O que fazer em São Petersburgo: confira as nossas dicas

Visitar Rússia  / 

A Rússia é o país de maior extensão territorial do mundo. Sua cultura é fruto de uma sociedade plural e multiétnica, com fortes costumes, tradições e folclore. Mas se engana quem pensa que o país se resume somente à sua capital Moscou. Se você planeja visitar a Rússia, quer conhecer um pouco mais sobre a história do país e diversificar seu roteiro de viagem, leia o artigo e saiba o que fazer em São Petersburgo.

Encontre o melhor pacote de férias para a Europa

Pacotes de Viagem, Circuitos, Multi Destinos, Cruzeiros.

Confira as promoções na Logitravel e garanta sua viagem dos
sonhos para a Europa.

VER OFERTAS DE FÉRIAS »

Saiba o que fazer em São Petersburgo

São Petersburgo é a segunda maior cidade da Rússia, estando localizada ao longo do rio Neva e possui cerca de 5 milhões de habitantes.

A cidade foi criada para ser a capital do Império Russo por Pedro, O Grande, o mais famoso dos czares. Fundada no século XVIII, São Petersburgo vivenciou a ascensão e queda do Império Russo, e ainda foi palco da Revolução Russa, quando Lenin passou a comandar a União Soviética.

A cidade cosmopolita também é conhecida como a capital cultural do país e ganhou por três anos consecutivos (entre 2016 e 2018) o prêmio internacional do World Travel Awards por “Principal destino cultural do mundo”.

Sua arquitetura única e monumentos históricos fazem da cidade parada obrigatória para qualquer viajante que busca conhecer o país mais a fundo.

São Petersburgo ainda é um grande porto de entrada para a Rússia e recebe muitos navios turísticos diariamente. Assim, é a cidade que mais recebe visitantes em todo o país. Confira a seguir algumas atrações imperdíveis para você incluir no seu roteiro.

Veja nosso guia de turismo na Rússia e confira as principais cidades e pontos turísticos.

Museu Hermitage

O Museu Hermitage é parada obrigatória se você estiver procurando o que fazer em São Petersburgo. O segundo maior museu do mundo (o primeiro é o Louvre, em Paris) possui 10 edifícios e abriga mais de 3 milhões de peças, além de monumentos em seu entorno.

No complexo onde fica o museu, também é possível conhecer o Teatro Hermitage, programa imperdível para os amantes de dança, já que o balé russo é considerado o melhor do mundo.

Museu Hermitage

Localização: Palace Square, 2
Como chegar: o museu fica ao redor da Praça do Palácio e a entrada principal é no Palácio de Inverno, o prédio azul
Horário: de terça a domingo, das 10h as 18h; quartas, das 18h as 21h
Ingresso:
Primeira quinta-feira do mês: entrada gratuita
Demais dias: 300 RUB no site oficial do museu
Excursão guiada sem fila no Museu Hermitage, com a Get Your Guide: a partir de 2900 RUB

Palácio Peterhof

O impressionante Palácio Peterhof é conhecido como o “Versalhes Russo”e foi o primeiro palácio construído nos arredores da cidade.

Local de residência de verão de czares russos, o prédio conta com várias seções diferentes e um parque enorme, o Parque Alexandra. Sua vista imperdível para o golfo finlandês vale a visita e o percurso de 30km.

Localização: Razvodnaya Ulitsa, 2
Como chegar: nos ônibus K252 e K424A, saindo da Palace Square
Horário: varia de acordo com a estação do ano, disponível no site oficial
Ingresso:
A partir de 1000 RUB, pelo site oficial do Palácio
Excursão de ônibus ao Palácio de Peterhof: a partir de 3600 RUB
Excursão Jardins e Palácio de Peterhof: a partir de 5155 RUB
Palácio Peterhof e Visita guiada ao parque de São Petesburgo: a partir de 6111 RUB, com a Get Your Guide

Catedral do Sangue Derramado

A Catedral do Sangue Derramado é o maior símbolo de São Petersburgo. Foi uma igreja ortodoxa e hoje abriga um museu. Com suas paredes coloridas e sua arquitetura em estilo russo-bizantino, foi palco do atendado sofrido pelo czar Alexandre II.

Suas cúpulas lembram a Catedral de São Basílico, em Moscou. Seus detalhes luxuosos são apaixonantes e impressionam. Simplesmente imperdível.

Catedral do Sangue Derramado

Vai viajar para a Europa? Veja todos os documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.

