Imagine que suas próximas férias na França serão dedicadas a acompanhar as olimpíadas em Paris. Pensou nisso? Então é hora de se planejar e fazer a viagem acontecer! Se viajar para a cidade Luz em uma época normal já é incrível, mas exige planejamento, imagina no maior evento esportivo do mundo.

Descubra quando são os jogos, os custos médios de visitar Paris por dez dias e o que você não pode deixar de lado antes de embarcar. Um guia completo para tornar sua experiência nos jogos olímpicos em Paris inesquecível. Vamos lá!

Quando serão as Olimpíadas em Paris?

As Olimpíadas em Paris começam dia 26 de julho (sexta-feira) e vão até 11 de agosto (domingo) de 2024.

Durante esse intervalo, a cidade de Paris estará tomada de delegações locais e internacionais e turistas do mundo inteiro para acompanhar as 48 modalidades e 32 esportes.

Além de tudo o que há para fazer em Paris, haverá ainda mais com várias competições simultâneas.

Locais de competição das Olimpíadas em Paris

A prefeitura de Paris parece ter pensado em tudo. Conforme a organização, os Jogos a serem realizados na capital serão divididos em 15 locais de competição em um conceito compacto, que facilita o deslocamento do público e dos próprios atletas.

Falando exclusivamente de Paris “intramuros” preparei o mapa a seguir. Na página da organização (exclusivamente em francês) você consegue calcular o tempo para se deslocar entre um local e outro e aproveitar mais jogos.

Como comprar ingresso para as Olimpíadas em Paris?

Os ingressos para os Jogos Olímpicos de Paris 2024 estão à venda exclusivamente pelo site oficial da organização Paris 2024.

Nenhuma outra plataforma está autorizada a vender ingressos. No momento desta publicação o site estava disponível apenas em inglês e francês.

Quanto custam os ingressos?

Os ingressos para as Olimpíadas variam de 24€ a 950€ para jogos ordinários, podendo começar em 2.700€ para cerimônias.

Conforme a organização dos jogos olímpicos, os ingressos a preços populares na faixa de 24€ são possíveis, pois 15% dos ingressos mais caros acabam por custear os lugares mais baratos.

Quanto custa viajar para as Olimpíadas em Paris?

Para duas pessoas, em condições normais (sem jogos olímpicos), o custo médio é de R$16 mil.

Essa estimativa pode sofrer alterações a depender da época da escolha da passagem aérea para Paris, ano, do local escolhido para hospedagem, dos passeios, meio de transporte escolhido para se deslocar pela cidade e das compras que você planeja fazer.

Quando falamos sobre quanto custa viajar para Paris, os valores levantados para chegar aos R$ 16 mil levam em conta os seguintes gastos:

Item Valor estimado
Passagens aéreas R$ 7.455
Seguro viagem R$ 180,60
Hospedagem em hotel 4 estrelas R$ 4.061
Alimentação R$ 4 mil
Transporte R$ 236,12

Assim, no caso do período das Olimpíadas, é preciso incluir, ainda, o preço dos ingressos dos eventos esportivos que deseja acompanhar. Portanto, reserve um valor extra no orçamento para as Paris.

Qual o gasto diário em Paris?

Incluí na tabela abaixo os custos com itens que a mim são indispensáveis e cheguei a um valor de 119,10€ por pessoa. Suas preferências provavelmente serão diferentes, mas é possível ter uma dimensão dos gastos.

Os gastos consideram apenas os custos no local, assim, hospedagem e ingressos para as Olimpíadas já devem estar comprados.

Item Valor médio
Alimentação (almoço ou jantar simples) 15€
Lanche no meio do dia em boulangerie 7€
Café em boulangerie 5€
Garrafa de água no mercado 1,50€
Transporte* 5,60€
Atrações 35€
Compras 60€
Total 119,10€

* O valor do transporte considera o Navigo semaine (30€), válido por sete dias, que permite o uso em todas as zonas de Paris, acrescido de três dias de Navigo jour (8,45€ por dia). O valor total das despesas foi dividido por 10 para chegarmos ao valor acima.

O transporte em Paris é a melhor forma de se deslocar pela cidade. Os links para acesso ao site do Navigo são apenas em francês.

Quantos euros levar para as Olimpíadas em Paris?

Com base na tabela acima, considerando 10 dias de viagem, o valor ficaria em cerca de 1.200€ por pessoa. No entanto, é preciso considerar que você eventualmente vai comer num restaurante mais caro, tomará um vinho, pegará um Uber ou comprará um bilhete para o Moulin Rouge. Deste modo, considere que 1.800€ é um montante muito mais adequado.

