Conímbriga: surpreenda-se com o maior sítio arqueológico de Portugal

Visitar Portugal  / 

Você sabia que no centro de Portugal existe o maior sítio arqueológico do país? Se trata das ruínas de Conímbriga. O lugar, situado na freguesia de Condeixa-a-Velha, pertinho de Coimbra, foi eleito Patrimônio Mundial pela UNESCO.

Encontre o melhor pacote de férias para a Europa

Pacotes de Viagem, Circuitos, Multi Destinos, Cruzeiros.

Confira as promoções na Logitravel e garanta sua viagem dos
sonhos para a Europa.

VER OFERTAS DE FÉRIAS »

Lá, você poderá ver os resquícios dessa antiga civilização, além de visitar o museu, que abriga objetos milenares, encontrados durante as escavações feitas ali.

Conheça a lista completa dos patrimônios mundiais em Portugal.

O que visitar em Conímbriga

Ruínas romanas

Ao passear pelo sítio arqueológico você poderá conhecer um pouco dos resquícios dessa civilização, descoberta através de escavações realizadas ao longo do século XX.

Encante-se com o belo anfiteatro e suas imponentes arquibancadas, os pórticos de pedra, a área das termas que abrigavam três piscinas, um templo, uma praça e até mesmo resquícios de algumas casas nobres.

Há também um aqueduto com mais de 3.400 metros e restos de uma basílica cristã, que foi construída em meados do século VI.

Em dúvida de quais lembranças de Portugal levar para você e para a família? Confira nossas sugestões.

Museu Monográfico de Conímbriga

A área criada em 1962 é dedicada à exposição de objetos arqueológicos encontrados durante as escavações nas ruínas de Conímbriga. Os diversos itens expostos lá datam de antes de Cristo e do século VI.

No museu você também pode ver a reconstituição do fórum público que existia na civilização.

Se você, assim como eu, adora um museu, não pode deixar de conhecer os melhores museus de Portugal.

História das ruínas romanas de Conímbriga

A região foi originada de um castro celta da tribo dos Conii, no fim da Idade do Ferro e foi ocupada pelos romanos em 139 a.C.

No séc. II d.C., sob o comando do Imperador Augusto, Conímbriga cresceu, expandiu seu domínio e construiu muitos dos prédios cujos resquícios podem ser vistos ainda hoje.

Ao fim do século IV, a cidade foi tomada pelos suevos, um grupo de povos germanos, o que causou o declínio dessa civilização e levou os habitantes a deixar a área e se descolarem para Condeixa-a-Velha.

Conheça também a história de Portugal.

História das ruínas romanas de Conímbriga
Localização das ruínas de Conímbriga

As ruínas romanas de Conímbriga ficam na freguesia de Condeixa-a-velha, a dois quilômetros de Condeixa-a-nova. Também ficam muito perto da cidade de Coimbra.

Conímbriga fica a 195 quilômetros, ou cerca de 2 horas de carro, de Lisboa. Já do Porto, a distância é de 130 quilômetros, mais ou menos 1h20 de carro.

Onde de hospedar

Indico se hospedar em Coimbra e de lá partir para a aventura de conhecer as ruínas de Conímbriga. Veja algumas opções de hospedagem:

Vai viajar para a Europa? Veja todos os documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.

RECEBER GRÁTIS »

Hotel Ibis Coimbra Centro – hotel 2 estrelas com ótimos preço e avaliação;
Hotel Oslo – hotel 3 estrelas no centro da cidade, perfeito para passear pela cidade a pé;
Tivoli Coimbra – hotel 4 estrelas acessível e bem avaliado;
Hotel Quinta das Lágrimas: hotel 5 estrelas pequeno e luxuoso.

O que há por perto de Conímbriga

A região central de Portugal, entre as cidades de Porto e Lisboa, guarda inúmeros lugares incríveis de se conhecer. Muitos deles, inclusive, assim como Conímbriga, foram considerados Patrimônios Mundiais pela UNESCO. Portanto, são muitos os lugares próximos que podem proporcionar uma dobradinha interessante.

Coimbra

A cidade fica a 17 quilômetros ou 25 minutos de Conímbriga. Visite-a pela manhã, e à tarde, por volta das 16h, vá para as ruínas romanas. Conheça a Universidade de Coimbra, a Sé Velha, a Sé Nova e, se tiver crianças, vá até Portugal dos Pequenitos.

Se escolher conhecer Coimbra, sugiro participar da experiência Vitivinícola que só a cidade pode oferecer.

Convento de Cristo

Na cidade de Tomar, a cerca de 76 quilômetros ou 55 minutos de Conímbriga, fica esse incrível conjunto de edificações que foi eleito Patrimônio Mundial de Portugal pela UNESCO. É quase no meio do caminho entre Conímbriga e Lisboa.

Aproveite para conhecer os pontos turísticos de Lisboa.

Aveiro

A cerca de  70 quilômetros, ou 50 minutos, de Conímbriga fica a cidade que é chamada de Veneza de Portugal. É uma ótima opção para quem sai do Porto. Perca-se pelos canais, praias e não deixe de conhecer o Museu de Aveiro.

Sabia que há disponível passeios de Moliceiro pelos canais de Aveiro? É uma experiência e tanto.

Como chegar nas ruínas de Conímbriga

Como chegar nas ruínas de Conímbriga

  • De Coimbra, pegue a rodovia IC2/IC3, no sentido de Condeixa-a-Nova. São apenas 20 minutos em uma reta para chegar até Conímbriga.
  • De Lisboa, siga pela rodovia A1 por 190 quilômetros. Depois pegue a rodovia A13.
  • Do Porto, desça pela rodovia A1 por 120 quilômetros. Pegue a saída 12 para a N341.

Não há transporte público que te deixe perto dali. Ainda assim, você pode pegar um ônibus para Condeixa-a-Nova e de lá pegar um táxi para Conímbriga.

Outra opção é alugar carro. Veja como alugar carro em Portugal.

Visitação: horários e preço

Funcionamento: Diariamente, das 10h às 19h.  As ruínas fecham nos dias 1 de Janeiro, domingo de Páscoa, 1 de Maio e 25 de Dezembro.

Ingresso: 4,50€.

Estacionamento: gratuito.

Ansioso para conhecer Conímbriga?

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
  • Viaje sempre com internet no celular

    Para consultar o Google Maps, chamar um Uber, tirar qualquer dúvida ou para alguma emergência, viajar com internet sem depender de Wi-Fi é essencial hoje em dia. O Chip que usamos sempre em nossas viagens é o da Viaje Conectado que tem os melhores preços e cobertura de 4G do mercado.

    VER PLANOS »
Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas Turismo.
Compartilhe
Autor

Ana é uma jornalista brasileira que em 2017 saiu do Rio de Janeiro e se mudou com a família para o Porto. Ao lado do marido, o fotógrafo André Furtado, criou o site Portuguiando, espaço que usa para contar um pouco sobre a rotina de uma família de brasileiros em Portugal. Hoje se dedica à paixão pela escrita, à maternidade e a explorar a cultura lusitana.