Tudo sobre o Vaticano: história, o que visitar e ingressos

Visitar Vaticano  / 

Provavelmente você já tenha ouvido falar no Vaticano, em especial porque o Papa Francisco tem levado uma nova luz para a sede da Igreja Católica em Roma.

O que você pode não imaginar é que a cidade-estado tem pontos turísticos históricos, culturais e arqueológicos tão interessantes quanto qualquer outro destino europeu. Conheça o Vaticano e surpreenda-se!

Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil.


Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem. Faça uma cotação online sem compromissos e confira as várias opções de seguro para a sua viagem.

FAZER COTAÇÃO »

Breve história do Vaticano

Uma Cidade-Estado dentro de Roma, sede da Igreja Católica Apostólica Romana, erguida em 1929 e com cerca de 900 habitantes. O Vaticano tem 0,44 km² e tem no papa o chefe dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário – além de autoridade máxima da Igreja, claro.

A Fábrica de São Pedro é o órgão responsável pela manutenção da cidade, semelhante a uma prefeitura. É governado pelo bispo de Roma e adotou o euro como moeda, apesar de não fazer parte da União Europeia; a economia é baseada em doações e juros dos investimentos do patrimônio.

O sistema de governo é uma monarquia absoluta eleita de forma teocrática, que só acontece e é oficialmente válida após a saída da fumaça branca pela chaminé da Capela Sistina.

A criação da cidade-estado se deu após a assinatura de um acordo entre a Santa Sé e o premiê da Itália, Benito Mussolini, mas tudo começou com a construção de um templo no local onde o discípulo Pedro foi crucificado em 64. O templo foi erguido em 324 por Constantino em homenagem ao primeiro dos papas.

Rádio Vaticano

A emissora de rádio da Santa Sé é chamada de Rádio Vaticano e tem como objetivo levar a mensagem cristã e aproximar o Vaticano da comunidade religiosa.

Pode ser ouvida pelo site oficial em 45 idiomas e foi transmitida pela primeira vez em 12 de fevereiro de 1031.

Papa Francisco

Papa Francisco no Vaticano
O atual papa nasceu em Buenos Aires, Argentina e está no comando da Igreja Católica desde 13 de março de 2013. Sua eleição ocorreu após o papa Bento XVI abdicar do papado em 28 de Fevereiro do mesmo ano.

Francisco, cujo nome verdadeiro é Jorge Mario Bergoglio, é visto como um dos papas mais carismáticos e leva uma mensagem de amor ao próximo, tolerância e paz aos quatro cantos do mundo. Sua principal bandeira é a justiça social e o fim da guerra entre os povos.

Uma curiosidade: pela primeira vez na história da Igreja Católica dois papas vivos residindo no Vaticano, pois com a saída do Papa Bento XVI, é escolhido o Papa Francisco e assim, ao menos em teoria, a igreja tem dois governantes.

Pontos turísticos do Vaticano

Museus do Vaticano

São as instituições culturais da Santa Sé que reúnem todos os tipos de coleções de arte possíveis. O mestre renascentista Rafael Sanzio foi escolhido pelo papa Júlio II (responsável pelo início das coleções no século XVI) para decorar quatro salas com afrescos, sendo o destaque principal é A Escola de Atenas, de 1511.

As galerias do museu incluem ainda pinturas de Ghirlandaio e Botticelli, tapeçarias do século XV a XVII, o Museu Gregoriano Etrusco, o Museu Gregoriano Egípcio, Pátio da Pinha e museus históricos e etnológicos. Um corredor reúne cerca de 40 mapas representando os Estados Papais, produzidos por Ignazio Danti.

São necessárias pelo menos quatro horas para transitar entre o Museu Pio Clementino, Museu Chiaramonti, Sala Imaculada Conceição e Capela Sistina. Outros destaques importantes são a Estátua de Hércules, a Estátua de Laocoonte e filhos, os bustos de deusas da antiguidade romana, o sarcófago de Santa Helena e múmias. Você pode ler tudo que já escrevemos sobre os Museus do Vaticano e como comprar ingressos para os museus do Vaticano.

Capela Sistina

Capela Sistina
Situada na residência oficial do Papa, é o local onde os novos papas são escolhidos e coroados e foi construído entre os anos de 1473 e 1481 durante o mandato do Papa Sisto IV.

O local é famoso, principalmente, pelos afrescos, murais e pinturas de Michelangelo, que levou cinco anos para pintar teto; suas obras primas são as nove histórias do Gênesis, que ocupam toda a parte central, em especial a Criação de Adão. No altar, o Juízo Final representa o apocalipse de São João. Veja mais sobre a Capela Sistina.