Para driblar o câmbio do dinheiro em espécie, cujo IOF é maior, recomendo que utilize um cartão multimoedas como o da Wise. O cartão é gratuito e permite comprar euros pelo aplicativo com base no câmbio comercial. Além disso, levar um cartão em vez de dinheiro em espécie é infinitamente mais seguro.

Se por acaso você decidir estender sua viagem e partir para um destino onde a moeda não é o euro, é possível converter seus euros em segundos. O cartão da Wise é a forma mais barata e segura de fazer pagamentos em moeda estrangeira.

Onde se hospedar durante as Olimpíadas em Paris?

Por ter um transporte público muito eficiente, é possível se deslocar rapidamente de um ponto a outro da cidade e chegar aos locais dos jogos (ou às atrações turísticas) não raramente em até 30 minutos.

Estádio Le Parc des Princes em Paris
Hospedagens perto dos locais de jogos, como o estádio Le Parc des Princes, terão preços astronômicos

Ao escolher onde ficar em Paris considere analisar a relação custo-benefício, para escolher uma boa hospedagem. Meus bairros favoritos: Le Marais, Pigalle, Montmartre, Bastille e Quartier Latin.

Verifique também os melhor arrondissements para que você tenha uma visão geral sobre as características desses locais e, com isso, possa buscar opções por conta própria. Um spoiler: eu sou fã do custo-benefício do 13º arrondissement!

Como se locomover durante as Olimpíadas em Paris?

O transporte público em Paris funciona bem e é meu meio de transporte favorito. Os metrôs funcionam bem e, com o Google Maps, você consegue saber exatamente qual direção pegar e onde descer.

Na tabela que preparei alguns parágrafos acima adicionei o custo do bilhete para uso do transporte público para que você viva a legítima experiência parisiense de deslocamento!

Você pode, ainda, locar bicicletas (inclusive elétricas), optar pelo aluguel de carro em Paris ou, ainda, se divertir utilizando o famoso ônibus turístico hop-on hop-off!

Nesse último caso, os ônibus levam você a locais emblemáticos como Torre Eiffel, Opéra Garnier e Louvre e contam com a opção de audioguia em português que contam curiosidades sobre a cidade. É um programa excelente para famílias!

O que fazer na cidade durante as Olimpíadas em Paris?

Embora você esteja em Paris para os jogos, você não passará o dia inteiro acompanhando esportes. Por isso, aqui vão algumas dicas sobre o que fazer em Paris para aproveitar a cidade no intervalo entre uma atração e outra.

Museus de Paris

Mesmo que você não seja um amante fervoroso das artes, é impensável ir para Paris e não visitar seus museus. O Louvre, por exemplo, abriga a Monalisa e a magnífica escultura Victoire de Samothrace. Uma visita que pode durar duas horas ou um dia inteiro, a depender da sua disposição.

No Centro Pompidou você terá a opção de se divertir com obras contemporâneas, fotografias e esculturas famosas. O prédio, projetado por Renzo Piano, é uma obra à parte.

Adquirindo o Passe Museus de Paris de 2, 4 ou 6 dias você pode evitar as filas do museu e garantir acesso aos principais Museus de Paris com cancelamento gratuito, caso mude de ideia.

Torre Eiffel

Algumas atividades dos jogos olímpicos acontecerão no Champ de Mars, com vista para a Torre, então você a verá obrigatoriamente. Mas não se restrinja a vê-la de baixo!

É possível adquirir bilhetes para subir na dama de ferro e ter uma vista panorâmica da cidade luz. É uma experiência à couper le souffle (de tirar o fôlego)!

Passeio de barco no Rio Sena

Eddy de Pretto imortalizou, de maneira divertida e dramática, os Bateaux-Mouches em sua canção que fez sucesso nas rádios francesas.

E você, em Paris, poderá viver a experiência de jantar e passear de barco pelo rio Sena, o rio mais famoso da Europa a bordo de um legítimo bateau-mouche (um barco comprido e turístico).

Caminhar sem rumo e atrações gratuitas

Se balader, como gostamos de dizer, custa zero euros. Você pode visitar atrações sem necessariamente entrar nelas caso tenha interesse apenas em observar toda a magnitude do lado de fora. E isso, por si só, já é uma experiência valiosa de roteiro em Paris.

