Por muito tempo, Bucareste não fez parte do roteiro dos turistas que visitavam a Europa. Hoje, porém, a capital romena é muito procurada, sendo uma das maiores atrações do Leste Europeu. Para que você aproveite ao máximo a sua viagem, separamos um guia completo sobre o que fazer em Bucareste.

Confira as opções de guias para até 3 dias de viagem na capital da Romênia e saiba quais os pontos turísticos que você não pode perder, onde se hospedar, quais os pratos típicos locais, e muito mais!

O que fazer em Bucareste?

Desde 2007, quando a Romênia entrou na União Europeia, um fluxo intenso de turistas decidiu visitar Bucareste e apreciar as suas atrações turísticas que, por muito tempo, ficaram em segundo plano no cenário turístico europeu.

Uma das minhas grandes surpresas ao visitar Bucareste foi descobrir que há muito para conhecer na cidade. Assim, a melhor opção para aproveitar a viagem é planejar um roteiro com base em quantos dias você vai ficar na cidade.

A boa notícia é que as principais atrações turísticas de Bucareste ficam próximas umas das outras e, mesmo aquelas que estão mais longe, podem ser facilmente acessadas com uma das opções de transporte público da cidade.

Com o planejamento certo, você conseguirá aproveitar ao máximo a sua estadia em Bucareste. Para que você possa se organizar, veja as nossas sugestões de roteiros para viagens de 1 a 3 dias na capital romena.

O que fazer em 1 dia em Bucareste?

Com uma estadia de apenas 1 dia, é possível conhecer algumas das principais atrações de Bucareste. Veja a nossa sugestão de roteiro para aproveitar o melhor da cidade em pouco tempo:

  • Comece o passeio visitando o Palácio do Parlamento, o maior palácio do mundo. Aprecie a grandiosidade dessa obra faraônica de mais de 350 mil m² e 86 metros de altura;
  • Percorra o Bulevardul Unirii, a versão romena dos Champs-Élysées de Paris. Ao final do belíssimo passeio pelo boulevard, você encontrará a Piata Unirii, uma das maiores praças da cidade;
  • Cruze o Rio Dâmbovița, o principal de Bucareste, para chegar até o Centrul Vechi, o centro histórico da cidade. Caminhe pelas pequenas ruas que atestam o passado antigo do local até a Igreja de Santo Antônio, edifício de 1559 construído em estilo neogótico;
  • Visite o Palácio Curtea Veche, residência de Vlad Tepes, o Empalador, figura histórica que inspirou a história do Conde Drácula;
  • Caminhe pela Strada Franceza para chegar até a Calea Victoriei, a maior região comercial de marcas de luxo de Bucareste. Também vale a pena separar um tempo para apreciar a arquitetura peculiar dos edifícios do local, inspirados no estilo neoclássico francês.

Outra alternativa para quem quer conhecer os principais pontos da cidade em pouco tempo é optar por um passeio a pé guiado pelo centro histórico de Bucareste.

O que fazer em 2 dias em Bucareste?

Tem mais tempo em Bucareste? Ótimo! Como mencionamos, o centro histórico da cidade é extenso e existem muitas outras atrações que merecem uma visita, é claro.

Veja a nossa sugestão sobre o que fazer em Bucareste no seu segundo dia:

