La Rochelle: guia completo sobre a encantadora cidade francesa

Visitar França  / 

A França é um país cheio de lugares encantadores. La Rochelle é um deles. Pense numa cidade linda, charmosa, que dá vontade de você ir visitar o ano todo.

Encontre o melhor pacote de férias para a Europa

Pacotes de Viagem, Circuitos, Multi Destinos, Cruzeiros.

Confira as promoções na Logitravel e garanta sua viagem dos
sonhos para a Europa.

VER OFERTAS DE FÉRIAS »

O contato com o mar, além da proximidade da Île de Ré são mais atrativos do local. Eu fui e aconselho. Veja mais sobre essa cidade encantadora e a visite na sua próxima ida à Europa.

Onde fica La Rochelle

A cidade está localizada no sudoeste da França, no departamento Charente-Maritime. Ela é banhada pelo Oceano Atlântico.

A apenas 2h50 de trem de Paris, é uma excelente escapada para um fim de semana ou até mais para quem deseja relaxar à brisa do mar.

Como chegar em La Rochelle

La Rochelle possui aeroporto para quem quiser ir de avião. Porém, o mais comum é ir de trem ou carro. Há também diversas companhias de ônibus que levam até a cidade.

Chegando de avião

Os vôos mais comuns para o aeroporto de La Rochelle partem de: Paris, Lyon, Ajaccio, Marseille, Nice, Southampton, Birmingham, Manchester, Bristol, Londres, Genebra, Dublin, Bruxelas, Porto e Leeds.

As principais companhias aéreas são: HOP, Flybe, Easyjet, Ryanair e Jet2.

Confira como comprar passagens aéreas baratas na Kayak e economize na sua viagem a França.

Chegando de trem

La Rochelle é conectada por trem a diversas cidades europeias, por exemplo:

  • Paris: 2h50 de viagem a partir de 25€;
  • Bordeaux: 2h20 de viagem a partir de 15€;
  • Nantes: 2h30 de viagem a partir de 10€.

Chegando de ônibus

As principais companhias são Flixbus e Ouibus. Você pode encontrar passagens a partir de 10€ para o trajeto Paris-La Rochelle, por exemplo.

Chegando de carro

Viajar de carro pela França é um excelente meio para conhecer diversas adoráveis cidades francesas no caminho. Abaixo, citamos algumas distâncias de lá para as principais cidades francesas:

  • Paris: 467 km;
  • Lyon: 650 km;
  • Marseille: 825 km;
  • Strasbourg: 950 km;
  • Nantes: 146 km;
  • Bordeaux: 180 km;
  • Toulouse: 400 km.

Acesse o comparador de preços RentCars e verifique as condições para locação. Você tem muitas opções de carros disponíveis e pode escolher devolver seu veículo em outro local, sem ser onde você alugou.

Veja como alugar carro na Europa.

Como se locomover em La Rochelle

Como em muitas cidades francesas, a melhor forma de se locomover é a pé. A cidade é pequena e as principais atrações podem ser acessíveis andando.

Então mesmo que você venha de carro, aconselho deixar o carro estacionado para conhecer o centro de La Rochelle.

História de La Rochelle

A cidade é um centro de pesca e de comércio desde o século X. A partir do século XII, seu porto se torna um dos principais portos da França.

Vai viajar para a Europa? Veja todos os documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.

RECEBER GRÁTIS »

A sua tradição marítima está presente no seu Porto Velho e em Les Minimes. A cidade surgiu de uma mistura de culturas a partir da importância de seu porto.

Nos séculos XII e XIII, La Rochelle fazia parte da rota dos Templários e era também o seu porto para o Atlântico. Além disso, La Rochelle era e ainda é muito conhecida por seu vinho e seus sais, fazendo comércio com diversas cidades do norte da Europa.

Em 1160, uma muralha foi construída pelo rei Henri II da Inglaterra para proteger a cidade. Em 1241, após uma guerra com a França, o rei Henri III da Inglaterra perdeu La Rochelle para o Rei da França Luís IX. Durante a guerra dos 100 anos, a cidade passa a pertencer à Inglaterra e à França por diversas vezes.

Centro histórico de La Rochelle

Em 1627, as tropas de locais atiram contra as tropas reais francesas do Rei Luís XIII. Na época, La Rochelle era considerada uma cidade livre, porém o Rei Luís XIII queria que ela se submetesse ao seu reinado. Após uma forte fome, La Rochelle se rende e passa ao domínio do rei da França.

Entre 1630 e 1635, começam as relações comerciais entre La Rochelle e a Nouvelle-France (Canadá) e as Antilhas. Isso faz a cidade prosperar, levando também à renascença intelectual e artística da cidade.

Durante a Segunda Guerra Mundial, devido às suas qualidades marítimas, os Alemães fazem do local uma base de submarinos. La Rochelle foi a última cidade francesa a ser liberada do domínio alemão, em 1945.

