Basílica de São Pedro: dicas para visitar a maior igreja do mundo

Visitar Vaticano  / 

Conheça o maior templo católico do mundo, a Basílica de São Pedro. O templo mais importante do catolicismo merece uma visita quando você estiver na Itália.

A Basílica de São Pedro fica no Vaticano e é o maior, mais importante, e mais visitado templo do catolicismo no mundo. Construída entre os anos de 1506 e 1626, tem no seu estilo arquitetônico dominante o estilo renascentista e barroco.

Basílica de São Pedro: a maior igreja católica do mundo

Também chamada de Basílica di San Pietro, a Basílica de São Pedro é a maior igreja católica do mundo. Está localizada no Vaticano, a menor Cidade-Estado do mundo, com uma população de apenas 1000 habitantes. Apesar de estar em uma cidade tão pequena é a maior edificação religiosa do mundo.

A célebre Capela Sistina também faz parte da Basílica de São Pedro, formando o complexo religioso e de Museus do Vaticano, que abrigam as magnânimas pinturas de Michelangelo, além das obras de Bernini e Bramante.

Veja como comprar ingressos para os museus do Vaticano.

Uma das quatro basílicas patriarcais do Vaticano

Além da Basílica de São Pedro existem outras três basílicas Patriarcais em Roma,  a Basílica de São João de Latrão, a de Santa Maria Maior e São Paulo Extramuros. Contradizendo à crença popular, São Pedro não é uma catedral, já que não é a sede de um bispo.

Outro detalhe que surpreende, é que a sede oficial do Papado fica na Basílica de São João de Latrão, e não na Basílica de São Pedro.A Basílica de São Pedro é a que mais sobressai das quatro basílicas patriarcais porque é o edifício que conta com a maior participação do Papa, já que a maioria das audiências papais são realizadas lá devido ao seu maior espaço, proximidade com a residência do Papa e a localização privilegiada no Vaticano.

História da construção

A história conta que nos primórdios do Império Romano a atual Praça do Vaticano era ocupada por prédios residenciais. Calígula, filho de Nero, construiu um circo privado neste mesmo local, onde permaneceu apenas o obelisco desta época. No Circo de Nero, muitos cristão foram martirizados por ordem do Imperador.

Conforme descrito nos livros bíblicos, o apóstolo Pedro morreu crucificado de cabeça para baixo, por volta de 65 d.C.. Roma foi o último lugar para onde Pedro peregrinou para levar o evangelho.

historia da construcao basilica de sao pedro

Quando capturado pelo Império, foi crucificado ao lado do obelisco no Circo de Nero.Os restos mortais do apóstolo de Cristo foram enterrados na Colina do Vaticano, bem próximo do local de sua morte. Aproximadamente 300 anos após sua morte é que o Imperador Constantino, levantou o primeiro projeto da antiga Basílica de São Pedro no mesmo local.

A construção do novo e atual edifício, foi iniciada no mesmo local da antiga Basílica,  por volta do ano 1506. O projeto foi concluído apenas em 1626. Na mesma data de conclusão das obras do monumento, Papa Urbano VIII a consagrou como templo santo. Por conta de toda a história e honra de São Pedro a Cristo, a basílica ganhou o seu nome e também um túmulo in memoriam de seu mártir.

Patrimônio da Humanidade mais visitado do mundo

A construção da basílica situada na Praça de São Pedro foi considerada um dos maiores projetos arquitetônicos da história, o que faz dela um dos monumentos Patrimônio da Humanidade mais visitados até hoje.

O seu interior é o mais notável das edificações do Vaticano, com destaque para a cúpula que é uma característica dominante do horizonte de Roma, com cerca de 340 estátuas de santos, mártires e anjos.

A basílica também se tornou um famoso local de peregrinação por sua importância litúrgica e histórica. Sendo uma das sete igrejas de peregrinação de Roma.

Sobre a arquitetura

Cobre uma área de 23 000 m² ou 2,3 hectares (5.7 acres) e pode albergar mais de 60 mil devotos (mais de cem vezes a população do Vaticano).

