O que fazer de graça em Roma: 10 atrações a não perder

Visitar Roma  / 

Roma é um dos destinos turísticos mais visitados do mundo e, definitivamente, uma cidade encantadora. E o melhor é que há muito o que fazer de graça em Roma.

Vai viajar para a Europa? Saiba todos documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.


Aproveite o melhor da Europa sem qualquer preocupação.

RECEBER GRÁTIS »

Esse é um dos melhores destinos na Europa, um lugar cheio de história, que durante muito tempo foi o centro da civilização ocidental e possui diversas atrações. Tantas que merece o título de museu a céu aberto. São fontes, museus, praças e ruínas espalhados em uma cidade encantadora.

E sim, existem muitas atrações gratuitas na capital da Itália, por isso listamos 10 coisas que você pode fazer de graça em Roma, assim você já pode começar a planejar uma viagem que ficará para sempre em sua memória.

O que fazer de graça em Roma: top 1o

1. Fontana di Trevi

As fontes de Roma são famosas e não existe viagem à Roma sem passar pela Fontana di Trevi. Uma foto não é capaz de descrever a beleza desta fonte, que é imensa e está sempre repleta de turistas disputando um lugar para tirar uma foto.

O costume de jogar uma moeda e fazer um pedido é tão conhecido que a cidade chega a recolher cerca de 1 milhão de euros todos os anos, em moedas. Um passeio rápido, de graça e inesquecível.

Endereço: Piazza di Trevi, 187

fontes de roma fontana di trevi

2. Pantheon

Roma é uma cidade cheia de ruínas e monumentos que remontam à Antiguidade, porém o Pantheon talvez seja o mais bem preservado entre eles.

Um edifício cheio de história e excepcionalmente bem construído, em 27 a.C. Chegou a ser destruído por um incêndio em 80 d.C, reconstruído em 125 d.C. e transformado em uma igreja católica em 609 d.C.

Sua imensa cúpula com um furo no meio é tão grandiosa quanto a cidade em que ele foi construído. Aproveite para tomar um gelato, já que na praça existem diversas opções deliciosas, como o icônico e divino Venchi.

Endereço: Piazza della Rotonda, 186

3. Circo Máximo

Quer saber o que fazer de graça em Roma? Não deixe de visitar o Circo Máximo. Apesar de restar quase nada da construção original, é impressionante imaginar que esta foi a maior arena de entretenimento do Império Romano, onde aconteciam as corridas de bigas.

Hoje é um parque aberto ao público, onde são realizados diversos shows e concertos no verão. Situado entre os montes Aventino e o Palatino, se estiver calor faça um piquenique em um dos locais mais emblemáticos do mundo.

Endereço: Via del Circo Massimo, 186

4. Basílica de São Pedro

Localizada no Vaticano e onde está a famosíssima Pietà, de Michelangelo, prepare-se para pegar uma das maiores filas de sua vida.

O complexo do Vaticano vai muito além da igreja, porém se você não estiver disposto a gastar 17€, saiba que a Basílica de São Pedro é de graça. Uma igreja que guarda uma aura especial, por tudo o que ela representa. Não importa a sua religião, você irá se emocionar!

Endereço: Piazza San Pietro, 120

evite filas na basilica de sao pedro

Se quer evitar as filas e visitar a Capela Sistina e a Basílica São Pedro, compre seus ingressos com antecedência no Get Your Guide.

5. Piazza Navona

Considerada por muitos a praça mais linda de Roma, é lá que fica o imenso edifício da embaixada do Brasil e inúmeros bares e restaurantes. Não se engane, ela não é apenas uma praça, já que possui inúmeras atrações, como a igreja barroca Sant’Agnese, palácios renascentistas e três fontes diferentes.

Um local adorado pelos turistas, por causa da beleza, mas também pela imensa oferta de lojas, restaurantes e bares que a circundam. Antigamente, a Piazza Navona era usada como estádio, fato que foi comprovado quando descobriram ruínas antiquíssimas na extremidade norte da praça.

6. Piazza di Spagna

Em frente à igreja Trinità dei Monti, a Piazza di Spagna é um grande ponto de encontro em Roma, onde turistas e moradores costumam sentar-se na escadaria que dá de frente à ela, para conversar, tomar um sorvete ou apenas para observar a beleza deste lugar.

Localizada em um dos pontos mais chiques da cidade, é lá onde ficam as lojas mais caras de Roma e, conforme a noite vai caindo músicos disputam o melhor lugar.

