Praga, a capital da República Tcheca, é uma das cidades mais lindas da Europa que já visitei. Para desfrutar de tudo que ela tem para oferecer, um dos pontos que deve ter claro no seu planejamento é com relação ao transporte em Praga.

Eu mesma fiquei confusa no início, não entendi muito bem onde comprar o bilhete e como validá-lo e nesse caso, contei com a ajuda do atendente do meu hostel para explicar tudo. Por isso, neste artigo, vim contar a minha experiência e te explicar tudo para se locomover tranquilamente e sem a tensão de que há algo errado ou que você pode tomar uma multa a qualquer momento.

Como usar o transporte público em Praga?

Para usar o transporte público de Praga, você precisa entender que existem diferentes tipos de transporte: metrô, ônibus e tramvaj, uma espécie de bonde, muito utilizada por várias cidades europeias. Inclusive, o tramvaj é o veículo mais comum de ser utilizado, justamente por circular por toda a cidade, incluindo locais próximos aos pontos turísticos de Praga.

A forma como se usa o transporte em Praga é que similar a nossa no Brasil, você precisa adquirir um bilhete, fazer a validação em uma das máquinas presentes nos pontos/estação ou até mesmo dentro do próprio transporte público — no caso do ônibus ou tramvaj.

O horário começa a contar a partir da primeira validação. Além disso, todos os transportes são conectados, ou seja, durante o tempo do bilhete, você pode fazer baldeações, seja entre os metrôs, seja entre metrô e tramvaj e assim por diante.

Os bilhetes podem ser adquiridos para períodos curtos, o chamado ticket limitado (30 minutos) ou para períodos longos, chamado ticket simples (90 minutos). Também cabe ressaltar que se você estiver levando alguma mala ou mochilão, é preciso acrescentar um valor adicional para poder transportá-la com você.

Para quem precisa utilizar o transporte público com maior frequência durante o dia ou até mesmo vai fazer um roteiro Praga de 3 dias, também há opções de bilhetes para 24h e 72 horas.

Atenção: os bilhetes para o transporte público de Praga, independente se é ônibus, metrô ou tramvaj, devem ser adquiridos nas máquinas das estações de metrô ou em bancas/postos de atendimento ao público. Você também pode comprar online através do aplicativo mobile. Se quiser utilizar o contactless do seu cartão, também é possível fazê-lo aproximando das máquinas localizadas dentro do transporte, exceto o metrô.

Como usar o metrô de Praga?

O metrô foi o transporte público de Praga que achei mais fácil de usar. Peguei uma linha da rodoviária até um ponto mais central, depois fiz a baldeação para o tramvaj até chegar no local onde fiquei em Praga.

Primeiro, andar de metrô em Praga é como em qualquer lugar, você deve fazer a leitura do mapa para saber a direção que precisa ir e qual estação deve descer. O Google Maps é uma excelente ferramenta para utilizar para te ajudar com as direções.

Chegando na estação, procure pelas máquinas de venda de bilhete (têm opção em tcheco, inglês e espanhol), faça a compra do seu bilhete para curto ou longo período e siga na direção correta da sua linha. Nas máquinas que ficam na estação, você deve validar o seu bilhete e pronto!

Praga não tem muitas linhas de metrô, ao todo são apenas 3 linhas — vermelha, verde e amarela — e cerca de 60 estações. Ele funciona diariamente das 5h à meia-noite, sendo a frequência variando de 3 a 10 minutos, a depender do horário.

Durante o deslocamento, há uma voz falando a estação, mas como são nomes tchecos, aconselho a ficar de olho no painel para saber exatamente em qual estação descer.

Quanto custa o metrô em Praga?

A partir de Kč 30. Confira quanto custa andar de metrô por Praga:

Bilhete Valor
Ticket simples (90 minutos) Kč 40 (R$ 8,72)
Ticket limitado (30 minutos) Kč 30 (R$ 6,54)
Adicional por bagagem Kč 20 (R$ 4,36)
Ticket diário (24 horas) Kč 120 (R$ 26,17)
Ticket 3 dias (72 horas) Kč 330 (R$ 71,96)

*Cotação do dia 8 de janeiro de 2024, 1 Kč é equivalente a R$ 0,22.

Uma boa forma para quem já desenhou a lista do que fazer em Praga é utilizar o Praga City Card com transporte público, um cartão turístico que inclui a entrada em 70 atrações turísticas e ainda inclui o bilhete do transporte público para você andar sempre que precisar.

Esse cartão pode ser adquirido para quem vai ficar de 2 a 5 dias na cidade e é uma ótima oportunidade para conhecê-la mais afundo.

Como funciona o ônibus em Praga?

Igual em qualquer cidade do mundo. Você entra, valida o bilhete, dá o sinal quando quiser descer e pronto. Apesar de existirem, os ônibus em Praga não são muito usados para turismo e pelo que notei durante a minha estadia, boa parte da população prefere utilizar o metrô ou o tramvaj.

