Palácio de Kensington: como visitar o palácio dos príncipes

Visitar Londres  / 

Se você gosta de história, deve inserir no seu roteiro em Londres o Palácio de Kensington. Quer saber mais sobre o local, sua localização, como chegar até ele, quando e como visitá-lo? Então, confira este artigo que preparamos para você!

Encontre o melhor pacote de férias para a Europa

Pacotes de Viagem, Circuitos, Multi Destinos, Cruzeiros.

Confira as promoções na Logitravel e garanta sua viagem dos
sonhos para a Europa.

VER OFERTAS DE FÉRIAS »

O que é o Palácio de Kensington

O Palácio de Kensington (Kensington Palace), em Londres, foi o local onde a monarquia britânica residiu (e ainda reside). Nele, residiram, por mais de 300 anos, diferentes gerações da família real, desde William III até à princesa Diana, passando também pela Rainha Victoria. Estão entre os moradores mais famosos os Príncipes William e Harry e suas famílias.

Na verdade, o nome de batismo do Palácio de Kensington é Nottingham House. O nome de Palácio, construído com tijolo vermelho, só foi dado após o arquiteto Christopher Wren (o mesmo da Catedral St. Paul’s) ser contratado para ampliar a casa para Mary II e seu marido, o rei William III, viverem. Então, em 1689, o monumento foi reformado, para se tornar a residência da monarquia.

O palácio, que foi recentemente restaurado, tem sua estrutura perfeitamente conservada até os dias de hoje e guarda histórias que são contadas por meio de cartas, vestidos, jóias da coroa e diversos artigos que foram cuidadosamente guardados, contando atualmente com uma exposição sobre história da Rainha Victória, além de uma pequena seção, em homenagem à Princesa Diana de Gales, e a visita aos apartamentos.

Em sua visita, você vai conhecer os luxuosos e grandiosos cômodos privados da realeza, pode ir à Orangery, onde é possível tomar um delicioso chá da tarde inglês, além de tirar lindas fotos nos jardins do palácio.

Jardins do palácio

Além das histórias e exposições, o monumento conta com jardins tranquilos em meio ao movimento da cidade. O Sunken Garden é um jardim criado em 1908, com canteiros de flores ornamentais e coloridas, e lago ornamental com fontes ao redor, sendo considerado uma das áreas mais belas do palácio.

palacio de kensington jardins

O Palácio de Kensington conta também com outro jardim, o Cradle Walk. Nele, há túneis de plantas, onde é possível relaxar, tirar lindas fotos e fazer um tranquilo passeio a pé.

O terceiro jardim do palácio é o Formal Garden. Metade do jardim é composta pelo Hyde Park e a outra metade é o Kensington Gardens. Este espaço é ideal para fazer um piquenique, admirar a Estátua do Peter Pan e conhecer o Albert Memorial e as Serpentine Galleries.

Onde fica o Palácio de Kensington e como chegar ao local

O Palácio de Kensington fica no seguinte endereço: Kensington Gardens, Londres W8 4PX, Reino Unido, a cerca de 500 metros do Kensington Gardens e a pouco mais de 1 km do Museu de História Natural de Londres.

Você pode chegar ao monumento de metrô (High Street Kensington, linhas District e Circle, Queensway, linha Central) ou de ônibus (linhas 9, 10, 49, 52, 70, 94, 148, 390 e 452).

Quando e como visitar o Palácio de Kensington

O Palácio de Kensington está aberto para visitação de segunda a domingo. De 1º de março a 31 de outubro, funciona das 10h00 às 18h00, sendo possível a entrada até às 17h00. Já de 1º de novembro a 28 de fevereiro, funciona das 10h00 às 16h00, sendo possível o acesso ao monumento até às 15h00.

Para visitá-lo, é necessário adquirir um ingresso, que custa £ 17,50 para adultos e £ 8,70 para crianças. Para evitar filas, você pode comprar sua entrada pela internet, pelo site do Palácio de Kensington ou pelo Get Your Guide.

E, caso você possua o London Pass, a entrada é gratuita.

Residência dos Príncipes

Residência do príncipe William, da princesa Kate Middleton e dos príncipes George, Charlotte e Louis

O príncipe William é o mais próximo ao trono a morar no Palácio. Ele vive com sua família no Apartament 1-A desde 2013, após o nascimento do seu primeiro filho, George.

A imensa propriedade é a maior ala do grandioso Palácio de Kensington, com 20 suítes e vista para o Hyde Park. A ala do casal ocupa quatro andares inteiros e o apartamento, que pertencia à princesa Margaret, foi totalmente reformado.

Vai viajar para a Europa? Veja todos os documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.

RECEBER GRÁTIS »

O apartamento possui duas salas de estar, cozinha, elevador, quartos de visita, três banheiros principais e nove quartos no piso superior para os funcionários. Conta, ainda, com um quarto de dormir e uma brinquedoteca para o príncipe George, sala de ginástica, lavanderia e um quarto para guardar bagagens.

Há lareiras nas salas principais de entretenimento e janelas grandes, com vista para o jardim, um luxo!

Nottingham Cottage: a antiga residência do príncipe Harry

Nottingham Cottage é uma modesta habitação inserida nos terrenos do palácio de Kensington, com dois quartos, cozinha, uma pequena sala de estar, um banheiro e um pequeno jardim. É uma das menores residências dentro dos terrenos do palácio.

Em 2012, Nottingham Cottage foi a residência oficial do príncipe William, irmão de Harry e filho de Charles e Diana, e de sua esposa, Kate Middleton, enquanto as obras do apartamento 1A de Kensington estavam sendo feitas.

Neste mesmo ano, Harry saiu da residência oficial do pai, Clarence House, e foi morar no renovado palácio de Kensington, juntamente com seu irmão e sua cunhada. Somente em 2013, se mudou sozinho para Nottingham Cottage.

Desde 2017, o Nottingham Cottage foi residência do príncipe Harry e da atriz norte-americana Meghan Markle após seu noivado. No entanto, o Palácio de Kensington confirmou, em 2019, que o duque e a duquesa de Sussex se mudaram para Windsor, para uma residência permanente em Frogmore Cottage, nos terrenos do Queen’s Windsor Estate.

Dica: é obrigatório ter seguro de viagem para visitar a Inglaterra. Sugerimos que faça uma simulação no comparador de seguro viagem do Euro Dicas Turismo para conferir as várias opções de seguro para a sua viagem à Europa.

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
  • Viaje sempre com internet no celular

    Para consultar o Google Maps, chamar um Uber, tirar qualquer dúvida ou para alguma emergência, viajar com internet sem depender de Wi-Fi é essencial hoje em dia. O Chip que usamos sempre em nossas viagens é o da Viaje Conectado que tem os melhores preços e cobertura de 4G do mercado.

    VER PLANOS »
Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas Turismo.
Compartilhe
Autor

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.