Principal cidade do Norte de Portugal, os pontos turísticos do Porto têm sido bastante visitados nos últimos anos. A cidade já é um dos destinos mais procurados no país. Misturando história, tradição portuguesa e, claro, boa gastronomia, inclua-se aí, ainda, o vinho com o próprio nome. Além disso, o Porto oferece uma noite vibrante para quem curte programação noturna.

Conheça a cidade, visite as caves de Vinho do Porto, se delicie com um pôr do sol visto da Ponte Dom Luís I ou de Vila Nova de Gaia, olhando para a Ribeira. Na sua próxima ida para Portugal, não deixe de conhecer a segunda maior cidade do país.

Principais pontos turísticos do Porto para montar seu roteiro

Assim como Lisboa, a cidade do Porto é um dos destinos mais procurados por brasileiros que visitam Portugal. E não é por acaso: a cidade e as pessoas são acolhedoras, e quem vai fazer turismo lá vai se encantar também pela arquitetura, pela comida e pela atmosfera da cidade.

A cidade merece, pelo menos, 3 dias de viagem. Assim, você consegue caminhar com calma, apreciar, tomar um vinho do Porto e curtir o dia. Porém, se só tiver 2 dias, também já vale.

Separamos aqui os principais pontos turísticos do Porto, para incluir no seu roteiro. Confira.

Confira dicas de roteiro de 2, 3, 4 ou 5 dias pelo Porto.

1. Caves de Vinho do Porto

Na sua ida à Ribeira, não deixe de visitar as caves de Vinho do Porto, outro dos principais pontos turísticos do Porto. Fica do outro lado do rio, em Vila Nova de Gaia.

Elas estão lá há centenas de anos. Algumas caves funcionam apenas para visitação. Em outras, ainda é envelhecido o vinho mais famoso do mundo. Em cada uma delas, um guia acompanha e explica a história, contando a fabricação e o seu comércio.

visita Cave do Porto

Dentre as mais famosas estão a Cave Ramos Pinto, a Sanderman, a Cave Ferreira e a Cave Cálem. As visitas são pagas e, geralmente, incluem a degustação do vinho do Porto. Também é possível reservar no idioma escolhido.

Se quiser conhecer mais a fundo, faça um Tour Gastronômico e Degustação de Vinhos no Porto, com duração de 4 horas. Custa a partir de 59,90€, por pessoa.

Localização: Logo depois da ponte, na margem do Rio Douro em Vila Nova de Gaia

2. Ribeira e Ponte D. Luís I

A Ribeira é uma das regiões mais importantes no centro histórico do Porto. Situada na margem do Rio Douro, é lá que ficam aquelas famosas casas coloridas, com fachadas decoradas, que atraem turistas todos os anos. Até para quem mora na cidade, o local é uma atração para um fim de tarde.

Se quiser vê-la inteira, vá até o outro lado. Fica ainda mais bonita vista de Vila Nova de Gaia. Diversos restaurantes e bares, com terraços, são opções para um jantar no início da noite.

Viajar com internet ilimitada no mundo todo?

Nós avaliamos as principais empresas de chip internacional e a nossa favorita é a America Chip. É a única empresa que oferece internet ilimitada e ligações pelo melhor preço. Visite o site e confira.

Ver Planos →

Lá você encontra um dos principais pontos turísticos do Porto: a Ponte Luís I, uma das pontes mais bonitas da Europa. Se você já viu fotos do Porto com certeza você já viu essa estrutura que liga o Porto à cidade de Vila Nova de Gaia.

Na parte superior da ponte apenas pedestres e metrô circulam, enquanto na parte inferior pedestres, carros, ônibus e outros meios de transporte são permitidos. Não deixe de tirar uma bela foto.

Da estação do Teleférico de Gaia (na cidade de Vila Nova de Gaia) você tem uma visão privilegiada da ponte, inclusive de dentro da estação (ideal para tirar fotos em dias chuvosos, por exemplo).

Para conhecer mais a região do rio, faça uma excursão de 3 horas pelo Rio Douro e mar, por 34,50€.

Localização: Ribeira, Porto
Como chegar: Ônibus: linhas 1, 57, 91, 23 e 49

3. Fundação Serralves

Uma das principais galerias de arte, e um dos pontos turísticos do Porto, a Fundação Serralves vale algumas horas de visita. Além de museu, a Fundação é uma instituição cultural europeia com a missão de promover a arte contemporânea.

Por isso, além de ter um edifício moderno e funcional, a Fundação ainda abriga o Museu de Arte Contemporânea, imensos e bonitos jardins, a Casa de Serralves e a Casa do Cinema Manoel de Oliveira. Também fazem parte da área o Parque de Serralves e a Treetop Walk, uma passarela suspensa sobre a copa das árvores com uma bela vista.

