Torre de Pisa: tudo sobre uma das atrações mais visitadas do mundo

Visitar Itália  / 

Consagrada como Patrimônio Mundial em 1987, a Torre de Pisa, também conhecida como Torre Inclinada de Pisa ou Torre Pendente, é um importante símbolo da cidade de Pisa, na Itália.

Sua construção ocorreu após a catedral e o batistério, sendo uma das maiores atrações turísticas dos países europeus. A Torre de Pisa habita o imaginário de quase todo mundo e ela é tão famosa porque é torta.

Quer saber informações sobre este famoso ponto turístico? Então nos acompanhe neste artigo, pois vamos contar tudo para você!

Informações sobre a Torre de Pisa

LOCALIZAÇÃO

Piazza del Duomo, 56126 Pisa PI, Itália

COMO CHEGAR

Trem: estação Pisa S. Rossore e caminhar mais 5 minutos;
Carro: seguindo as placas na direção de Lucca e estacionando próximo à Piazza dei Miracoli

HORÁRIO

Normalmente, das 10h às 18h, mas os horários dependem dos meses do ano

TICKET

Inteira: 18€ + 10€ (reserva no site da Torre de Pisa)

História da Torre de Pisa

É um dos monumentos mais visitados do mundo, uma torre dos sinos com cerca de 56 metros de altura. Sua construção foi iniciada por Bonanno Pisano, em 1173, sobre o projeto de Diotisalvi.

Durante a Idade Média, a torre foi visitada por pessoas de famílias aristocráticas. Por isso, as etapas são de mármore em vez de madeira. Quando o terceiro anel foi construído, toda a construção se inclinou, devido a uma distribuição imperfeita do peso sobre os fundamentos.

As características do solo também contribuíram para a inclinação da torre. Antes, a área havia sido regenerada e agora uma parte do edifício está sobre um solo pantanoso, e outra sobre um mais estável.

Os outros três andares foram edificados com uma inclinação inversa, visando equilibrar a estrutura. Ao longo dos séculos, muitos arquitetos tentaram trazer a torre na posição vertical, mas ninguém conseguiu.

Os trabalhos foram interrompidos e retomados somente em 1275, sendo concluídos apenas em 1370. Em 1987, a UNESCO declarou todo o conjunto de monumentos da Praça dos Milagres como Patrimônio da Humanidade.

Para a segurança do público, em 1990, a Torre de Pisa fechou suas portas e foram feitos diversos trabalhos de reestruturação. Em 2001, abriu novamente à visitação.

A Torre de Pisa possui cerca de 56 metros de altura, pesa aproximadamente 15 toneladas, é feita de mármore branco, possui 8 andares, 7 sinos e cerca de 294 andares.

Conheça os melhores pontos turísticos da Itália.

Vai viajar para a Europa? Veja todos os documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.

RECEBER GRÁTIS »

O que ver na Torre de Pisa

A Torre é o Campanário da Catedral de Santa Maria da Assunção, na Piazza do Duomo. Você pode observar que em volta dos 8 andares há arcos reproduzindo o conteúdo da fachada da Catedral.

Torre de Pisa Catedral de Santa Maria da Assunção

Projetada para abrigar os sinos da catedral de Pisa, a Torre ostenta sinos, localizados no último andar. Seus nomes são: “Assunzione”, o maior e mais pesado, “Crocifisso”, “San Ranieri”, “Dal Pozzo”, “Pasquereccia”, “Terza” e “Vespruccio”.

Atualmente, tocam antes do início das missas da Catedral e ao meio-dia, por causa de um sistema eletrônico.

Onde fica a Torre de Pisa

A Torre de Pisa fica na cidade italiana de Pisa, um município da região da Toscana com pouco mais de 85 mil habitantes, localizado entre a capital Roma e a belíssima Milão, a pouco mais de 100 quilômetros de Florença (uma hora de trem).

Fica na Piazza del Duomo, 56126 Pisa PI, Itália, atrás da Cattedrale di Pisa e pouco mais afastada do Battistero di San Giovanni, no centro da cidade de Pisa.

Confira sua localização no mapa.

Roteiro pela Itália: 7 dias no país das maravilhas.