No centro da praça está a famosa Fontana della Barcaccia, dos primeiros anos do barroco, esculpida por Pedro Bernini e seu filho, o célebre Gian Lorenzo Bernini. Essencial na lista do que fazer de graça em Roma.

piazza di spagna

7. San Luigi dei Francesi

Se Roma está repleta de belas igrejas, esta é a única do mundo que possui três obras de Caravaggio, que você pode observar de perto sem pagar nada: Martirio di San Matteo, San Matteo e l’angelo e Vocazione di San Matteo.

Pertinho da Piazza Navona, ela começou a ser construída em 1518, porém só foi terminada em 1589, depois de uma intervenção pessoal de Catarina de Médici, que doou para a igreja algumas propriedades na região.

Depois de almoçar em um dos diversos restaurantes da Piazza Navona, você pode dar uma passada nesta igreja, que merece fazer parte desta lista.

Endereço: Piazza di S. Luigi de’ Francesi, 186

Descubra também os melhores restaurantes em Roma.

8. Piazza del Popolo

Em português, Praça do Povo, é lá onde ficam as célebres igrejas gêmeas – Santa Maria in Montesanto e Santa Maria dei Miracoli, construídas por vontade de Alexandre VII.

Com um imenso obelisco egípcio de 24 metros de altura ao centro, ele foi construído na época do faraó Ramsés II, representando mais um período importante na história de Roma.

Atualmente, faz parte de uma zona exclusiva para pedestres e é local de eventos públicos e manifestações importantes para a cidade.

9. Piazza del Campidoglio

Também chamada de Monte Capitólio, em português, é uma das sete colinas históricas sobre as quais Roma foi fundada. Hoje é uma das “praças do poder” de Roma, porque ali está a sede do Comune de Roma, algo equivalente às prefeituras brasileiras.

Construída pelo imperador Augusto, em 1534 ela começou a ser totalmente remodelada por ninguém menos do que Michelangelo, responsável por projetar a famosa escadaria que dá acesso à praça.

Pertinho do Fórum Romano e do Coliseu, você pode passar por lá na volta do passeio e finalizar o dia tomando um gelato italiano.

10. Villa Borghese

Se não sabe o que fazer de graça em Roma, aponte esta dica. O parque mais famoso e importante da cidade é a mais perfeita combinação entre arte e natureza, já que também abriga o Galeria Borguese, um dos museus mais visitados da cidade – com quadros de Rafael, Tiziano e Caravaggio.

Porém, se o museu é pago, o parque é de graça e dispõe de muito espaço para que você possa fazer um piquenique, ler um livro ou sentar sobre a grama e se sentir um romano. Lá você pode alugar uma bicicleta ou até mesmo patins para poder desbravar todos os cantos deste belo parque. Para chegar, as estações de metrô mais perto são Spagna ou Flaminio.

Endereço: Piazzale Napoleone I

villa borghese para ver de graca em roma

Um pouco de história

Roma foi fundada no século VIII a.C e com o tempo tornou-se o centro de uma das civilizações mais importantes da história da humanidade, dominando a região mediterrânea durante séculos, mas que foi derrubada por algumas tribos germânicas.

Com a Idade Média, tornou-se a sede da Igreja Católica e por questões políticas acabou construindo um Estado independente – o Vaticano.

Se na antiguidade Roma foi a cidade mais importante do mundo, hoje ela é presença garantida na lista de cidades mais visitadas de Itália e do mundo. Seja pela história, monumentos, beleza ou inegável boa gastronomia, é impossível ir à Roma sem se apaixonar!

Melhor época para ir a Roma

Muitas atrações de Roma são a céu aberto, por isso é importante escolher uma época que não chova para visitá-la. Entre janeiro e março chove pouco, mas o frio pode atrapalhar. Por outro lado, muito calor também atrapalha.

Evite viajar para Roma entre junho e agosto, meses de calor intenso, filas intermináveis e preços nas alturas. Como grande parte da Europa, a melhor época é quando as temperaturas são mais amenas, o clima mais seco e, de preferência na baixa temporada, ou seja, entre abril e maio ou, setembro e outubro.

Agora já sabe quando ir e o que fazer de graça em Roma. Antes de viajar para a Itália, não esqueça o seguro de viagem. Faça a sua simulação online.

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
COMPARTILHE
Autor

Gabriela é brasileira, jornalista e vive na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada pelo país desde sempre, foi na França que ela se encontrou e aproveita este espaço para dar dicas e contar histórias e curiosidades sobre este país que vive no imaginário de muita gente. Com um gosto particular por cultura e viagens, ela é nômade digital e nunca mais pretende deixar de ser.