Se for ao Porto no verão, poderá aproveitar alguns eventos musicais que acontecem no jardim durante essa época do ano.

Adquira o ingresso antecipado para a Fundação Serralves.

Localização: R. Dom João de Castro 210, 4150-417 Porto
Como chegar: Ônibus – linhas: 201, 203, 502 e 504
Horário de Funcionamento: De abril a setembro: de segunda a sexta, das 10h às 19h. De outubro a março: de segunda a sexta, das 10h às 18h. Sábados, domingos e feriados, das 10h às 19h
Ingressos: Adulto: 20€ (ingresso completo), estudantes, jovens entre 12 e 17 anos e maiores de 65 anos: 50% de desconto. Menores de 12 anos: entrada gratuita

4. Catedral da Sé

Na parte mais alta da cidade, próxima à Praça da Batalha, está a Catedral da Sé do Porto. A igreja é o edifício religioso mais importante da cidade. Ao lado, é possível ver as muralhas que já protegeram a cidade em outros tempos.

Independentemente da sua religião, vale a pena visitar a Catedral, um dos pontos turísticos do Porto mais importantes e famosos, além de ser um dos monumentos mais antigos de Portugal.

Catedral da Sé ponto turístico do Porto

A Catedral da Sé, ou Catedral do Porto, foi feita em estilo barroco e começou a ser construída no século XII. Sua fachada, o corpo da igreja são em estilo românico, enquanto o claustro e a capela de São João Evangelista em estilo gótico.

Na visita, entre na Catedral e visite o claustro, decorado com azulejos em desenhos de cenas religiosas. O tesouro da catedral está na Casa do Cabido: uma coleção de objetos de ourivesaria religiosa.

Localização: Terreiro da Sé, 4050-573 Porto
Como chegar: Metrô – estação São Bento (Linha D)
Horário: De abril a outubro: das 9h às 12h30 / 14h30 às 19h (claustro até 18h30). De novembro a março: das 9h às 12h30 / 14h30 às 18h (claustro até 17h30). Fechada aos domingos e em dias de festividades religiosas
Ingresso: Catedral: entrada gratuita. Claustro: 3€

Veja quais as igrejas mais bonitas do Porto e como visitá-las.

5. Livraria Lello

Se você é fã de Harry Potter, certamente já ouviu falar desta livraria que é um verdadeiro cenário de contos e filmes. Situada bem ao lado da Igreja e Torre dos Clérigos, o edifício de estilo neogótico é considerado a livraria mais bonita de toda a Europa.

Construída em 1906, o interior da Livraria Lello tem enormes estantes de madeira, um vitral no teto e a famosa escada de madeira talhada bem no centro da loja.

Apesar de J. K. Rowling ter morado por um tempo no Porto, a autora já declarou que não conhecia a livraria, ao contrário do que se dizia que o local foi fonte de inspiração para a saga do bruxinho inglês. Mas existem outros locais na cidade que inspiraram a escritora, se você for um leitor voraz, ainda pode fazer a excursão Inspirações de Harry Potter, que passa por outros monumentos do Porto que inspiraram a história.

Dica: chegue cedo e evite ir em dias que sejam feriados, caso contrário a fila pode ser grande e o lugar muito cheio.

Localização: R. das Carmelitas 144, 4050-161 Porto
Como chegar: Metrô – estação Aliados, linha D. Bonde – Carmo, linha 22. Ônibus – linhas 6, 20, 35, 37, 52 e 78
Horário: Todos os dias, das 9h30 às 19h
Ingresso: a entrada custa 5€, mas o valor pode ser descontado caso o visitante adquira algum item na livraria

6. Estação São Bento

Mesmo que não vá fazer nenhuma viagem de trem, a Estação de São Bento é um dos pontos turísticos do Porto imperdíveis.

Construída no início do século XIX em cima dos restos do antigo convento São Bento de Ave Maria, a Estação São Bento possui, na área interna, um verdadeiro tesouro. Seu hall é totalmente decorado com mais de 20 mil azulejos que retratam a história de Portugal.

Você pode, ainda, usar a estação para ir de trem (comboio como é português de Portugal) para outras cidades como Braga, Guimarães, Coimbra e Lisboa.

Caso não vá viajar, aproveite a ida para a Ribeira e passe antes na estação. De lá, também sai a linha D do metrô, de mesmo nome.

Dica: se quiser ir ao lugar sem ter que disputar o espaço com muita gente, chegue bem cedo ou visite a estação perto do horário em que ela fecha.