Se por um acaso precisar pegar um ônibus, atente-se a comprar o bilhete com antecedência nas estações de metrôs ou bancas de informação ao público, pois não há trocador e o motorista também não recebe o dinheiro.

Quanto custa o metrô em Praga?

O valor é o mesmo para toda a rede de transporte em Praga, conforme descritos na tabela anterior, ou seja, Kč 40 (R$ 8,72) o passe simples de 90 minutos ou Kč 30 (R$ 6,54) para bilhete limitado até 30 minutos.

Outra possibilidade para economizar no seu orçamento de quanto custa viajar para Praga é utilizar o Prague Cool Pass, outro cartão turístico disponível. Esse cartão está disponível para contratação de 1 a 6 dias, inclui 70 atrações, contando ainda com um passeio em ônibus turísticos e um cruzeiro pelo rio.

Como funciona o tramvaj em Praga?

O tramvaj é o transporte mais comum em Praga e que, provavelmente, você andará com mais frequência. Afinal, são cerca de 140 km de trilhos que passam por toda a cidade, contando com 31 linhas, sendo 9 delas linhas noturnas.

Esse trasporte público funciona de 4h30 à meia-noite, já as linhas noturnas funcionam cobrem o restante de horário, ou seja, de meia-noite a 4h30 e com uma frequência de 30 minutos.

Tramvaj passando por uma rua de Praga
O transporte em Praga é muito eficiente, mas nunca esqueça de comprar e validar o bilhete

Para quem deseja ir ao Castelo de Praga, um dos principais pontos turísticos, a linha 22 é a que deve pegar. Se tiver a sorte de estar na cidade durante o final de semana ou feriado entre março a novembro, recomendo pegar a linha 91, conhecida como linha nostálgica. Ela passa por diferentes locais da cidade, onde os primeiros bondes começaram a circular em 1875.

Quanto custa o tramvaj em Praga?

O valor é o mesmo da tabela apresentada, afinal, você pode fazer baldeação entre os transportes públicos disponíveis em Praga. Já o bonde nostálgico, custa Kč 35 (R$ 7,65).

Ônibus turístico em Praga

Os ônibus turísticos em Praga são outras opções para se locomover por Praga e são ótimas opções para quem deseja conhecê-la mais a fundo, visto que contam com audioguia. Esses ônibus permitem subir e descer nos pontos quantas vezes desejar, desde que o período do bilhete esteja válido.

Existem três operadores de ônibus turístico na cidade:

Quanto custa o ônibus turístico em Praga?

A partir de 22€, mas os valores variam conforme o operador do ônibus turístico, bem como número de dias que irá escolher. Confira a tabela abaixo:

Operador Tempo Valor
Martim Tour 2 horas 22€
City Sightseeing Praga sem cruzeiro 24 horas 28€
City Sightseeing Praga sem cruzeiro 48 horas 34€
City Sightseeing Praga com cruzeiro 24 horas 38€
City Sightseeing Praga com cruzeiro 48 horas 44€
Big Bus Praga sem cruzeiro 24 horas 30,48€
Big Bus Praga sem cruzeiro 48 horas 35,36€
Big Bus Praga com cruzeiro 48 horas 40,23€

Alugar carro em Praga vale a pena?

O aluguel de carro em Praga também pode ser uma opção para se locomover na cidade, principalmente para quem possui mobilidade reduzida ou é idoso. Contudo, cabe ressaltar que ao optar por esta opção, você precisa se atentar as zonas de estacionamento e incluir esse gasto a mais no seu orçamento.

Se você não faz parte desse público, recomendo que você opte por utilizar o transporte público em Praga, que funciona muitíssimo bem e tem um valor baixo. Principalmente, se adquirir juntamente com o Prague Welcome Card, o cartão turístico que já inclui o uso do transporte para além da entrada em diversas atrações.

Carros estacionados no centro histórico de Praga
Ao alugar um carro, considere também os gastos com estacionamento

Por outro lado, se você planeja fazer algumas viagens de bate e volta de Praga, contar com um carro pode ser mais interessante, visto que você poderá viajar no seu próprio tempo, sem ter que preocupar com horários.

As estradas da República Tcheca também são ótimas, permitindo uma viagem bem tranquila, exceto no inverno. Lembre-se que a República Tcheca é um país que costuma nevar e para quem não tem costume de dirigir na neve, pode ser arriscado pegar estrada, pois os pneus deslizam bastante.

E não esqueça da Permissão Internacional para Dirigir (PID), pois ela poderá ser solicitada, visto que Praga faz parte da Convenção de Viena, que estabelece a obrigatoriedade do documento.

Quanto custa?

Alugar carro em Praga custa a partir de R$ 73,40 por dia de viagem, mas claro, que esse valor varia conforme o modelo de carro que deseja alugar. Para te dar uma noção do custo, realizei uma cotação na DiscoverCars no dia 8 de janeiro de 2024, considerando 5 dias.

Tipo de veículo Valor para 5 dias a partir de
Carros pequenos R$ 367,04
Carros médios R$ 393,22
Carros grandes R$ 471,90
SUV R$ 550,57
Carros de luxo R$ 1.599,24

Tem Uber em Praga?