Basílica de São Pedro

O templo mais importante do catolicismo e um dos locais cristãos mais visitados do mundo, a Basílica de São Pedro é a sede do papado.

Os destaques vão para a Pietà, obra esculpida em mármore por Michelangelo; o Altar Papal e o Baldacchino, de Bernini, em referência às colunas do rei Salomão; e a Capela do Coro.

Nos últimos 3 anos, você teve uma passagem aérea que se atrasou ou foi cancelada?

Se você passou por atraso, cancelamento ou superlotação em um dos seus voos para a Europa, solicite uma compensação de até R$ 2700 por passageiro.

REINVIDICAR »

A entrada é gratuita, mas o acesso ao alto da Cúpula é pago. O elevador até o terraço + 320 degraus a pé custa oito euros, enquanto percorrer todos os degraus a pé (são 551!) sai por seis euros.

Praça São Pedro e missa do Papa

Praça São Pedro no Vaticano
A principal praça do Vaticano abriga mais de 300 mil pessoas e toda quarta-feira reúne fieis para assistir à missa celebrada pelo Papa Francisco, às 10h30 da manhã.

Aliás, é bom frisar que as missas são gratuitas, mas é preciso garantir o ingresso com antecedência pelo site oficial do Vaticano. A retirada acontece no local um dia antes ou no dia da missa, entre às 7h e às 10h no Portão de Bronze, a esquerda Basílica de São Pedro.

Mas a missa do papa não é a única atração da Praça, que reúne também 284 colunas com 184 estátuas de santo feitas por Bernini, 88 pilastras, o obelisco de 25 metros de altura, que foi levado do Egito para o Vaticano em 1586 como demonstração da superioridade cristã sobre outras religiões.

Veja tudo que você precisa saber para assistir uma missa do Papa no Vaticano.

Palácio Apostólico

É a residência oficial do líder máximo da Igreja Católica, também chamado de Palácio Papal. Reúne cerca de 11.500 aposentos, 20 pátios, os escritórios de governo da Igreja Católica Romana (chamados de apartamentos papais), o Museu do Vaticano e a Biblioteca Apostólica Vaticana.

Jardins do Vaticano

Reserve um tempo para admirar os jardins que estão em mais da metade do território todo, vale a pena. Aproveite para conhecer a Colina do Vaticano, o ponto mais alto da cidade.

Ingressos para o Vaticano

Como existem diversas atrações para visitar, os valores dos ingressos variam muito. No site Get Your Guide você encontra pacotes combinados que compensam mais do que comprar separado.

Por exemplo, o pacote Vaticano Sem Filas, com passeio pela Capela Sistina, Museus e Basílica, sai a partir de 49,90 euros por pessoa.

A principal dica é SEMPRE comprar os ingressos antecipadamente, pois além de garantir o passeio é possível “furar” as filas e até garantir alguns descontos. Só fique atento para a retirada; chegue com algum tempo de antecedência para não perder hora.

Curiosidades do Vaticano

Como uma cidade-estado, o Vaticano é um “mini-país“, tem sua própria polícia, seu próprio passaporte a até sua instituição de Correios (que você pode inclusive usar para enviar lembranças para os amigos direto do Vaticano). Veja mais algumas curiosidades do Vaticano que poucas pessoas sabem.

Bandeira do Vaticano

O Vaticano tem a sua própria bandeira e é uma das poucas bandeiras quadradas do mundo.
Bandeira do Vaticano

Menor país do mundo

O Vaticano é o menor país do mundo, com apenas 0,44 km², para ter uma ideia do tamanho, é o único país do mundo que não tem avenidas, apenas ruas.

Cidadania para funcionários

Existem cerca de 800 pessoas que vivem atualmente no Vaticano, mas nem todos são cidadãos do Vaticano. Apenas o Papa e os embaixadores do Vaticano pelo mundo podem ser cidadãos do país, sendo que este estatuto é temporário, uma vez que deixem o cargo, perdem a cidadania.

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai viajar em breve? Tenha sempre internet no celular

    Viajar com internet é fundamental para acessar o Google Maps, para chamar um Uber, para ver o horário do transporte público ou para tirar qualquer dúvida. Nós recomendamos o chip SIMPREMIUM. Basta encomendar e você recebe em sua casa antes de viajar.

    PEDIR CHIP »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
COMPARTILHE
Autor

Clara é natural do interior de São Paulo e tem muito orgulho do sotaque caipira. Jornalista que adora gatos, tatuagens e livros, vê o mundo de cabeça para baixo e tem como vícios memes da internet e soltar piadas inesperadas no meio de uma conversa.