Localização: Av. Dom Afonso Henriques, 4000-069 Porto
Como chegar: Metrô – estação São Bento (linha D)
Horário: espaço público, aberto 24h por dia
Ingresso: entrada gratuita

7. Igreja e Torre dos Clérigos

Quando se ouve falar do Porto, normalmente associa-se a um de seus principais símbolos: a Torre dos Clérigos. A Torre mais famosa de Portugal, com 76 metros de altura e mais de 200 degraus, está junto à Igreja de mesmo nome. Lá de cima, é possível ter uma visão privilegiada da cidade.

O monumento data do século XVIII e foi construído pela irmandade chamada Clérigos Pobres. Situada no centro do Porto, o lugar também é conhecido como a Colina dos Enforcados, já que também foi lugar de enterrar executados.

vista da Torre dos Clérigos

A entrada para a Igreja é gratuita, mas é preciso adquirir ingressos para a Torre dos Clérigos. Se você gosta de belas vistas, a subida vale a pena.

Mas atenção: por mais que seja um dos principais pontos turísticos do Porto, não recomendamos que pessoas que têm claustrofobia ou problema cardíacos subam a torre, pois o ambiente das escadas é extremamente apertado (muitas vezes quem está subindo tem que esperar quem está descendo e vice-versa), e a circulação de ar não é muito boa. Além disso, após subir as escadas a vista realmente é linda, mas o local é pequeno.

Localização: R. de São Filipe de Nery, 4050-546 Porto
Como chegar: Metrô – estação Aliados, linha D. Bonde – Carmo, linha 22. Ônibus – linhas 6, 20, 35, 37, 52 e 78
Horário: Diariamente, das 9h às 19h. Durante o verão é possível fazer a visita noturna até 21h de segunda a quinta e até as 23h nas sextas e sábados
Ingresso: a entrada na Igreja é gratuita. Torre e Museu da Irmandade dos Clérigos: 6€. Gratuito para menores de 11 anos

8. Casa da Música

Situada já em uma área nova da cidade, e já tida como um dos edifícios mais emblemáticos do Porto, a Casa da Música é, ainda, considerada uma das melhores casas de shows da Europa.

Se quiser ver um show, confira a programação no site oficial da Casa da Música e compre antecipado. Os ingressos costumam acabar rápido.

Ela está localizada na região da Boavista. Bem em frente a ela está a Praça de Albuquerque, um grande jardim e o monumento à Guerra Peninsular. Um leão sobre uma águia, rodeado de soldados com cavalos, que comemora a vitória da aliança britânico-portuguesa contra as tropas napoleônicas.

Localização: Avenida da Boavista, 604-610, Porto
Como chegar: Metrô – estação Casa da Música, linhas A, B, C e E. Ônibus: linhas 202, 204, 402, 501, 503, 504, 601, 704, 803, 902 e 903
Horário de funcionamento: diariamente: das 10h às 18h. Visitas guiadas em português: todos os dias, às 11h e 16h
Ingressos: a entrada para as áreas externas é gratuita. Visita guiada: 10€. Menores de 12 anos: entrada gratuita

9. Mercado do Bolhão

E para os que gostam de visitar mercados mundo afora, uma visita interessante é ao Mercado do Bolhão, bem no centro histórico, na Baixa do Porto. Autêntico, ele foi inaugurado em 1941 e fica na região da Avenida dos Aliados.

Ali se vendia de tudo, desde carne e peixes, até frutas e flores. Com vários andares, é possível passear pelo local, que não tem uma construção muito moderna. Dizem que ali está a essência dos portuenses.

O Mercado fechou em 2018 para passar por reformas, a previsão é que em 2022 já esteja funcionando. Mas ainda que não esteja vale passar próximo ao museu para conferir a bela fachada que já dá sinais da grandiosidade da construção. Enquanto o Mercado do Bolão não reabre, você pode aproveitar um tour guiado pelos lugares secretos do Porto.

Localização: R. Formosa, 4000-214 Porto
Como chegar: Metrô – estação Bolhão, linhas A,B,C,E

10. Jardins do Palácio de Cristal

Um dos pontos turísticos do Porto mais gostosos para um passeio. Situado na parte alta da cidade, o espaço verde dos Jardins do Palácio de Cristal ainda dão uma linda vista do Rio Douro.