RECEBER GRÁTIS »

Localização: Griboyedov channel embankment, 2
Como chegar: é possível ir a pé do Museu Hermitage até a Catedral, em uma caminhada de 1km, em torno de 12 minutos
Horário: de quinta a terça-feira, das 10h30 às 18h
Ingresso:
Ingresso Catedral do Sangue Derramado: a partir de 597 RUB, com a Get Your Guide

Teatro Mariinsky

Esse teatro construído em 1859 tem papel fundamental na história do balé russo. É um dos mais importantes teatros do mundo, ao lado do Teatro Bolshoi.

Foi conhecido como Academia Estatal Teatral de Ópera e Balé Kirov até 1992. A partir daí, foi renomeado como Teatro Mariinsky e recebeu os maiores nomes da dança em seu palco, como Mikhail Baryshnikov e Anna Pavlova.

Localização: Theatre Square, 1
Como chegar: saindo da Palace Square, o ônibus 3 faz um trajeto em cerca de 15 minutos
Horário: os horários variam de acordo com cada espetáculo
Ingresso: no site oficial do Teatro, os ingressos custam a partir de 1050 RUB

Fortaleza de São Pedro e São Paulo

A Fortaleza de São Pedro e São Paulo é um dos pontos turísticos e históricos de mais destaque quando você procura o que fazer em São Petersburgo.

Erguida em 1703 na ilha de Zayachy para proteger a cidade de uma possível invasão sueca, a Fortaleza ainda abriga a Catedral de São Pedro e São Paulo, além do Museu da Cosmonáutica e Tecnologia de Foguetes. Visita imperdível.

Localização: Ilha de Zayachy
Como chegar: metrô: pegue o transporte e desça na estação Gorkovskaya, atravesse o Parque Alexandra em direção a Ponte Troitsky e pegue o ônibus 46
Horário: diariamente, das 9h30 às 20h
Ingresso:
City tour com visita à Fortaleza: a partir de 4314 RUB
Excursão a Fortaleza de Pedro e Paulo: a partir de 6183 RUB

Rio Neva

São Petersburgo também é conhecida como “Veneza do Norte”. O rio que banha a cidade tem 74km de extensão e possibilita a visita a alguns dos pontos turísticos através de passeios de barco, como a Fortaleza de São Pedro e São Paulo, o Museu Hermitage, etc.

Algumas das empresas que disponibilizam os tours de barco também oferecem áudio-guias em inglês ou espanhol, e o ponto de partida é o píer a 500 metros da Palace Square.

Como chegar: o rio percorre toda cidade, sendo bastante fácil de chegar em suas margens
Ingresso:
Passeio de barco em São Petersburgo com 2 pontes levadiças: a partir de 1000 RUB
Excursão de barco pela Veneza do Norte: a partir de 700 RUB
Tour de Ônibus e Barco Hop-On Hop-Off em São Petersburgo: a partir de 1222 RUB

Nevsky Prospekt

A principal avenida da cidade é essencial no seu roteiro do que fazer em São Petersburgo. A avenida é movimentada e está sempre cheia de gente, ideal pra quem gosta de passear sem pressa e apreciar sua viagem.

Nevsky Prospekt

Com muitas opções de lojas, bares e restaurantes, a avenida costuma ser ponto inicial pra quem começa o dia, pois dá pra chegar em várias atrações turísticas caminhando ao longo dos seus 4km, como no Museu Russo e a Catedral do Sangue Derramado. Um passeio gratuito que agrada a todos.

Endereço: Nevsky Prospekt
Horário: todos os dias, 24 horas
Ingresso: gratuito

Museu Russo

Um dos primeiros museus da Rússia, o Museu Russo foi inaugurado em 1898 e tem em seu acervo diversos elementos que contam a história do país até o século XX.

É um dos grandes templos dedicados à arte em São Petersburgo e em seu prédio principal, o palácio Mikhailovsky, abriga as peças da coleção permanente. Demais coleções itinerantes são exibidas nos palácios Stroganov e de Mármore.

Localização: Inzhenernaya ulitsa, 4
Como chegar: metrô: estação Nevsky Prospekt, nas linhas verde e azul
Horário:
Segunda: 10h às 20h
Terça: fechado
Quarta: 10h às 18h
Quinta: 13h às 21h
Sexta a domingo: 10h às 18h
Ingresso:
Estudantes: a partir de 400 RUB
Adultos: a partir de 800 RUB
Museu Russo sem filas: a partir de 4458 RUB
Excursão sem filas ao Museu Russo: a partir de 3086 RUB

Catedral Kazan

A Catedral Kazan é um imponente edifício em São Petersburgo. É impossível não notar suas 96 colunas e sua cúpula enorme, que mede 80 metros de altura.

