Ingressos para Versalhes: todas as informações para visitar o Palácio

Visitar Paris  / 

Se for à Paris, reserve um dia para conhecer como vivia a monarquia francesa. Veja todas as informações de como adquirir os ingressos para Versalhes, algumas curiosidades sobre o Palácio, seus jardins, e como evitar fila.

Ingressos para Versalhes: principais informações

Endereço: Place d’Armes, 78000 Versailles

Horário: 9h às 18h30 de abril a outubro e das 9h às 17h30 de novembro a março.

Como chegar: de RER. Veja mais detalhes abaixo

Preço: 18€ (Comprar online)

Onde fica o Palácio de Versalhes

O Palácio fica na cidade de Versalhes. Veja a localização precisa:

Veja mais detalhes de como chegar no Palácio de Versalhes

Direto de Paris, é possível ir de RER até Versalhes. O RER é a rede de trens da cidade, que saem de algumas estações de metrô. São 5 linhas e mais de 250 estações.

Para ir até o Palácio de Versalhes, use a linha C com direção à Versailles Rive Gauche. Ou, se preferir, pegue o trem normal Versailles Chantiers na Gare Montparnasse.

Horário de funcionamento do Palácio de Versalhes

Os dias e horários de funcionamento Palácio de Versalhes mudam, de acordo com os meses do ano. Veja:

  • De 1 de abril a 31 de outubro: de terça a domingo, das 9h às 18h30. O jardim funciona todos os dias, das 8h às 20h30;
  • De 1 de novembro a 31 de março: de terça a domingo, das 9h às 17h30. O jardim funciona todos os dias, das 8h às 18h.

Ingressos para Versalhes: quanto custa e como comprar

Os ingressos podem ser adquiridos direto na bilheteria do Palácio de Versalhes, ou no site oficial da atração.

Ele custa 18€ e inclui a visita ao Palácio, as exibições temporárias, jardins e galerias. O ingresso dá direito a um áudio guia.

Ingressos para Versalhes: entrada gratuita

  • Menores de 18 anos e cidadãos da União Europeia entre 18 e 25 anos;
  • No primeiro domingo do mês entre os meses de novembro a março;
  • Portadores dos cartões Paris Pass e Paris Museum Pass.

Ingressos para Versalhes: sem fila

O Palácio de Versalhes é uma das atrações mais procuradas por viajantes que vão à Paris. Por isso, os ingressos esgotam rápido e as filas são extensas. Para evitá-las, e garantir o seu, existem algumas opções:

Ingresso + áudio guia pela Get Your Guide

Ingresso com áudio guia: compre antecipado o ingresso + áudio guia, no mesmo valor da bilheteria.

Visita guiada em tour

Visita guiada sem fila: o tour com guia dura 90 minutos e inclui visita aos apartamentos de Estado, o Quarto do Rei e o Salão dos Espelhos. A partir de 40€, por pessoa.

Palácio e Jardins + Domínio de Maria Antonieta

O ingresso para o Palácio e Jardins de Versalhes dá acesso a todo o complexo de Versalhes, incluindo o Palácio, o Domaine de Maria Antonieta, o Trianon e os Jardins do Palácio. Ingressos a partir de 20€, por pessoa.

Ingressos + Traslado

A opção Palácio de Versalhes saindo de Paris inclui o transporte de traslado incluso. O ingresso dá direito a escolher 3 pontos de partida da capital francesa e entrada sem fila da bilheteria. Custa partir de 62€, por pessoa.

Paris Pass

Quem adquirir o Paris Pass, o cartão turístico da cidade, adquire ingresso incluso no Palácio de Versalhes, além de mais 60 museus e atrações.

O Paris Pass também permite que se utilize metrô, ônibus e trem gratuitamente. Ele tem 5 opções, de 2 a 6 dias. O Paris Pass pode ser adquirido no site Get Your Guide a partir de 104,90€, por pessoa.

Ingressos Versalhes Galeria dos Espelhos

Ingressos para Versalhes: conheça mais sobre o Palácio francês

Conhecer o Palácio de Versalhes, na França, é, também, uma oportunidade de conhecer mais sobre a história do país. O passeio engloba não só o Palácio, mas também o Grand Trianon, a casa onde era considerada o domínio, ou “domaine”, da Rainha Maria Antonieta, e os jardins.

Estes, por acaso, são um encanto à parte, principalmente se você for na primavera ou no verão.

Para conhecer, tire um dia inteiro de visita. Ao longo deste dia, faça uma imersão na morada de Luís XIV e entenda todo o exagero e luxo contado nos filmes e nos livros.

O Palácio de Versalhes começou a ser construído em 1661, através de seus jardins. Uma das curiosidades sobre o local é que ele só ficou totalmente pronto, como vemos hoje, muito tempo depois. Exatos 40 anos após o início de sua construção.

Desde 1982, até a chegada da Revolução Francesa, foi casa de Luís XIV, de sua corte e de diferentes monarcas que ocuparam o trono. Dizem que um dos locais do Palácio também foi casa de Napoleão Bonaparte.

Em 1789, o palácio deixou de funcionar como sede oficial do poder e tornou-se parte do Museu da História da França.

Veja os 16 monumentos imperdíveis de Paris.

Curiosidades

Além dos belíssimos jardins, uma das coisas que mais impressionam é a Galeria dos Espelhos. Com 73 metros de comprimento, o local é recheado com 375 espelhos e é considerado um dos mais importantes espaços de todo o Palácio de Versalhes. O motivo? A Galeria dos Espelhos é o lugar onde foi assinado o Tratado de Versalhes, que pôs fim à Primeira Guerra Mundial, em 1919.

roteiro na frança versalhes

Também visite o Domínio de Maria Antonieta: este era o local onde a rainha, e esposa de Luís XVI, desfrutava de uma vida mais campestre. E, também, onde fazia muitas de suas festas, como pode ser visto no filme com o seu nome.

Dica: assista o filme antes de visitar Versalhes. Algumas cenas foram gravadas dentro do próprio Palácio.

Planejando sua viagem a Paris

Agora que você já sabe como comprar ingressos para Versalhes, há algo que não deve esquecer: para entrar na França, é obrigatório estar, em mãos, com um seguro de viagem.

Sugerimos que você confira os valores no nosso comparador de seguro viagem do Euro Dicas Turismo e escolha as melhores opções de seguro para a sua necessidade.

Ganhe desconto. Para pagar menos 10% do valor do seu seguro viagem, insira o nosso cupom de desconto EURODICAS5 (para ganhar 5% de desconto) na hora do pagamento e pague por boleto bancário (para ganhar mais 5%).

Confira nosso roteiro em Paris e veja todas as dicas para visitar a Cidade Luz em 5 dias. Boa viagem!

COMPARTILHE
Autor

Denise Mustafa é jornalista, fotógrafa e especializada em conteúdo e gerenciamento de marcas. Já passou uma temporada em Portugal, viajou bastante por aí e, agora vivendo no Brasil, escreve para grandes sites brasileiros de viagem, sempre à frente da sua Travessia Conteúdo & Branding, atravessando oceanos e contando suas experiências para outros viajantes.