  • Comece o passeio pelo Museu Nacional de História da Romênia, com sede em um palácio belíssimo que era usado pelo governo décadas atrás. Vale a pena separar ao menos 1 hora para visitar o interessante acervo que atesta a história milenar do país;
  • Visite o Biserica Zlataria, um templo ortodoxo construído em 1850. Aprecie o estilo bizantino do local que abriga as relíquias de São Cipriano;
  • Faça uma pausa em um dos cafés elegantes da Passagem Macca-Vilacrosse, uma pequena rua coberta com vidros amarelos e belíssimas arcadas;
  • Siga em direção ao Teatro Odeon, uma das principais casas de artes cênicas do país;
  • Pouco à frente do Teatro você irá encontrar a Pasajul Victoria, uma das ruas mais famosas da cidade: mesmo sendo pequena e estreita, o local é conhecido por estar coberto com dezenas de guarda-chuvas coloridos. É o lugar perfeito para tirar fotos!;
  • Vá até a majestosa Piata Revolutiei e aprecie a arquitetura neoclássica do Ateneu Romeno, uma sala de concertos que recebe diversos espetáculos ao longo do ano. Vale a pena visitar o interior do Ateneu para conhecer a sua decoração elegante e seu teto abobadado;
  • Finalize o dia na Praça da Universidade. Os palácios da praça abrigam a Universidade de Bucareste, mas a fama do local se deve ao seu papel histórico fundamental: ela foi palco da Revolução de 1989, que provocou a queda do regime em vigor na época.

Ufa! Muito para ver, não é mesmo? Caso você tenha mais tempo em Bucareste, eu visitaria a Praça da Universidade somente no terceiro dia e aproveitaria o resto da noite para conhecer um dos famosos restaurantes romenos.

O que fazer em 3 dias em Bucareste?

Caso a sua estadia em Bucareste seja de 3 dias, saiba que você poderá incluir ainda mais pontos turísticos no seu roteiro ou, se preferir, fazer um bate e volta até alguma cidade próxima.

Veja o que você pode conhecer no seu terceiro dia na cidade:

  • Conheça a belíssima Igreja Nova de São Jorge. Os afrescos coloridos na cúpula da Igreja fazem dela um dos lugares mais surpreendentes de toda Bucareste;
  • Caminhe pela Strada Lipscani, uma das ruas comerciais da cidade, e aprecie as belíssimas fachadas do Banco Nacional Romeno, do Palácio Pinacotecii e do Palácio da Bolsa;
  • Visite o Mosteiro Stavropoleus e conheça um dos melhores exemplos do brâncovenesc, o estilo renascentista romeno;
  • Relaxe na maior área verde da cidade: o Parque Herastrau. No parque, você poderá caminhar ou, caso esteja viajando no verão, se divertir com um esporte aquático;
  • O parque também abriga uma atração imperdível: o Museu da Aldeia Romena, com um acervo etnográfico sobre a cultura e as tradições do país;
  • Por fim, caminhe em direção ao Arco do Triunfo, inspirado no francês. Recomendo que você suba até o topo do Arco para apreciar a vista panorâmica mais bonita de Bucareste. Se puder, assista ao pôr do sol no local: será inesquecível!;

Se preferir, você também pode separar parte do seu terceiro dia em Bucareste para fazer um bate e volta em uma das cidades próximas. Em 2023, eu optei por conhecer Brasov e Peles, no coração da Transilvânia, com uma excursão guiada.

Acrescente na lista sobre o que fazer em Bucareste um bate e volta em Brasov.
O centro histórico de Brasov é um dos mais bonitos da região da Transilvânia. Foto: Giovanna Mauro

Optei por essa excursão por que poderia ter a chance de visitar o Castelo de Peles, o Castelo do Drácula (Castelo de Bran) e conhecer a cidade de Brasov.

Quantos dias são suficientes em Bucareste?

3 dias são suficientes.

Com uma estadia de 3 dias em Bucareste, você poderá visitar as principais atrações históricas do local e conhecer com detalhes o complexo passado da cidade. Se quiser, também terá a oportunidade de visitar cidades próximas e mergulhar na história da Transilvânia.

Além disso, é importante que você também inclua outros fatores no seu roteiro. Considere, por exemplo, que poderá passar algum tempo saboreando a gastronomia local ou fazendo compras nas ruas comerciais de Bucareste.

O que não pode deixar de conhecer em Bucareste?

O Palácio do Parlamento.

O Palatul Parlamentului, em romeno, é a principal atração de Bucareste. O edifício foi construído entre os anos de 1980 e 1989, durante a ditadura de Nicolae Ceauşescu.