A catedral foi construída para abrigar o Ícone da Virgem de Kazan e impressiona a todos pela sua arquitetura, mesmo não sendo um exemplo do estilo tradicional eslavo.

Sua construção foi iniciada em 1801 e durou 10 anos, tendo como inspiração a Basílica de São Pedro, em Roma.

Catedral Kazan em São Petersburgo

Localização: Kazan Square, 2
Como chegar: localização central e próxima de pontos turísticos como o Museu Hermitage e a Palace Square
Horário:
Segunda a sexta: 8h30 às 20h
Sábado e domingo: 6h30h às 20h
Ingresso: entrada gratuita

Museu Aurora

O Museu Aurora é um importante elemento da história da Rússia. O Aurora não é um museu comum, e sim um navio ancorado em um dos píeres da cidade.

Foi construído entre 1897 e 1900 e participou de algumas guerras, como a Guerra Russo-Japonesa, onde foi atingido e inutilizado.

Durante a visita na parte interna do navio museu, é possível conhecer um pouco mais sobre a história, ver objetos utilizados pelos tripulantes, etc. A visita é rápida e demora cerca de 2 horas para conhecer todo o navio.

Localização: Truda Square, 5
Como chegar: na estação Admiralteyskaya, basta pegar o ônibus 5 ou 22 até a parada Ploschad’ Truda
Horário: quarta a domingo, das 10h as 18h
Ingresso:
Para crianças e estudantes: 500 RUB
Adultos: 700 RUB

Dica: você pode optar por comprar o City Pass de São Petersburgo, com opções de 2 a 5 dias. A partir de 5033 RUB, na Get Your Guide.

Quando visitar São Petersburgo

Saber quando visitar São Peterburgo depende do gosto de cada viajante. O ideal, para evitar temperaturas muito altas ou muito baixas, é entre os meses de junho a agosto, onde as temperaturas estão mais amenas.

No verão, os dias são quentes e ensolarados, perfeitos pra quem gosta de aproveitar e viver a cidade. O inverno é muito rigoroso e as temperaturas podem chegar a até -10ºC.

Veja quanto custa viajar para a Rússia: confira todos os custos.

Dicas para visitar São Petersburgo

Como toda grande cidade, é preciso estar sempre atento aos seus pertences. Fique sempre de olho em suas bolsas, mochilas e sacolas, principalmente em áreas muito cheias.

A região turística é mais segura, mas devido ao alto fluxo de pessoas pode ser fácil de ser furtado. Ande sempre com cópia dos seus documentos na carteira e no e-mail, para evitar maiores preocupações.

Evite sacar dinheiro nos caixas eletrônicos que não estejam dentro de agências bancárias, para evitar que seu cartão fique preso na máquina.

Sempre troque seu dinheiro em casas de câmbio autorizadas. Jamais negocie com estranhos. E veja quais os melhores locais para guardar dinheiro na viagem.

Se você tiver problemas em atravessar as ruas, devido ao alto número de carros e o trânsito perigoso, procure sempre uma passagem subterrânea. É mais rápido e mais seguro.

Se você planeja viajar para a Rússia e conhecer São Petersburgo, saiba que o seguro viagem é essencial. Recomendamos que você utilize o nosso comparador de seguro viagem. Ele apresenta planos das principais seguradoras do mercado e ainda garantimos os melhores preços aos leitores do Euro Dicas Turismo.

Confira também nosso roteiro em Moscovo, a capital russa e planeje sua viagem.

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
  • Viaje sempre com internet no celular

    Para consultar o Google Maps, chamar um Uber, tirar qualquer dúvida ou para alguma emergência, viajar com internet sem depender de Wi-Fi é essencial hoje em dia. O Chip que usamos sempre em nossas viagens é o da Viaje Conectado que tem os melhores preços e cobertura de 4G do mercado.

    VER PLANOS »
Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas Turismo.
Compartilhe
Autor

Ariella Aguiar é cearense e curiosa. Publicitária de formação, também estudou Bellas Artes na Espanha. Ama música, dança e tudo que possibilite novos horizontes e caminhos dentro da arte. Gosta de observar o mundo e, sempre que possível, está de malas prontas para o próximo destino.