Onde ficar em Budapeste, a capital e o centro cultural da Hungria

Viajar pela Europa  / 

Se você já pensou em conhecer o Leste Europeu, com certeza Budapeste está nos seus planos. A capital, cidade mais populosa e maior centro econômico e cultural da Hungria é também conhecida por “Pérola do Danúbio”. E hoje vamos te contar onde ficar em Budapeste e se hospedar na cidade.

Vai viajar para a Europa? Saiba todos documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.


Aproveite o melhor da Europa sem qualquer preocupação.

RECEBER GRÁTIS »

Onde ficar em Budapeste

Antes de tudo, é preciso deixar que claro que na margem direita do Rio Danúbio fica Buda e na margem esquerda Peste. Portanto, Budapeste é resultado da fusão histórica das duas cidades, que ocorreu em 1873.

E por conta da história da cidade húngara, ainda que hoje a cidade seja uma só, existem diferenças consideráveis entre os dois lados. Buda, por exemplo, é mais residencial e Peste é onde o agito acontece.

Se você quer saber onde ficar em Budapeste, veja abaixo.

Melhores bairros para ficar em Budapeste

Os melhores bairros dependem do seu tipo de viagem. Se você pretende fazer uma viagem mais cultural e familiar, a melhor opção é se hospedar em Buda.

Porém, se você vai em busca de agito, festas, movimento e boas noites de diversão, a melhor opção é Peste. Eu separei os melhores bairros dos dois lados do Rio Danúbio para que você faça a melhor escolha e saiba onde ficar em Budapeste.

Veja nossa sugestão de roteiro em Budapeste: 3 dias de turismo pela capital da Hungria.

Buda

No lado Buda, muito provavelmente todas as opções de hospedagem (especialmente em hotéis) serão no Distrito do Castelo (Budavár). Importante dizer que as opções de hospedagem não são muito baratas.

castelo de buda em budapeste

Acontece que por ser mais residencial e menos comercial, você paga mais por conta da tranquilidade, das ruas históricas e lindas e das vistas maravilhosas para o Rio Danúbio, já que Buda está em uma colina.

Aproveite para conhecer o castelo de Buda, parada obrigatória na sua viagem.

Peste

Em Peste, opções de hospedagem a preços mais acessíveis não faltam. Confira abaixo os melhores bairros.

Erzsébetváros

A história do antigo bairro judeu de Peste é triste. No fim da Segunda Guerra Mundial, os judeus foram enviados para Erzsébetváros e formaram guetos verdadeiramente desumanos.

Hoje, ainda que a história seja muito bem preservada, o bairro ganhou pubs e bares famosos. Inclusive os pubs ruínas que foram construídos nos prédios abandonados e são atração na cidade.

Se você quer agito e boas noites de festa, a melhor opção é se hospedar em Erzsébetváros.

Lipótváros e Belváros

Ruas para compras, prédios importantes (incluindo o Parlamento de Budapeste) e o centro da cidade. Caso a sua viagem seja mais voltada para curtir o dia, visitar prédios históricos e encontrar produtos para comprar, com certeza é a melhor resposta à dúvida sobre onde ficar em Budapeste.

roteiro budapeste rio danubio

Com fácil acesso a outros bairros e locais de Budapeste, você sempre vai encontrar gente caminhando pelas ruas em Lipótváros e Belváros, seja de dia ou de noite. Isso porque a oferta de bares, restaurantes e baladas é grande.

Terézváros

A rua mais chique e bonita de Budapeste está em Terézváros. A Andrássy út é o endereço das marcas de luxo mundiais, onde está a Ópera de Budapeste e uma parte dela é considerada Patrimônio Mundial da UNESCO.

Apesar dos preços para se hospedar em Terézváros serem mais alto, existem hostes e opções em conta no bairro.

Onde se hospedar em Budapeste

Depois de definir o seu tipo de viagem (familiar, amigos e baladas, descanso e etc.), chegou a hora de decidir onde ficar em Budapeste. Existe uma Budapeste para cada tipo de viagem e eu dividi em categorias, veja abaixo.

Hotéis

Hotéis não faltam em Budapeste e são sempre uma boa opção para quem gosta de tranquilidade e tem uma graninha de sobra. É o famoso “pagar para não se incomodar”. Os preços variam conforme o bairro e as comodidades disponibilizadas.

Hostels

Se hospedar em um hostel é sempre uma excelente opção para quem viaja com a grana mais curta e quer fazer amizades. Os quartos compartilhados são um convite para boas conversas e os preços são sempre o maior atrativo.

Airbnb

Se você é daquelas pessoas (como eu) que precisam ir ao supermercado para conhecer uma cidade/país, Airbnb é a melhor opção de onde se hospedar em Budapeste.

Depois de alugar a primeira vez um Airbnb, você dificilmente deixará de fazer. É ser “morador de verdade” por alguns dias, é se envolver com o bairro, é conhecer a mercearia da rua onde os moradores locais fazem compras.

Kayak

A Kayak é um bom caminho para seguir. O site ajuda a encontrar onde ficar em Budapeste, conta com filtros que direcionam para o melhor local e lista os locais por preço. Vale a pena dar uma conferida!

Preços médios

Os preços das diárias para se hospedar em Budapeste variam muito e podem partir dos R$ 80 (oitenta reais) e chegar aos R$ 2.500 (dois mil e quinhentos reais).

Como disse antes, vai depender da sua disponibilidade financeira e do tipo de viagem que está fazendo.

Onde ficar em Budapeste: sugestões para todos os bolsos

Hotéis 5 estrelas em Budapeste

Existe uma oferta boa de hotéis 5 estrelas em Budapeste, veja abaixo algumas das opções:

  • Iberostar Grand Budapest: as diárias deste hotel 5 estrelas iniciam em R$ 1.200 (mil e duzentos reais) e a localização aparece como grande diferencial.
  • New York Palace: com diárias que iniciam nos R$ 1.367 (mil trezentos e sessenta e sete reais), o New York Palace é charmoso e está em um edifício inesquecível de Budapeste.
  • Corinthia Hotel Budapest: outro hotel 5 estrelas em Budapeste é o Corinthia Hotel Budapest. As diárias partem dos R$ 1.930 (mil novecentos e trinta reais) e a piscina é um charme à parte.

Hotéis com preço moderado e bem pontuados

Você também encontra bons hotéis em Budapeste com preços moderados e que são muito bem pontuados em sites de hospedagem. Eu selecionei três opções:

  • Helios Hotel Pension: as diárias partem dos R$ 218 (duzentos e dezoito reais) e além da localização, é a amabilidade dos funcionários que chama a atenção de quem lá se hospeda.
  • Hotel Palota City: as diárias começam em R$ 176 (cento e setenta e seis reais) e além da piscina, o café da manhã é muito bem referenciado no hotel.
  • Hotel Chesscom: no Hotel Chesscom as diárias iniciam em R$ 220 (duzentos e vinte reais) e a localização e o atendimento dos funcionários são um grande diferencial.

Quantos dias são suficientes para conhecer Budapeste

Depois de decidir onde ficar em Budapeste, surge aquela pergunta: quantos dias eu preciso ficar na cidade para conhecê-la?

Pois é, um fim de semana (3 dias) é suficiente para visitar os principais pontos turísticos de Budapeste. Claro que você não vai conseguir conhecer tudo, mas poderá visitar o essencial da capital da Hungria e levar uma boa impressão da Pérola do Danúbio.

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
COMPARTILHE
Autor

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.