Hoje, o local abriga a sede do governo romano, mas a sua fama se deve à sua grandiosidade: o Palácio do Parlamento domina a paisagem de Bucareste e é impossível visitar a cidade sem ficar admirado com a sua extensão, decoração e arquitetura contemporânea.

Sendo o maior cartão postal de Bucareste, existem várias visitas guiadas ao Palácio do Parlamento. Recomendo a experiência para quem quer conhecer o interior de um dos prédios mais famosos da Europa.

O que fazer a noite em Bucareste?

Bucareste possui uma vida noturna muito agitada. À noite, as ruas da cidade se tornam um verdadeiro espetáculo, com inúmeras opções de bares, restaurantes e baladas para todos os gostos.

Todo o centro histórico é, de forma geral, bem animado à noite. Mas, o bairro de Lipscani concentra as melhores opções para aproveitar a noite romena. O Nomad Sky Bar, por exemplo, é um bar e restaurante que, depois da meia-noite, se transforma em um espaço muito animado para dançar. Outra opção no mesmo estilo é o True Social Club.

Para quem quer apreciar bons drinks e ouvir boa música, recomendo o Sky Bar, com vistas panorâmicas e um clima muito acolhedor, e o Beluga Music & Cocktails, ainda no centro da cidade.

Caso você esteja visitando Bucareste em um final de semana, aproveite para conhecer o espetáculo de luzes e música que acontece na Piata Unirii à noite, por volta das 21 horas. A experiência é gratuita e, sobretudo, incrível.

Qual a melhor época para conhecer Bucareste?

Durante a primavera.

Entre os meses de maio e junho, os turistas irão encontrar uma verdadeira explosão de flores de todas as cores nos parques e ruas de Bucareste, além de dias ensolarados e climas amenos.

Ateneu romeno, em Bucareste
As paisagens de Bucareste ficam ainda mais bonitas na primavera

Outro ponto positivo de conhecer Bucareste nessa época é a intensa programação primaveril da cidade. Espetáculos de todos os tipos, shows de música ao ar livre e outros eventos animam a primavera da capital romena.

Também pode ser interessante conhecer Bucareste no inverno, mas prepare-se para temperaturas muito baixas e, até mesmo, neve.

O que fazer em Bucareste no inverno?

O frio intenso do inverno romeno é acompanhado por uma programação variada. Veja o que você pode fazer nos meses mais congelantes do ano em Bucareste:

O que fazer em Bucareste no verão?

O verão é a estação mais animada da cidade, além de ser a mais quente também. Conheça algumas opções na sua lista sobre o que fazer em Bucareste:

  • Aprecie o Festival George Enescu, um festival bianual de música clássica;
  • Aproveite as temperaturas amenas e as sombras do Parque Alexandru Ioan Cuza;
  • Para os amantes do cinema, uma boa opção é o Grădina cu Filme, o maior cinema ao ar livre da cidade.

O que fazer além do óbvio em Bucareste?

Além das principais atrações turísticas que incluímos nos roteiros sobre o que fazer em Bucareste, você também pode enriquecer a sua visita à capital romena com opções de passeios menos comuns. Veja as nossas sugestões a seguir:

Quanto custa viajar para Bucareste?

Para um passeio de 3 dias, reserve cerca de R$ 1.600 por pessoa, excluindo as passagens de ida e volta do Brasil.

A boa notícia é que Bucareste não é uma cidade cara, mas pelo contrário está entre as cidades mais baratas para visitar na Europa. Como a moeda local é o Leu (Lei, no plural), desvalorizado em relação ao Euro, viajar para a capital romena pode ser muito barato.