Anéis olímpicos no Hôtel de Ville
Paris é um museu a céu aberto; Hôtel de Ville, no 4º arrondissement, é lugar que vale a vista

Você pode dar um pulinho no Hôtel de Ville, Jardin des Tuileries e Jardin du Luxembourg, conhecer a basílica de Sacré-Cœur em Montmartre, visitar o Arc de Triomphe cujo caminho pode ser feito a partir da Champs-Élysées (a mais bela avenida de Paris, quiçá da França).

Uma esticadinha até Versailles

Para concluir, recomendo que você adquira um passeio que te leva de Paris ao Palácio de Versalhes e dá direito ao palácio e seus jardins.

É um local maravilhoso, opulento, e que preserva com maestria a construção que teve início em 1631 e foi residência dos reis Louis XIV, Louis XV e Louis XVI. Imperdível e obrigatório!

Ficar conectado na Europa nunca foi tão fácil

Com a America Chip você tem internet 4G ilimitada durante toda a viagem. Escolha entre o chip e o eSIM e aproveite a Europa com a melhor conexão a partir de USD 40.

Ver Planos →

Como planejar a viagem para as Olimpíadas em Paris?

Para garantir que sua viagem para assistir às Olimpíadas em Paris ocorrerá da melhor forma possível há algumas dicas importantes.

Seguro viagem

Para entrar na Europa, é obrigatório que você tenha uma apólice de seguro viagem Paris que atenda às exigências do Tratado de Schengen.

A proteção precisa ter uma cobertura para as despesas médicas e hospitalares de, no mínimo, 30 mil euros e pode ser adquirida no Seguros Promo, um comparador de seguro viagem que apresenta excelente custo-benefício.

Chip de telefone internacional

Durante sua estadia em Paris você não poderá contar apenas com a internet do seu hotel ou do Airbnb. Por isso, é fundamental ter um chip de internet para poder se comunicar com familiares, amigos, para usar o Google Maps e até mesmo para manter cópia dos seus ingressos dos jogos na nuvem.

Você encontra ótimas opções de planos na America Chip, uma das maiores empresas do segmento que oferece bom atendimento, confiabilidade e um ótimo custo-benefício.

Adquirir ingressos antecipadamente

Aqui, não falo dos ingressos para os jogos olímpicos (esses você realmente será obrigado a comprar com antecedência), mas dos bilhetes para curtir as atrações de Paris entre um jogo e outro. Veja, você não ficará em Paris apenas para ver os jogos – e eu listei uma porção de atividades indispensáveis para aproveitar a cidade ao longo dessa publicação.

No GetYourGuide você pode comprar ingressos antecipadamente para pontos turísticos e garantir seu acesso ao que há de melhor na cidade por valores justos.

Documentação em dia

Para evitar dores de cabeça, faça o checklist quantas vezes julgar necessário e garanta que seus documentos estão em dia:

  • Passaporte com folhas disponíveis e dentro da validade;
  • Apólice do seguro viagem França emitida e válida;
  • Comprovante de hospedagem (hotel, Airbnb ou carta convite de algum amigo ou familiar que more em Paris);
  • ETIAS (veja abaixo).

Fique de olho no ETIAS

O ETIAS ou Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagem é um mecanismo de autorização de viagens que, segundo a União Europeia, deverá entrar em vigor em 2024 e será mandatório a todos os viajantes.

A emissão será feita online e haverá uma taxa que, ao que tudo indica, custará cerca de 7€.

Mulher observa painel com indicações de voos em aeroporto
ETIAS será mandatório a partir de 2024 e poderá ser emitido online; União Europeia prevê cobrança de 7€

Idosos com mais de 70 anos e pessoas com menos de 18 anos serão isentas da taxa.

Vale a pena viajar para Paris durante as Olimpíadas?

Sim, vale a pena se você estiver planejando sua viagem com o objetivo de ver as Olimpíadas em Paris.

Contudo, se seu plano não for assistir aos jogos, é melhor escolher outra época. Tudo, absolutamente tudo tende a ficar mais caro e mais cheio nesse período. E, vale lembrar, Paris já é uma cidade cara e inflacionada por natureza.

Decida viajar para Paris durante os jogos olímpicos apenas se você tiver planos claros de aproveitar essas atividades. E tenha certeza de que será uma viagem inesquecível!

Mas, caso você esteja planejando férias para viver outras maravilhas da cidade luz, talvez seja melhor ir alguns meses antes ou alguns meses depois para driblar as flutuações artificiais de preço. Veja, mesmo que você esteja com a conta abarrotada de euros, esse é um dinheiro que pode ser muito melhor aproveitado se usado com sabedoria.

Bon voyage!