Como economizar em Roma? Veja dicas para a capital italiana

Visitar Roma  / 

Coliseu, Fórum Romano, Fontana di Trevi. A capital italiana reúne algumas das atrações mais procuradas no mundo. Mas como economizar em Roma? Reunimos algumas dicas para que sua viagem seja mais barata e, mesmo assim, divertida. Confira.

Encontre o melhor pacote de férias para a Europa

Pacotes de Viagem, Circuitos, Multi Destinos, Cruzeiros.

Confira as promoções na Logitravel e garanta sua viagem dos
sonhos para a Europa.

VER OFERTAS DE FÉRIAS »

Como economizar em Roma: veja dicas para uma viagem low cost

Tudo começa na hora de pesquisar as passagens e hospedagens nessa que é a maior e mais procurada cidade da Itália. Roma, por ser um dos destinos mais visitados, é, também, um dos mais caros. Porém, alguns truques podem ser utilizados para que sua viagem saia mais barata.

Onde se pode poupar em Roma

Reserve seu voo com antecedência! Essa é a primeira dica para saber como economizar em Roma. Quanto antes você comprar a sua passagem, mais barato é o preço. Confira como comprar passagens aéreas na Kayak e economizar na sua viagem.

Além disso, procure e compare os preços das hospedagens. Também pesquisando e reservando com antecedência, é possível economizar.

Também é possível economizar na alimentação, nos passeios e na locomoção pela cidade. Veja algumas dicas de truques para poupar na cidade.

piazza di spagna em roma

Truques para economizar em Roma

Cheque, sempre, o valor do euro e do dólar. Eles podem ser cruciais na hora da sua pesquisa. Caso visualize um valor que valha a pena, não perca tempo: compre as passagens, reserve a hospedagem, e pesquise o restante com calma.

Veja alguns truques que podem ser usados para que você saiba como economizar em Roma:

1. Viaje na baixa temporada

Essa dica vale para vários destinos europeus e, principalmente, para Roma. A baixa temporada na Europa vai do início do ano, entre os meses de janeiro a maio. O inverno, até meados de março, ainda tem preços melhores. Ou no segundo semestre, entre final de setembro e novembro.

A alta temporada, tanto na Europa como na capital italiana, acontece entre os meses de junho e agosto. Por ser verão na Europa, e agosto sendo o mês das férias escolares dos europeus, são tidos como os meses mais caros.

Os valores se refletem em tudo: desde passagens aéreas até pequenas compras, como garrafas de água nos supermercados.

2. Hospedagem fora do centro turístico

Tudo no centro de Roma é mais caro. Essa dica vale desde a hospedagem até os restaurantes mais badalados. Procure um hotel em Roma que seja mais afastado do centro. É possível encontrar alguns locais próximos ao metrô, o que facilita seu deslocamento.

Outra dica é não tomar o café da manhã no hotel, se esse adicional aumentar muito a tarifa da sua diária. Busque cafés nas redondezas e economize alguns euros.

3. Compre o Roma Pass

O Roma Pass também pode ser uma ótima dica de como economizar em Roma. São dois tipos:

  • O de 48 horas, que custa 28€: o visitante pode entrar no primeiro museu ou monumento gratuitamente;
  • A opção de 72 horas, que custa 36€: você pode entrar nos 2 primeiros museus ou monumentos gratuitamente.

Utilize-os para entrar nas atrações mais caras. Escolha alguma delas para entrar primeiro e economize. Três opções sugeridas são: Coliseu, Fórum Romano e Galeria Borghese, as atrações mais caras da cidade.

Além disso, o Roma Pass dá direito a utilizar o transporte público durante o período contratado, ou seja: por 2 ou 3 dias.

Você pode adquirir pelo site oficial, nos pontos credenciados, e pela plataforma da Get Your Guide. Nesta última, além da reserva ser simples e rápida, tem a vantagem do cancelamento fácil e de guardar os ingressos no seu celular.

Vai viajar para a Europa? Veja todos os documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.

RECEBER GRÁTIS »

4. Aproveite as atrações gratuitas

Roma é cheia de locais de visita gratuitos. Escolha os locais pagos que você deseja visitar, mas reserve alguns outros com entrada gratuita para que a viagem não saia tão cara.

Você pode, também, entrar em museus nos dias gratuitos. Alguns, como os Museus do Vaticano, não cobram entrada no último domingo do mês, por exemplo. No entanto, chegue cedo: as filas costumam ser grandes.

5. No restaurante, peça o menu turista

Muitos dos restaurantes em Roma oferecem o menu turístico. Bem completo, ele inclui entrada, prato principal e sobremesa e custam entre 10 e 15 euros.

Antes de entrar no restaurante, verifique o cardápio que, normalmente, fica do lado de fora. Ou pergunte ao garçom.

como economizar em Roma monumento

Leia todas as nossas dicas de compras em Roma.

Custos a evitar para economizar em Roma

Algumas dicas podem ser úteis para evitar muitos custos. Como, por exemplo:

Faça os passeios a pé

Roma é uma cidade feita para se andar a pé. Muitas atrações próximas umas das outras, ruas planas e com atrações a serem vistas por toda a cidade.

Se precisar de transporte, vá de transporte público

Roma é uma cidade bem servida de transportes públicos. É possível fazer praticamente todos os passeios a pé mas, se precisar, vá de ônibus ou metrô.

Faça pequenas refeições ao longo do dia em locais mais baratos

Sim, é possível. Roma é recheada de locais baratos, onde é possível fazer uma boa refeição e continuar o passeio.