Porém, os seus gastos em Bucareste irão depender de muitos fatores, como tipo de hospedagem, duração da estadia, número de atrações que planeja visitar, etc. Para que você tenha uma estimativa de quanto poderá gastar em Bucareste, veja os preços médios que separamos a seguir:

Item Preço médio para uma pessoa por 3 dias
Hospedagem em hotel 3 estrelas 150€
Atrações turísticas 50€
Transporte 15€
Alimentação 90€
Total 305€ = R$ 1.635

Consideramos a cotação do euro em 28 de janeiro de 2024: 1€ = 4,82 lei.

O orçamento apresentados são baseados nas minhas experiências em Bucareste em 2023. Mas, é claro que você pode ter um gasto médio menor ou maior do que o meu conforme o seu estilo de viagem e objetivos.

Qual o gasto diário em Bucareste?

Em média, uma pessoa sozinha gasta 40€ por dia de viagem em Bucareste, incluindo os gastos com alimentação, transportes e atrações turísticas.

O café da manhã na cidade possui um valor médio de 3€, enquanto almoçar ou jantar em Bucareste pode custar de 5€ a 12€ por pessoa.

Praça Universitate, na capital romena.
Bucareste é uma cidade linda e muito barata para você conhecer na Europa. Foto: Giovanna Mauro

O valor médio do ingresso para os museus e monumentos, por sua vez, é cerca de 5€. Por fim, considere que o bilhete do principal meio de transporte da cidade (o metrô) custa 0,60€.

Percebeu como Bucareste é uma meta turística muito econômica, não é? A minha experiência na cidade foi muito positiva nesse sentido e posso dizer que é perfeitamente possível conhecer essa joia ao fazer o seu roteiro leste europeu mesmo com um orçamento mais limitado.

Quantos euros levar para Bucareste?

Considerando a nossa estimativa, uma pessoa deve levar cerca de 150€ para três dias em Bucareste.

Com esse orçamento, é perfeitamente possível visitar a maioria das atrações da cidade, apreciar refeições em restaurantes e fazer pequenas compras.

O câmbio pode ser um pouco complicado em Bucareste: é difícil encontrar casas de câmbio que não cobrem taxas abusivas. Assim, a forma mais fácil de levar dinheiro para a capital romena e estar preparado para comprar usando o Lei é com um cartão internacional.

Em 2023, eu usei o cartão Wise, um cartão multimoedas aceito em toda a Romênia, durante a minha estadia. A minha experiência foi ótima e é por isso que recomendo que você solicite o seu cartão gratuitamente.

O que não deixar de comer em Bucareste?

A Romênia tem uma tradição gastronômica muito rica e milenar e arrisco dizer que Bucareste é o melhor lugar para provar os melhores pratos romenos.

Aproveite a sua estadia na cidade e experimente as especialidades nacionais. Veja o que você não pode deixar de comer em Bucareste:

  • Sarmale: o prato mais famoso da gastronomia romena. Ele é feito com carne de porco moída misturada com arroz e ervas e enrolado em folhas de repolho. Busque pela especialidade em restaurantes tradicionais, como o Caru’ cu Bere, no centro da cidade;
  • Mititei: esse prato é feito de carne moída temperada com especiarias e servido em formato de linguiça. Normalmente, ele é acompanhado de polenta (a Mamaliguta). Para quem quer experimentar esse prato recomendo o restaurante Hainu Lui Manuc;
  • Bulz: essa especialidade consiste em polenta recheada de queijo e cozida no forno. Você pode experimentar o Bulz no Lacrimi și Sfinți.

É claro que você não vai pular a sobremesa, não é? Experimentei o famoso papanasi, uma das sobremesas mais tradicionais da Romênia, no Caru’ cu Bere. O doce é uma espécie de bolinho frito coberto com creme e geleia, uma delícia!

Onde se hospedar em Bucareste?

Bucareste é dividida em seis distritos que englobam vários bairros. Como cada setor possui as suas próprias peculiaridades, é importante que você escolha a melhor região conforme os seus objetivos na cidade.

