Casa Batlló: tudo que você precisa saber sobre a obra de Gaudí

Visitar Barcelona  / 

A Casa Batlló é um dos principais pontos turísticos de Barcelona. Localizada em uma das avenidas mais importantes da cidade, a obra foi construída por um renomado arquiteto. Conheça e veja como visitar.

Vai viajar para a Europa? Saiba todos documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.


Aproveite o melhor da Europa sem qualquer preocupação.

RECEBER GRÁTIS »

O que é a Casa Batlló?

É um edifício idealizado pelo famoso arquiteto catalão Antoni Gaudí. Considerada uma obra-prima, a construção modernista chama a atenção dos que passam por sua frente.

Com uma fachada predominantemente ondulada e colorida, o prédio foi declarado Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO em 2005.

A história da Casa Batlló

Na década de 1860, Barcelona deu início a um plano urbanístico a fim de se modernizar. Chamado de Plan Cerdá, a ideia era converter o Passeig de Gràcia – que até então era uma rua que ligava a cidade com a Villa de Gracia, hoje um bairro – na principal avenida, onde as famílias mais ricas passariam a viver.

Já no ano de 1877, o arquiteto Emilio Sala Cortés construiu o edifício onde hoje se encontra a Casa Batlló. De fato, o local foi comprado pelo empresário do ramo industrial têxtil D. Josep Batlló y Casanovas, em 1903. Sua ideia inicial era demolir a casa. Entretanto, o arquiteto Antoni Gaudí percebeu que isso não era necessário; bastava uma reforma completa.

Contando com o apoio de D. Josep Batlló, que deu total liberdade criativa a Gaudí, o lugar passou por uma reestruturação entre 1904 e 1906. Assim, o arquiteto transformou a fachada, redistribuiu as paredes e ampliou o pátio de luz.

Além de seu valor artístico, a obra de arte também é funcional, e o artista trabalhou em cada detalhe. Cores, desenhos, formas, espaços e luzes, com diferentes materiais como vidro, azulejo e madeira foram criados por Gaudí.

visitar a casa batlló em barcelona

Na década de 1950, a Casa Batlló deixou de pertencer à família Batlló. Posteriormente, o local passou pelas mãos de vários outros donos – sempre mantendo o mesmo nome – até ser comprado em 1993 pelos atuais proprietários, a família Bernat, que restaurou a casa e a abriu para visitas e eventos.

Desde então, o lugar se tornou um dos principais atrativos de Barcelona, recebendo 1 milhão de visitantes por ano.

Como visitar a Casa Batlló

Horário de funcionamento

A casa está aberta todos os dias do ano, das 9h às 21h. Uma dica é visitá-la no dia 23 de abril, uma data especial para a Catalunha, já que se comemora o dia de São Jorge (ou Sant Jordi em catalão), o padroeiro da região.

Além disso, ela também marca o Dia dos Namorados e o Dia do Livro, se tornando um importante feriado para os catalães. Como resultado, toda a cidade de Barcelona se colore com flores e a Casa Batlló, por exemplo, é decorada com rosas vermelhas em suas janelas.

Como comprar ingressos

A compra pode ser feita tanto online pelo site oficial da Casa Batlló quanto na bilheteria do local. Os preços são:

  • Adultos: 25€;
  • Estudantes, jovens entre 7 e 18 anos e maiores de 65 anos: 22€;
  • Residentes da Catalunha: 15€;
  • Crianças menores de 7 anos: entrada gratuita.

Lembrando que esses valores são referentes aos ingressos comprados pelo site. Entretanto, se você optar por comprar diretamente na bilheteria, eles sairão 4€ mais caros – além das filas que possam existir no local eventualmente.

A entrada tem tolerância de 15 minutos e a visita dura cerca de uma hora – a última entrada é às 20h. Ao entrar, é entregue aos visitantes um SmartGuide, um audioguia com experiência multimídia e realidade aumentada, disponível em 11 idiomas, entre eles português e inglês.

Por ser uma das atrações mais populares de Barcelona, ela acumula filas de visitação, principalmente aos fins de semana, feriados e alta temporada. E você corre o risco de não conseguir tickets devido à lotação.

A melhor opção é comprar os ingressos online, com antecedência e sem riscos. Na Get Your Guide, o ticket para a Casa Batlló sem filas custa 39€. Além da reserva ser simples e rápida, tem a vantagem do cancelamento fácil e de guardar os ingressos no seu celular.

Viaje sempre com internet no celular

Para consultar o Google Maps, chamar um Uber, tirar qualquer dúvida ou para alguma emergência, viajar com internet sem depender de Wi-Fi é essencial hoje em dia.

O Chip que usamos sempre em nossas viagens é o da Viaje Conectado que tem os melhores preços e cobertura de 4G do mercado.

