Pompeia: conheça o sitio arqueológico no coração da Itália

Visitar Itália  / 

Está programando uma viagem para a Itália e quer conhecer algo bastante diferente? Que tal incluir no roteiro um passeio pelas ruínas da Roma Antiga? Certamente nossa dica é a cidade de Pompeia, bastante conhecida após ser devastada por um vulcão.

Mas o que essa cidade tem de tão especial? Como chegar até lá? Quais os passeios e locais para se hospedar em Pompeia? Leia tudo sobre esse fantástico sítio arqueológico no artigo abaixo.

Organizando sua viagem para o país da bota? Confira como economizar na Itália.

História de Pompeia

Pompeia foi uma cidade do Império Romano situada a 22 km de Nápoles, na Itália. Juntamente com Herculano, a antiga cidade foi destruída durante uma grande erupção do vulcão Vesúvio no ano 79, que provocou uma intensa chuva de cinzas e soterrou completamente tudo e todos que estavam no chão, incluindo casas e outras construções.

pompeia

Durante 1600 anos, Pompeia se manteve oculta para as pessoas, mas acabou sendo reencontrada por acaso em 1748. No local os historiadores encontraram cinzas e lama que protegeram as construções e objetos dos efeitos do tempo, moldando também os corpos das vítimas.

Desde então, as escavações mostraram um sítio arqueológico extraordinário, que possibilita uma visão detalhada da vida de uma cidade dos tempos da Roma Antiga.

Aliás, considerada Patrimônio Mundial pela Unesco, Pompeia é uma das atrações turísticas mais populares da Itália, com cerca de 2,5 milhões de visitantes por ano.

Leia o nosso artigo sobre a melhor época para viajar para Itália

Como chegar a Pompeia

A melhor forma para chegar em Pompeia é utilizar o trem que sai de Roma. Existe uma estação em frente à Porta Marina, que faz a ligação entre as cidades de Nápoles e Sorrento.

Na estação ferroviária, pegue o trem sentido Pompeii Scavi-Villa dei Misteri que fica mais ou menos na metade do caminho entre as 2 cidades. São cerca de 20 a 30 minutos de viagem.

Uma dica importante é que não existem trens diretos de Roma para Pompeia. Você vai precisar, obrigatoriamente, parar em Nápoles e pegar outro trem até a cidade.

Veja o que fazer em Roma.

Carro

Já se você estiver de carro, existe um estacionamento ao lado do sítio arqueológico. Neste caso, a saída vai depender da cidade onde você estiver hospedado.

A dica aqui é ficar ligado na legislação de como conduzir veículos na Itália, ficando de olho no limite de velocidade, evitando transtorno em sua viagem.

Descubra como funciona o aluguel de carro na Europa.

Guia de visita por Pompeia

Para te ajudar durante a sua visita a Pompeia, preparamos esse guia para conhecer a cidade da melhor forma.

  • Chegue bem cedo para poder aproveitar o dia e evitar filas enormes;
  • Se você gosta do tema Roma Antiga, é melhor tirar o dia todo pra visitar;
  • Prepare-se para andar bastante pois o passeio é todo a pé;
  • Escolha um calçado confortável, de preferência um tênis, pois o piso é irregular e cheio de paralelepípedos;
  • Leve uma garrafa vazia na mochila pois é possível beber água de graça nas diversas fortes espalhadas por Pompeia.

Conheça os mais famosos pontos turísticos da Itália.

O que fazer em Pompeia

Há alguns pontos turísticos que você tem que conhecer. São eles:

Vai viajar para a Europa? Veja todos os documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.

RECEBER GRÁTIS »

ruinas de pompeia

Templo de Vênus

O grande espaço com restos de colunas e frisos pelo chão que vemos hoje, era o Templo de adoração a deusa Vênus, uma das padroeiras de Pompeia.

Segundo evidências arqueológicas, o Templo estava em fase final de reconstrução (devido ao terremoto de 1962) quando ocorreu a erupção.

Conheça as 10 cidades Italianas mais bonitas.

Templo de Apolo

Do outro lado da calçada da Via Marina, na altura da Basílica, está um dos edifícios mais famosos de Pompeia: o Templo de Apolo.

Pesquisas arqueológicas revelaram que era um dos principais templos da cidade. Apolo era outro padroeiro de Pompeia.