A Basílica possui uma arquitetura monumental e magnífica, sem exageros. Incluindo a sua Cúpula, o templo chega aos 136 metros de altura e 218 metros de comprimento, totalizando 2,3 hectares de área, ou seja 23 mil metros.

sobre a arquitetura basilica de sao pedro

Viadutos projetados por Miguel Ângelo, ligam o Palácio Apostólico por um corredor em direção à Scala Regia, junto a fachada da Praça, onde dois corredores conectam o espaço a Sacristia, permitindo muitas ramificações no templo.

Viaje sempre com internet no celular

Para consultar o Google Maps, chamar um Uber, tirar qualquer dúvida ou para alguma emergência, viajar com internet sem depender de Wi-Fi é essencial hoje em dia.

O Chip que usamos sempre em nossas viagens é o da Viaje Conectado que tem os melhores preços e cobertura de 4G do mercado.

VER PLANOS »

Seus números impressionam

A Basílica de São Pedro tem 186 metros de comprimento, a fachada tem 114 metros de largura e 47 metros de altura.

No interior da Basílica existem 45 altares, 11 capelas e obras de arte consideradas como as mais importantes do mundo.

Apesar desses números impressionantes, você pode ficar ainda mais surpreendido quando souber que o interior da Basílica de São Pedro tem uma área de 23 mil metros quadrados e pode abrigar, de uma só vez, mais de 60 mil pessoas.

A arquitetura do exterior da Basílica

No exterior, com exceção da fachada, as paredes ganharam superfícies planas que são separadas por enormes pilastras. A primeira sessão tem grandes nichos com esculturas de santos colocadas lá por ordem Papa João Paulo II.

O entablamento, elemento da arquitetura clássica, que forma conjunto de arquitrave, friso e cornija, abrem-se outras janelas menores.

As principais imagens no exterior da Basílica são: São Gregório, o Iluminador; Santa Maria Josefa Sancho de Guerra;Santa Maria Soledad Torres Acosta, Santa Catarina de Siena; São Josep Manyanet i Vives; Santa Brígida da Suécia.

A fachada da Basílica de São Pedro

Imponente com seus 115 metros de largura e 46 metros de altura, foi construída por Carlo Maderno. Também é planificada por colunas colossais que formam um enquadramento na entrada e na Varanda das bençãos, onde acontece a benção Urbi et Orbi quando um novo papa é anunciado, também no mesmo local.

A fachada principal da basílica possui 115 m de largura e 46 m de altura. Foi construída pelo arquitecto Carlo Maderno entre 1607 e 1614. É articulada através do uso de colunas de ordem colossal que enquadram a entrada e a Varanda das bênçãos – lugar onde é anunciado aos fiéis a eleição do novo papa, e no qual este dá a bênção Urbi et Orbi.

A fachada é anteposta pelas imagens de São Pedro e São Paulo. Na parte superior, ainda há o ático, com oito janelas decoradas com pilastras.  O ático é coroado com uma balaustrada onde estão presentes estátuas de 5,7 metros: no centro está o Cristo Redentor, João Batista à direita, acompanhados por onze dos doze apóstolos. No frontão central, está gravado em latim os dizeres: “em honra do Príncipe dos Apóstolos, Paulo V Borghese Roman Pontífex Maximus 1612 sétimo ano do seu pontificado.”

Pela arquitectura, fachada e simbolismo, esta é uma das igrejas mais bonitas da Europa.

Praça São Pedro

No centro desta importante praça do Vaticano está o Obelisco do Vaticano, único que nunca caiu em Roma. A praça serve como ponto de encontro dos católicos de todos os países do mundo e, todos os anos, o Papa faz aparições e deixa os fieis encantados e agraciados. Realmente é um local de muita fé e energia.

Onde fica a Basílica de São Pedro

A Basílica de São Pedro fica praticamente no centro do Vaticano. Fica a menos de 100 metros da Capela Sistina e é possível chegar nela de metrô (linha A – vermelha – estação Cipro ou Ottaviano), também dá para pegar o ônibus número 64 que parte de Termini e para bem do lado da Basílica.

Informações para  visitar a Basílica de São Pedro

Endereço: Piazza San Pietro, 00120. Cidade do Vaticano.

