praça em que ela está localizada, onde geralmente acontecem feiras de objetos antigos. O bairro gótico costuma surpreender seus turistas com um labirinto de ruas estreitas e construções antigas, que testemunharam uma série de acontecimentos históricos, sendo basicamente uma zona medieval.

La Rambla em Barcelona

Vale conhecer a Las Ramblas, a Via Sepulcral Romana, a Placa del Rei, Placa de Sant Jaume, a Basilica de Santa Maria del Pi, entre outros. Bem próximos da Catedral estão também os Museus Frederic Marès, Plaza del Rey e de Ideias e Inventos de Barcelona.

Não esqueça de se prevenir

Barcelona, assim como outras cidades da Espanha, exigem que você tenha um seguro viagem e este também é fundamental para que você possa aproveitar o passeio com toda a tranquilidade e segurança possível, estando preparado para qualquer tipo de imprevisto. Para fazer a cotação do seu seguro de forma personalizada, recomendamos que você utilize o nosso comparador de seguro viagem.

Outra dica muito importante é comprar um plano de internet para a Europa, assim você pode estar sempre consultando o GPS, procurando curiosidades sobre os pontos turísticos, conversando com seus familiares e postando suas melhores experiências nas redes sociais.

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
  • Viaje sempre com internet no celular

    Para consultar o Google Maps, chamar um Uber, tirar qualquer dúvida ou para alguma emergência, viajar com internet sem depender de Wi-Fi é essencial hoje em dia. O Chip que usamos sempre em nossas viagens é o da Viaje Conectado que tem os melhores preços e cobertura de 4G do mercado.

    VER PLANOS »
Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas Turismo.
Compartilhe
Autor

Evellyn Lima é brasileira e atualmente não tem endereço fixo. Resolveu viver uma vida de nômade digital. É jornalista, redatora, revisora e compartilha detalhes e surpresas das suas viagens no Instagram @ninguemcontadaviagem.