Edifício de Eumachia

Acredita-se que era uma espécie de indústria têxtil de Pompeia, onde se produzia os tecidos na cidade. A associação dos comerciantes de lã foi nomeada de Eumachia pois era dedicado à sacerdotisa de mesmo nome.

Descubra qual a melhor época para viajar para a Itália.

Macellum

Era o antigo mercado de alimentos. Com paredes bem preservadas, essa construção também estava se recuperando do terremoto de 62 – tal como os outros edifícios do Fórum.

Templo de Júpiter

O edifício que fica em destaque dentro do Fórum é o antigo templo dedicado ao culto de Júpiter, o “Deus dos deuses”. No subsolo do Tempo de Júpiter ficava guardado todo o tesouro público de Pompeia.

Que tal conhecer nosso roteiro pela Itália? Preparamos um guia de 7 dias no país das maravilhas.

Templo da Fortuna Augusta

Trata-se de um pequeno templo, construído pelo magistrado Marcus Tulius (com o dinheiro de seu próprio bolso) em honra a deusa Fortuna.

O templo também guardava uma estátua dedicada ao Imperador Augusto, o “Pai da Pátria” (Pater Patriae). Ainda estava bastante danificado na época da erupção, devido ao terremoto que aconteceu alguns anos antes da erupção.

Casa de Fauno

Era a maior casa da cidade, uma espécie de mansão (reza a lenda que esta era uma área nobre de Pompeia). Não se sabe ao certo a quem pertencia, mas seu nome se deve à presença de uma pequena estátua do deus Fauno no centro do pátio de entrada da casa.

Conheça as melhores praias da Itália.

Lupanare

Era um dos vários prostíbulos que existiam em Pompeia. Sobreviveu relativamente intacto à erupção do Vesúvio e está bem preservado graças à reconstrução do teto.

Teatro Grande

É um anfiteatro semicircular em estilo grego, com capacidade para cinco mil expectadores. Aqui eram exibidos os espetáculos de gladiadores.

Você pode ler mais detalhes sobre os templos de Pompeia e outros detalhes da cidade no site oficial.

vulcao vesuvio

Leia o que já falamos sobre os mais famosos monumentos da Itália.

Reserve seu ingresso antecipadamente

Para que você possa conhecer Pompeia com mais segurança e praticidade, a dica é comprar os ingressos antecipadamente pelo site Get Your Guide: Bilhete de Entrada Prioritária.

Com esses ingressos você poderá visitar a cidade romana de Pompeia com um bilhete de entrada sem fila. Basta comprar o ingresso antes da viagem e assim curtir o sítio arqueológico sem ficar naquelas filas enormes. O valor do ingresso vai depender na época do ano, por isso quando mais rápido você adquirir a entrada, mais descontos receberá.

passeio em pompeia

Onde se hospedar em Pompeia

Separamos alguns locais para você se hospedar quando visitar Pompeia. Veja:

Villa Julia – Bed and Breakfast casa de fazenda com parque amplo e pomares de limoeiros e vinhedos. Localizada no centro de Pompeia. Oferece quartos com ar-condicionado, a maioria com varanda e vista para o Vesúvio.
Villa Dei Misteri – 2 estrelas a apenas 5 minutos do sítio arqueológico, possui terraço coberto, piscina e estacionamento gratuito.
Hotel Diana – 3 estrelas a 500 metros das ruínas de Pompeia, com terraço compartilhado e buffet de café da manhã diário.
Hotel Palma – 4 estrelas localizado perto da Estação Pompei Santuário, fica a poucos passos das antigas ruínas de Pompeia.

Aproveite e leia também nossa dica de roteiro pela Itália.

O que comer em Pompeia

Bateu aquela fome durante o passeio por Pompeia? A cidade e as redondezas possuem uma variedade de restaurantes. Você vai encontrar inúmeras opções de pratos, desde a famosa massa italiana assim como refeições da culinária internacional.

Veja as melhores opções de lugares para comer na cidade:

Gostou das nossas dicas sobre Pompeia? Compartilhe conosco a sua opinião e boa viagem!

E não deixe de conhecer todas as nossas dicas para visitar Itália.

Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas Turismo.
Compartilhe
Autor

Andrea é uma jornalista curitibana que uniu a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Viajou por todos os cantos do Brasil e também se aventurou pelos Estados Unidos, África e Ásia. Ao lado do filho e do marido foi morar no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e divide seu tempo entre a produção de conteúdo e os passeios pelo Reino Unido.