O que ver e fazer em La Rochelle

A cidade tem diversas atrações. Dentre elas, as principais são:

Visitar as três torres

Pode-se dizer que o cartão de visitas da cidade são suas três torres: Tour de la Chaîne, Tour Saint Nicolas e Tour de la Lanterne, que defendiam La Rochelle da invasão pelo mar.

Duas das três torres (Tour Saint Nicolas e Tour de la Chaîne) serviram de prisão entre os séculos XVI e XIX. A Tour de la Lanterne servia para vigilância e como farol. Hoje em dia, é possível visitá-las.

Horário de funcionamento

  • Entre 1 de outubro a 31 de março: aberto todos os dias (exceto na primeira segunda-feira do mês) das 10h às 13h e das 14h15 às 17h30;
  • De 1 de abril a 30 de junho e de 1 a 30 de setembro: aberto todos os dias (exceto na primeira segunda-feira do mês na parte da manhã) das 10h às 13h e das 14h15 às 18h30;
  • Entre 1 de julho a 31 de agosto: aberto todos os dias das 10h às 18h30.

As torres estão fechadas para visitação nos dias 1 de janeiro; 1 de maio; 25 de dezembro.

O ingresso para apenas uma torre é 6€, já se você comprar o ingresso para a visita das três torres é 9€.

Localização: Tour Saint-Nicolas, Vieux Port, Rue de l’Armide

Conhecer seu centro histórico e o Vieux Port (Porto Velho)

Andar pelas ruas do centro de La Rochelle é um passeio imperdível. Ver suas casas medievais e algumas de arquitetura do Renascimento com ruas do século XVII é um passeio que você deve fazer.

Atenção especial para a bela Rue de Temple. Ande também pelo Quai du Carénage, Quai Duperré e Cours des Dames.

Tour de la Grosse Horloge

Construída no início do século XII, a Tour de la Grosse-Horloge é uma das antigas portas da cidade da época da muralha construída por Guillaume X a fim de proteger La Rochelle.

Em 1478, um relógio foi colocado na torre que passou a ser o campanário da cidade.

Localização: 7-1 Rue de la Grosse Horloge

Hôtel de Ville

Construído em 1298, é a sede da prefeitura desde a sua construção, sendo a prefeitura ainda em funcionamento mais antiga na França.

Localização: Place de l’Hôtel de Ville

Catedral São Luís de La Rochelle

A Catedral São Luís de La Rochelle foi construída em 1742 por ordem do cardeal de Fleury e do bispo Augustin Roch de Menou de Charnizay.

Sua construção foi interrompida e inacabada devido à falta de recursos financeiros. Mesmo assim, ela abriu para o público em 1784.

Localização: Rue Pernelle, 17000 La Rochelle

Musée Maritime de La Rochelle

O museu marítimo de La Rochelle é um dos principais museus marítimos da França. Além das exposições permanentes e temporárias, é possível visitar o interior de alguns navios.

Marina de La Rochelle

O ingresso custa 9€ para maiores de 18 anos e 6,50€ para pessoas entre 4 e 18 anos. A entrada é gratuita para estudantes. Além disso, todo primeiro domingo do mês (exceto os meses de julho e agosto) a entrada é gratuita para todos.

Horário:

  • De 1 de abril a 30 de junho e de 1 de setembro a 3 de novembro: das 10h às 18h30;
  • Meses de julho e agosto: das 10h às 19h;
  • De 4 de novembro a 31 de março: das 14h às 17h30, de segunda a sexta, e das 10h às 17h30 aos sábados e domingos.

Localização: Place Bernard Moitessier, 17000 La Rochelle

Bunker

Os alemães ocuparam a cidade em 1940, durante a Segunda Guerra Mundial. Em 1941, a marinha alemã decidiu construir um bunker com ligação até o Hôtel des Étrangers (local com 75 quartos ocupados pelos alemães). O bunker serviria de abrigo ao almirante comandante da base de submarinos e de seus oficiais em caso de bombardeamento.

O bunker possui 280 m² com muros de protecão de 2m de concreto armado. Comporta 2 grandes quartos para 62 oficiais e 6 quartos individuais, além de um bar, um escritório, um local técnico e banheiros.

Horário:

  • De 1 de abril a 30 de setembro: das 10h às 19h;
  • De 9 de fevereiro a 31 de março e de 1 de outubro a 29 de dezembro: das 10h às 18h.

Ele é fechado de 30 de dezembro a 8 de fevereiro e dias 24 e 25 de dezembro. O ingresso custa 8€ para maiores de 12 anos e 6€ para crianças entre 5 e 12 anos.

Localização: 8 Rue des Dames, 17000 La Rochelle

Praias

As principais praias de La Rochelle são: Praia da Competição, Praia Chef-de-Baie e Praia de Mminimes. Se estiver na primavera ou verão na cidade, aproveite o sol e suas praias.

Musée d’Histoire Naturelle e Jardin des Plantes

O acesso ao Jardim das Plantas é livre e gratuito. Já o ingresso para o Museu de História Natural custa 6€ para maiores de 18 anos. O museu é gratuito para menores de 18 anos e é gratuito para todos no primeiro domingo do mês.