Reserve o jantar para uma refeição mais cara: comer uma boa massa também vale a pena, mas pode ser só uma vez durante o dia.

Outra dica importante para economizar: se você não se incomodar em comer em pé. É isso mesmo, em Roma o preço de um café com sanduíche, ou de um sorvete, pode ser mais barato se você comer em pé, ao invés de se sentar em uma mesa.

Beba água das fontes

Não é brincadeira: a água das fontes, espalhadas pela cidade, é limpa e potável. E ainda pode ser geladinha.

Vai ser comum você passar pelos moradores da cidade enchendo suas garrafas com água da fonte. Porém, nem todas são potáveis. Procure a placa próxima à elas, informando se podem ser ingeridas ou não.

Como economizar em Roma: o que fazer de graça?

Atrações gratuitas não faltam na capital italiana. Selecionamos três que você deve incluir no seu roteiro de dicas de como economizar em Roma:

Fontana di Trevi

Além de ser uma das atrações mais procuradas pelos amantes da sétima arte, o cenário do filme “La Dolce Vita“, de Federico Fellini, é ponto de parada obrigatória em Roma.

Edificada no ano de 19 depois de Cristo, com 26 metros de altura e 20 de largura, a Fontana di Trevi vive cheia de turistas ao seu redor. Ache um lugarzinho, jogue uma moeda e faça um pedido: dizem que dá sorte.

Panteão

Tido como o monumento mais preservado da Roma Antiga, o Panteão também é atração gratuita em Roma. A igreja é dedicada a todos os deuses do panteão romano. Foi construída em 25 antes de Cristo, pelo Imperador Marco Vipsânio Agripa.

Entre e tire uma foto dentro do Panteão: todo em mármore, a construção de sua cúpula foi um verdadeiro marco da arquitetura romana.

como economizar em Roma Panteão

Piazza Navona

Uma das praças mais conhecidas da cidade, a Piazza Navona foi construída sobre as ruínas de um antigo estádio romano. Ela ainda é o centro da Fontana dei Quattro Fiumi, que homenageia quatro grandes rios: Nilo, Danúbio, Prata e Ganges.

Na Piazza Navona ainda ficam a igreja Sant’Agnese, palácios renascentistas e a embaixada brasileira na Itália.

Descubra mais sobre o que fazer em Roma e não perca nada na Cidade Eterna.

Onde comer bem e barato para economizar em Roma

É possível comer bem em Roma sem gastar muito. Separamos aqui 5 opções para você incluir na sua lista:

Pastificio Guerra

O lugar é pequeno. O Pastificio Guerra é um dos locais onde pode-se comer em pé em Roma. Mas a água e o copo de vinho são gratuitos. Vale a pena.

Pasta Chef

Com dois endereços na cidade, no Pasta Chef é possível comer massas e molhos frescos, preparados no local.

Mercado Centrale

O Mercado Centrale inclui vários quiosques e comidas variadas, diversos preços, e o melhor da comida italiana: as massas.

Box Foodtruck

Se você não se incomodar em comer em caixinhas, a Box Foodtruck é uma boa opção. Massas italianas, almôndegas e risotos fazem parte do cardápio.

Pasta e Sugo

Se quiser fazer uma refeição rápida no dia da ida ao Vaticano, o Pasta e Sugo oferece comida rápida, bom preço e de qualidade.

Como economizar em Roma na hospedagem

Como já dissemos, reserve sua hospedagem com antecedência. Confira 5 opções de hospedagens baratas em Roma, em uma simulação para maio de 2020 feita no portal Kayak:

Hotel Estrelas Localização Preço médio da diária
Palladini Hostel Rome Via Carlo Cattaneo, 23, 00185 39€
Ciampino Hotel 3 Via Achille Grandi 2, Aeroporto Ciampino 42€
Hotel Chopin 3 Via Arsiero, 2, 00054 Fiumicino 44€
Holiday Inn Rome – Eur Parco Dei Medici 4 Viale Castello Della Magliana 65 110€
NH Collection Roma Centro 5 Via dei Gracchi, 324, Centro 170€

 

Como economizar em Roma: seguro viagem

Para entrar na Itália, é obrigatório estar, em mãos, com um seguro de viagem. Sugerimos que você confira os valores no nosso comparador de seguro viagem do Euro Dicas Turismo e escolha as melhores opções de seguro para a sua necessidade.

Ganhe desconto. Para pagar menos 10% do valor do seu seguro viagem, insira o nosso cupom de desconto EURODICASTURISMO (para ganhar 5% de desconto) na hora do pagamento e pague por boleto bancário (para ganhar mais 5%).

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
  • Viaje sempre com internet no celular

    Para consultar o Google Maps, chamar um Uber, tirar qualquer dúvida ou para alguma emergência, viajar com internet sem depender de Wi-Fi é essencial hoje em dia. O Chip que usamos sempre em nossas viagens é o da Viaje Conectado que tem os melhores preços e cobertura de 4G do mercado.

    VER PLANOS »
Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas Turismo.
Compartilhe
Autor

Denise Mustafa é jornalista, fotógrafa e especializada em conteúdo e gerenciamento de marcas. Já passou uma temporada em Portugal, viajou bastante por aí e, agora vivendo no Brasil, escreve para grandes sites brasileiros de viagem, sempre à frente da sua Travessia Conteúdo & Branding, atravessando oceanos e contando suas experiências para outros viajantes.