Como chegar

Existem diversas formas de se chegar até a Torre de Pisa.  A melhor maneira para chegar ao monumento é de trem, descer na estação Pisa S. Rossore e caminhar mais 5 minutos.

A partir da estação central, você pode pegar um ônibus: o LAM RED via Cameo/Piazza Manin. Se você chegou no Aeroporto Internacional de Pisa, você pode pegar o mesmo ônibus.

Você também pode ir de carro, seguindo as placas na direção de Lucca e estacionando próximo à Piazza dei Miracoli.

Acesse o comparador de preços RentCars e verifique as condições para locação.

Ingressos para a Torre de Pisa

Você pode comprar seu ingresso para a Torre de Pisa no site da Torre de Pisa, por 18€ + 10€ (reserva online).

No site oficial existem alguns combos para visitantes que incluem a visita a um, dois ou três monumentos na Piazza del Duomo (Battistero, Camposanto e Museo delle Sinopie).

Você também pode optar por comprar o ingresso para a Catedral e a Torre de Pisa a partir de 24€, com hora marcada, pelo Get Your Guide.

A melhor maneira de conhecer qualquer local e sua história é participar de tours. Você pode fazer uma excursão guiada no Batistério, Catedral e Torre de Pisa, a partir de 26€ por pessoa.

Horário de funcionamento

Normalmente, a torre está aberta para visitação das 10h às 18h, mas é importante verificar os horários, pois variam de acordo com os meses.

No site da Torre de Pisa, é possível saber exatamente o horário para o dia em que você pretende visitar o monumento.

Dicas locais e curiosidades

Dicas

1. Adquira com antecedência seu ingresso, pois a Torre de Pisa costuma ter filas na entrada, tendo em vista que é um dos pontos turísticos mais visitados do mundo e os lugares são limitados. Somente 30 visitantes entram de uma vez na torre e a visita ocorre a cada 30 minutos;

2. Apresente-se meia hora antes de seu horário de entrada, vá até o guarda-volumes e guarde sua bolsa ou mochila;

3. Vá preparado fisicamente para subir os quase 300 inclinados degraus da torre. Não aconselhamos visitar a Torre de Pisa se você tiver dificuldades motoras ou cardíacas;

4. Só é permitida a entrada de crianças com mais de 8 anos de idade e quem tem entre 8 e 18 anos de idade deve estar acompanhado por um responsável.

Segurança na Itália: como se precaver dos golpes mais comuns.

Curiosidades

1. Há 7 sinos dentro da Torre de Pisa, que correspondem a cada nota musical;

2. Cada sino pesa entre de 300kg e 3600kg;

3. Galileu Galilei teria feito uma experiência para comprovar se a velocidade da queda de um corpo, que foi atraído pela força da gravidade, depende da sua massa. Nessa pesquisa, teria lançado, do alto da torre, duas balas de canhão com diferentes massas. Dessa forma, acredita-se que neste momento, ele descobriu os efeitos da gravidade;

4. O sino de número 5 é o mais antigo do campanário, sendo tocado especialmente na Páscoa;

2. Na Segunda Guerra Mundial, a torre foi usada pelos alemães nazistas como observatório. Como funcionava de base militar, quase foi destruída pelos soldados norte-americanos, que se encantaram pela obra e a pouparam.

O que ver por perto

Comprando seu ingresso com antecedência para visitar a Torre de Pisa, você não precisará de mais de uma manhã para conhecer todo o ponto turístico. Por isso, pode aproveitar outros locais interessantes na redondeza, como:

  • Catedral;
  • Batistério;
  • Camposanto;
  • Museu delle Sinopie;
  • Palazzo dell’Orologio;
  • Piazza dei Cavalieri, entre outros.

O que fazer na Itália: confira atrações imperdíveis neste lindo país.

Planejando sua viagem para a Itália

Se está planejando viajar para a Itália, é importante saber que é obrigatório ter um seguro viagem. A melhor forma de escolher é fazer uma cotação online. O nosso comparador de seguro viagem vai ajudá-lo a encontrar o melhor seguro de viagem ao melhor preço.

Veja ainda quanto custa viajar para a Itália. Boa viagem!

Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas Turismo.
Compartilhe
Autores

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.