Cidade de La Rochelle

Além disso, é possível comprar o ingresso conjunto do museu e das três torres por 10€ ou então o ingresso conjunto deste museu e do museu marítimo por 11€.

Horário de funcionamento

O museu é aberto de terça a domingo, porém fecha nos dias:

  • 1 de janeiro;
  • 1 de maio;
  • 14 de julho;
  • 1 de novembro;
  • 11 de novembro;
  • 25 de dezembro.

Os horários de abertura variam de acordo com a época do ano:

  • De 1 de outubro a 30 de junho: de terça a sexta das 9h às 18h; sábados, domingos e feriados de 14h às 18h; primeiro domingo do mês de 9h às 18h.
  • De 1 de julho a 30 de setembro: de terça a sexta das 10h às 19h; sábados, domingos e feriados de 14h às 19h; primeiro domingo do mês de 10h às 19h.

Localização: 28 Rue Albert 1er, 17000 La Rochelle

Parque Charruyer

É o parque mais bonito de La Rochelle, localizado no coração da cidade. Possui área para crianças as brincarem, além de ser ideal para relaxar, ler um livro ou fazer um piquenique. Possui árvores dos 5 continentes.

Localização: Chemin des Remparts, 17000 La Rochelle

Sorveteria Ernest Le Glacier

Com diversos sabores deliciosos, não deixe de passar na Sorveteria Ernest Le Glacier.

Localização: 16 Rue du Port, 17000 La Rochelle

La Rochelle Aquarium

É um dos principais ocenários/ aquários da França. Ótimo passeio para adultos e crianças. O ingresso custa 16,50€ para maiores de 17 anos e 12€ para crianças entre 3 e 17 anos.

Está aberto todos os dias do ano.

Horário de funcionamento

  • Outubro a março: das 10h às 20h;
  • Abril a junho e setembro: das 9h às 20h;
  • Julho a agosto: das 9h às 23h.

Localização: Quai Louis Prunier, 17000 La Rochelle

Roteiro de 2 dias em La Rochelle

Fizemos um roteiro para você que só tem 2 dias para aproveitar os encantos dessa cidade incrível.

Dia 1

Comece seu passeio pelas três torres da cidade. Em seguida vá se deliciar com um dos maravilhosos sorvetes da Sorveteria Ernest Le Glacier.

Continue seu passeio pelo centro histórico de La Rochelle. Visite também o bunker e depois vá para o Parque Charruyer.

Dia 2

Comece o dia no Oceanário. Depois visite o Museu de História Natural. Se sobrar tempo, visite uma de suas praias ou então o museu marítimo.

Você já ouviu falar de Honfleur? Essa cidade francesa também vale muito a pena visitar.

Quando ir

La Rochelle pode ser visitada o ano inteiro. Porém, a melhor época para ir é durante a primavera e verão, caso você deseje aproveitar as praias, entre os meses de abril a setembro.

Onde ficar em La Rochelle

Há diversas opções de hospedagem na cidade. A seguir, indicamos alguns:

Hotel Estrelas / Informações Endereço Preço médio da diária
Hôtel Résidence de France 5 estrela 43 Rue du Minage 120€
Hôtel Henri IV 2 estrelas 31 Rue Des Gentilshommes 51€
Un Hôtel En Ville 2 estrelas 20 Place Du Maréchal Foch 76€
Apptement T3 Hyper Centre Apartamento com 2 quartos para até 6 pessoas 31 Rue des fonderie 102€

 

Onde comer em La Rochelle

O que não faltam são opções de restaurantes com excelentes comidas na cidade. Dentre eles indicamos:

Dicas locais para curtir La Rochelle

Se possível, fique mais de 2 dias na cidade. Além das diversas atividades e atrações desse lugar encantador, vale muito a pena aproveitar a estadia e conhecer Île de Ré.

Se visitar esta cidade especial está nos seus planos, não se esqueça que seguro viagem é essencial. Para fazer a cotação do seu seguro de forma personalizada, recomendamos que você utilize o nosso comparador de seguro viagem. Ele apresenta planos das principais seguradoras do mercado e ainda garantimos os melhores preços aos leitores do Euro Dicas Turismo.

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
  • Viaje sempre com internet no celular

    Para consultar o Google Maps, chamar um Uber, tirar qualquer dúvida ou para alguma emergência, viajar com internet sem depender de Wi-Fi é essencial hoje em dia. O Chip que usamos sempre em nossas viagens é o da Viaje Conectado que tem os melhores preços e cobertura de 4G do mercado.

    VER PLANOS »
Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas Turismo.
Compartilhe
Autor

Elaine é brasileira e mora em Paris há dois anos. Completamente apaixonada por Paris desde pequena, sempre sonhou em  morar na cidade Luz. Adora viajar, fazer novos amigos, conhecer novas culturas e descobrir cada vez mais sobre França e a cultura francesa.