Caso você tenha pouco tempo em Bucareste ou queira conhecer todas as principais atrações a pé, recomendo o Setor 1, que engloba o centro histórico e está muito perto dos principais pontos turísticos. Além da localização central, a região também conta com uma grande quantidade de mercados, farmácias, lojas e restaurantes. No distrito, você encontrará muitas acomodações com bom custo-benefício nas regiões da praça Universitate e da Piata Romana.

O Setor 4, por sua vez, é um pouco mais afastado do centro, mas possui opções mais econômicas de hospedagens. Por fim, o Setor 5 é o ideal para quem busca uma região mais animada e com vida noturna intensa.

Qual o melhor transporte para aproveitar Bucareste?

Com estações próximas à maioria dos pontos turísticos, o metrô é o melhor transporte público para passear por Bucareste. O custo-benefício também é excelente: os bilhetes custam apenas 0,60€ e existem várias opções de passes para 1, 2 ou mais dias.

Apesar de ser o meio de transporte mais comum, o metrô não alcança os bairros mais afastados de Bucareste. Durante a minha viagem, andei exclusivamente de ônibus e a minha experiência foi ótima. Os ônibus são extremamente pontuais e algumas linhas funcionam 24 horas por dia.

Arco do Triunfo de Bucareste
Alugar um carro pode ser uma boa opção para conhecer Bucareste.

Para estadias curtas, uma opção interessante pode ser o ônibus hop-on hop-off. Com ele, é possível aproveitar ao máximo o seu tempo na cidade, conhecendo diversas atrações em pouco tempo. Porém, o serviço de ônibus turístico está temporariamente suspenso.

O aluguel de carro em Bucareste pode ser a alternativa ideal não somente para conhecer a cidade, mas também para os turistas que querem fazer bate e volta em cidades próximas. Como as linhas de trem são limitadas, o carro pode ser uma solução para conhecer as proximidades da capital romena.

Como se planejar para visitar Bucareste?

Agora que você já conheceu as principais informações de que precisa para programar a sua viagem e sabe o que fazer em Bucareste, confira as dicas que separamos para facilitar o seu planejamento.

Compre os ingressos com antecedência

Se você está planejando conhecer os pontos turísticos mais famosos de Bucareste, recomendo que você garanta os ingressos com antecedência pela internet.

Na maioria das vezes, as vagas são limitadas e esgotam rápido. Assim, é importante que você reserve o seu lugar em sites de passeios, como o GetYourGuide.

Na plataforma, você encontrará opções de ingressos para as atrações de Bucareste e também excursões guiadas para cidades próximas que merecem uma visita. Um ponto positivo do site é a possibilidade de solicitar o cancelamento gratuito do seu passeio caso você mude de ideia.

Garanta o chip internacional

Seja para procurar um lugar no mapa, usar o tradutor ou fazer uma ligação: é fundamental que você esteja conectado durante toda a sua viagem pela Romênia.

A forma mais prática de garantir conexão em Bucareste é comprar um chip internacional. O chip será entregue diretamente no seu endereço de residência e, dessa maneira, você já chegará à Romênia com a possibilidade de acessar a Internet, enviar mensagens e fazer ligações.

Uma das melhores alternativas do mercado é a America Chip, que oferece vários planos de celular com cobertura na Romênia. Para garantir o seu, basta acessar o site e aguardar o envio do chip.

Não se esqueça do seguro viagem

O seguro viagem para Romênia não é obrigatório, uma vez que o país ainda está em fase de implantação para se unir ao Espaço Schengen. Porém, é importante que você contrate um seguro para contar com auxílio caso algum imprevisto aconteça.

Você pode procurar opções que cabem no seu orçamento no Seguros Promo, um comparador de seguros online em que é possível encontrar diversos planos com bom custo-benefício para visitar Bucareste.

Tenho certeza de que você está pronto para conhecer a cidade, não é mesmo? Faça a sua lista sobre o que fazer em Bucareste, prepare as malas e boa viagem!