Horário de Funcionamento

  • De 1 de outubro até 31 de março: das 07h às 18h30;
  • De 01 abril até 30 setembro: das 07h às 19h;
  • Nas quarta-feiras o horário de funcionamento é à partir de 12h30, após a audiência geral.

Missa do Papa da Basílica

A Missa do Papa no Vaticano é um dos eventos religiosos mais ansiado pelos católicos. Muitos admiradores do Papa possuem esse grande sonho de viajar para a Itália e assistir a tão famosa audiência geral ou audiência papal.

Se você tem viagem marcada para a Itália ou está começando a se planejar, temos todas as dicas e detalhes para conseguir assistir a missa do Papa no Vaticano. Veja agora como ver o Papa de perto no Vaticano.

A audiência papal, mais conhecida como Missa do Papa, é pública e geralmente acontece às quartas-feiras, às 10h, na famosa Praça de São Pedro (Piazza San Pietro) ou na Sala Paolo VI, um recinto fechado e climatizado para até 6 mil pessoas, com uma maravilhosa escultura em seu altar.

Veja detalhes completos sobre a Missa do Papa no Vaticano: assista a missa ao vivo gratuitamente.

Ingresso para a Basílica de São Pedro

A Basílica tem entrada gratuita. Porém para quem tem pouco tempo para conhecer o máximo de lugares possível, pode adquirir ingressos que permitem entrar sem pegar fila. Para aproveitar o passeio gratuito sem filas, tente chegar no máximo até 07h30 da manhã.

Evite filas na Basílica de São Pedro

Mas se você quiser não apenas visitar a basílica sem fila, mas conhecer a cúpula e a cripta da basílica, há ótimos tours pagos. Recomendo!

evite filas na basilica de sao pedro

É importante lembrar que apesar da entrada à Basílica ser gratuita, para conhecer a Capela Sistina e os Museus do Vaticano, é necessário comprar os ingressos.

Para isso há duas possibilidades, adquirir os ingressos na hora da visita na bilheteria, ou então pela internet evitando filas na própria bilheteria e na entrada das atrações, já que por 30€, é possível comprar o ingresso duple que vale para a Capela Sistina e para os museus.

Confira mais sobre os ingressos para a Capela Sistina.

Curiosidades da Basílica de São Pedro

1. O nome da basílica é uma homenagem ao primeiro papa da igreja católica, São Pedro;

2. Dizem que a igreja católica não permite que outro templo do catolicismo seja maior do que a Basílica de São Pedro no mundo e que a Basílica de Nossa Senhora Aparecida, na cidade de Aparecida (interior de São Paulo) é, por isso, a segunda maior basílica do mundo, tendo poucos metros quadrados a menos do que a de São Pedro;

3. Ao contrário do que muitos pensam, o Papa não é Bispo da Basílica di San Pietro, mas sim da Basílica di San Giovanni in Laterano, que tem o título de Mãe de todas as igrejas católicas existentes, onde se encontra inclusive o Trono Papal. A Basílica de São Pedro é como se fosse a igreja para o trabalho diário e para receber os fiéis nas audiências gerais, já que é muito maior do que as outras;

4. Aos que visitarem a Basílica de São Pedro, na Pietà, obra mais famosa de Michelangelo, repare no muro à sua direita, e veja a parte interna da Porta Santa que só aberta a cada 25 anos no início do Ano Santo. No Natal, o Papa é seguido em uma procissão, se ajoelha três vezes na frente do muro que bloqueia a Porta e em seguida dá marteladas quando, como em um passe de mágica, o muro se abre e o Papa atravessa a Porta Santa;

5. Ao lado direito do túmulo do Papa João Paulo II há uma capela onde você pode entrar e fazer suas orações;

6. Já no altar principal está a Estátua de São Pedro em bronze, a obra de Arnolfo di Cambio;

7. Para uma foto diferente na fachada, se posicione nos discos em pórfiro, nas laterais do obelisco de Calígula, desta forma ficará no exato ponto da elipse de Bernini e terá a ilusão ótica ao ver as colunas na mesma fila, como se fossem um a só;

8. Os Jardins do Vaticano são os lugares de descanso dos Papas desde 1279, ano em que Papa Nicolau III mudou-se de São João de Latrão.

COMPARTILHE
Autor

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.