Sim, tem Uber em Praga e o modo de usar é como no Brasil, basta acessar o aplicativo, indicar o local de partida e destino, e esperar o motorista chegar. Apesar do transporte público em Praga ser ótimo, muitas pessoas utilizam o Uber para fazer trajetos mais específicos entre o aeroporto e o hotel, ou até mesmo quando se está com muita bagagem. Outro aplicativo presente na cidade é o Bolt.

Outra opção são os táxis, mas infelizmente, a fama dos taxistas não é boa em Praga. Portanto, lembre-se sempre de verificar se o taxímetro está ligado e certifique-se de estar com um aplicativo de mapa aberto para saber indicar o melhor caminho.

Ficar conectado na Europa nunca foi tão fácil

Com a America Chip você tem internet 4G ilimitada durante toda a viagem. Escolha entre o chip e o eSIM e aproveite a Europa com a melhor conexão a partir de USD 40.

Ver Planos →

Como ir do aeroporto de Praga para o centro?

Você pode utilizar tanto o transporte público em Praga, quanto o transporte privado, como Uber, táxi e transfers para ir do Aeroporto de Praga Václav Have (PRG) para o centro da cidade. Para ambas as opções, recomendo adquirir o bilhete com duração de 90 minutos por Kč 40 (R$ 8,72) e não esqueça de acrescentar o extra de Kč 20 (R$ 4,36) por bagagem.

Ônibus e Metrô

Nos terminais 1 e 2 do aeroporto, você pode pegar o ônibus 119 até a estação Nádraží Veleslavín. De lá, pegar o metrô linha A (verde) e seguir até a estação Staroměstská.

Outra opção é pegar os ônibus 322 ou 414 no terminal 1 e seguir para a estação Nádraží Veleslavín, onde se deve pegar o metrô, linha verde também até a Staroměstská.

Ônibus e tramvaj

Você também pode pegar as linhas de ônibus 322, 119 e 191 sentido Praça Nádraží Veleslavín e de lá, pegar a linha 20 ou linha 2 do tramvaj.

Opções privadas

As opções privadas ir do aeroporto de Praga para o centro, para além do Uber, Bolt ou táxi são:

Distância do aeroporto de Praga para o centro

A distância do aeroporto de Praga para o centro é cerca de 16 quilômetros. Utilizando o transporte em Praga, você gastará cerca de 50 minutos, enquanto de carro cerca de 27 minutos.

Preparando sua viagem para Praga

Agora que já sabe funciona o transporte em Praga, separei ainda algumas dicas para te ajudar a planejar a sua viagem por essa cidade apaixonante.

Seguro viagem

Insira no seu planejamento, a contratação de um seguro viagem. A República Tcheca faz parte do Espaço Schengen, o qual compartilha as fronteiras livres. Sendo assim, há exigência de um seguro viagem Europa com cobertura mínima de 30 mil euros para as despesas médicas e hospitalares.

Você pode fazer a contratação através do Seguros Promo, um comparador de seguro viagem que reúne diferentes seguradoras e conta com ótimas opções de planos e preços. Facilita bastante a sua busca pelo seguro ideal.

Chip internacional

Andei muito a pé por Praga utilizando aplicativo de mapa para me levar até os locais que gostaria de visitar. E também utilizei bastante para me locomover do hostel ao centro histórico. Como estava hospedada em um local fora do centro turístico e queria sempre utilizar o transporte público em Praga para economizar, o Google Maps foi meu principal aliado.

Mas para ter acesso a aplicativos de mapas, comunicações e redes sociais para publicar as suas fotos e stories, você precisa de conexão de internet. Você pode adquirir um chip internacional ainda no Brasil para chegar à Europa conectado.

Existem várias empresas que comercializam esse produto e a nossa recomendação é a America Chip. A empresa conta com planos de ótimo custo-benefício e possui uma ótima cobertura em Praga e outros países da Europa.

Cartão internacional

Esqueça o cartão de crédito e evite pagar altas taxas de utilização e impostos. Hoje, existem vários cartões de débito internacionais que funcionam perfeitamente em viagem, seja para utilizar em maquininhas de cartão, seja para sacar dinheiro em um caixa eletrônico internacional.

Além disso, Praga tem a Coroa Tcheca como moeda, que é bem diferente do Euro, que por sua vez é bem diferente do Real. Para evitar confusões com câmbio, recomendo o cartão Wise, um cartão multimoedas que faz a conversão na hora e com o uso de câmbio comercial, que é mais barato que o câmbio turístico.

Com ele, você pode não só viajar para a República Tcheca, como fazer um roteiro leste europeu completo, passando por países que vivem fora da Zona do Euro, assim como pode utilizá-lo nos países europeus que utilizam euro ou até a libra esterlina.

Prontinho, o guia de transporte público em Praga já está desenhado na sua cabeça, você já sabe quais os meios de transporte disponíveis, valores e como adquirir o bilhete. Agora, é organizar o roteiro em Praga e as malas para partir para a aventura!

Boa viagem!