VER PLANOS »

Localização

A Casa Batlló fica no centro de Barcelona, no Passeig de Gràcia, número 43, no bairro de Eixample. Ela está situada na Manzana de la Discordia, um quarteirão entre as ruas D’Aragó e Consell de Cent, assim como outros edifícios modernistas como a Casa Amatller, Casa Lleó Morera, Casa Mulleras e Casa Josefina Bonet.

Como chegar

A Casa Batlló tem fácil acesso:

  • Pelo metrô, através das linhas L2 (lilás), L3 (verde) e L4 (amarela) e descer na estação Passeig de Gràcia;
  • Pelo trem RENFE basta descer também na estação Passeig de Gràcia. E pelo trem FGC, descendo na estação Provença;
  • Já de ônibus, as linhas H10, V15, 7, 22 e 24 dão acesso ao local.

O que ver perto da Casa Batlló

Ao contrário de outras obras de Antoni Gaudí, que não estão localizadas tão no centro da cidade, como o Parque Güell e a Sagrada Família, a Casa Batlló fica em uma das avenidas mais badaladas de Barcelona.

Por certo, nela também se encontra outra construção de autoria do arquiteto catalão: a Casa Milà, popularmente conhecida como La Pedrera, situada a apenas três quarteirões da Casa Batlló.

O Passeig de Gràcia é também parada obrigatória para quem quer fazer compras em Barcelona. Diversas lojas, principalmente de marcas famosas, têm endereço na larga e elegante avenida. Algumas delas são: Adidas, Chanel, Diesel e Lacoste, assim como Louis Vuitton, Nike, Swarovski e Zara.

Uma ótima opção para comer perto da Casa Batlló é o El Nacional. Localizado no número 24 do Passeig de Gràcia, o charmoso espaço gastronômico oferece bares e restaurantes com diversas opções, entre elas excelentes drinks bem como as tradicionais tapas.

Perto de lá, descendo mais um pouco a avenida, está a famosa Praça Catalunha. Nela está situada a loja de departamento El Corte Inglés, ocupando um de seus quarteirões. Além dela, estão presentes Apple, a loja oficial do Barcelona FC e restaurantes mais populares como 100 Montaditos e McDonalds.

Dica: se você gosta de arte e arquitetura, explore Barcelona pelos olhos de Antoni Gaudí e faça visitas guiadas à Sagrada Família e à Casa Batlló. O ticket da excursão custa 79€ na Get Your Guide.

Se você está em busca de o que fazer de divertido em Barcelona, confira nossas dicas de atrações e atividades.

Onde ficar perto da Casa Batlló

Por estar em uma zona nobre e central, a Casa Batlló e suas redondezas geralmente possuem hotéis e apartamentos com alto preço. Entretanto, há opções  de hotéis em Barcelona para todos os bolsos:

Art City Hostel

Para quem gosta de vida social e quer economizar, o Art City Hostel é uma ótima opção. Localizado a apenas uma quadra da Casa Batlló, na Rambla de Catalunya, 64, ele certamente oferece uma boa relação custo-benefício.

Preço médio: 93€

Hotel HCC Taber

O Hotel HCC Taber é ideal para quem busca conforto e comodidade por um preço justo. Sua localização é excelente, estando basicamente atrás da Casa Batlló, na Carrer d’Aragó, 250, a menos de dois minutos da atração.

Preço médio: 142€

Hotel Mandarin Oriental Barcelona

O Mandarin Oriental Barcelona é um hotel cinco estrelas que fica a poucos metros da Casa Batlló, do outro lado do Passeig de Gràcia, nos números 38 e 40. Então, se você quiser luxo e se o bolso permitir, vale a pena se hospedar nele.

Preço médio: 627€

Em suma, a Casa Batlló é, inegavelmente, uma das muitas atrações imperdíveis de Antoni Gaudí e de Barcelona. Por sua localização estratégica, vale a pena conhecê-la, nem que seja desde o lado de fora observando sua beleza.

Dica: é obrigatório ter seguro de viagem para visitar a Espanha. A melhor forma de escolher é fazer uma cotação online. O nosso comparador de seguro viagem vai ajudá-lo a encontrar o melhor seguro de viagem ao melhor preço.

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
  • Viaje sempre com internet no celular

    Para consultar o Google Maps, chamar um Uber, tirar qualquer dúvida ou para alguma emergência, viajar com internet sem depender de Wi-Fi é essencial hoje em dia. O Chip que usamos sempre em nossas viagens é o da Viaje Conectado que tem os melhores preços e cobertura de 4G do mercado.

    VER PLANOS »
COMPARTILHE
Autor

Paulistano de origem italiana, é formado em Jornalismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Viveu por um ano na Espanha, onde concluiu o mestrado em Jornalismo de Viagens pela Universitat Autònoma de Barcelona. Gosta de jogar futebol, viajar, conhecer novos lugares, pessoas, culturas, histórias e contá-las.