Logo na entrada vai ver não só muitas flores lindas, mas também vários tipos de aves (inclusive pavões) que andam pelo jardim de forma livre. Vá com tempo e ande no lugar todo.

jardins do palácio de cristal no porto

Para além dos jardins e relaxar tendo uma vista privilegiada da cidade e do Rio Douro, ainda é possível visitar a Extensão do Romantismo (antes chamado de Museu do Romântico), pequeno e charmoso, dentro da área. O local foi a casa do Rei Carlos Alberto de Sardenha em seus últimos dias de exílio, em 1843. Além dele, o café também vale a pena.

Localização: R. de Dom Manuel II, 4050-346 Porto
Como chegar: Ônibus: linhas 3, 20, 35, 37, 52 e 78
Horário: durante o verão os jardins estão abertos das 8h às 21h, no inverno o fechamento é às 19h. O Museu funciona de terça a domingo, de 10h às 17h30
Ingressos: entrada nos Jardins do Palácio de Cristal são gratuitas. A entrada na Extensão do Romantismo custa: 4€

11. Museu Soares dos Reis

O museu público mais antigo de Portugal, o Museu Soares dos Reis, fica no Porto, bem próximo aos Jardins do Palácio de Cristal. Ele também está localizado no palácio mais antigo do país, o conhecido Palácio das Carrancas.

Foi ali que residiram figuras ilustres da história portuguesa, como o General Soult, Duque de Wellington e Dom Pedro IV.

Dentre suas obras expostas estão gravuras, mobiliário e cerâmica, além de coleções de pintura e escultura, com destaque à obra do artista português Antônio Soares dos Reis.

Localização: R. de Dom Manuel II 44, 4050-342 Porto
Como chegar: Ônibus – linhas 3, 6, 20, 35, 36, 37, 41, 44, 50 e 52
Horário de funcionamento: de terça a domingo: das 10h às 18h
Ingressos: Adultos: 6€. Maiores de 65 anos, Cartão Estudante, Cartão Jovem: 3€. Menores de 12 anos: entrada gratuita. 

12. Rua de Santa Catarina

A zona comercial mais importante da cidade, e um dos pontos turísticos do Porto, a Rua de Santa Catarina fica próxima ao Mercado do Bolhão e da Praça da Batalha.

Caminhe pela rua, repleta de lojas, shopping e terminando na Praça Marquês de Pombal. Destaque para o famoso Café Majestic, que fica na rua. Inaugurado nos anos 20, o café foi ponto de encontro de personagens ilustres da época. Apesar de caro, se você quiser, entre para tirar uma foto do interior.

Localização: Rua de Santa Catarina, Porto
Como chegar: Metrô – estação Bolhão, linhas A, B, C e E

Saiba o que vale a pena comprar em Portugal.

13. Rua da Galeria de Paris

Para a programação noturna, vá conhecer a Rua da Galeria de Paris. Fica nos arredores da freguesia de Vitória, na região da Baixa, bem no centro do Porto.

A rua abriu em 1903 e possui um enorme quarteirão com bares e restaurantes, um, em especial, destaca-se: o de mesmo nome da rua, o Restaurante Galeria de Paris. Vale a pena conhecer nem que seja pela sua decoração, cheia de antiguidades.

Localização: Rua da Galeria de Paris, Porto
Como chegar: Metrô – estação Aliados, linha D. Bonde – Carmo, linha 22. Ônibus – linhas 6, 20, 35, 37, 52 e 78

14. Praça da Liberdade e Avenida dos Aliados

Localizada bem no centro, entre outros pontos turísticos do Porto como a Torre dos Clérigos e a Estação São Bento, a Praça da Liberdade é a mais importante da cidade.

A Praça da Liberdade é um dos pontos turísticos do Porto que tem uma forte ligação com a história do Brasil, pois ali está localizada uma linda estátua equestre de D. Pedro I, primeiro imperador do Brasil (que, aliás, é conhecido em Portugal como Rei D. Pedro IV). O monumento em bronze, de 1862, tem 10m de altura.

avenida dos Aliados no Porto

A praça é rodeada de lindos edifícios. É ali por onde passa a Avenida dos Aliados, uma das principais do centro histórico.

Localização: Praça da Liberdade, Porto
Como chegar: Metrô – estação Aliados, linha D

15. Palácio da Bolsa

Também situado no centro do Porto, próximo da Catedral da Sé, está o Palácio da Bolsa. Construído em cima de ruínas de um convento de franciscanos, foi inaugurado apenas em 1891, após quase meio século de construção.

O Palácio da Bolsa do Porto é classificado como Monumento Nacional. Em seu interior, todo feito em estilo neoclássico, está o Pátio das Nações e sua estrutura de vidro.

É possível fazer uma visita guiada para conhecer, em detalhes, suas salas. Em especial das salas Dourada, coberta com pão de ouro, e a Sala Árabe, de 300 metros quadrados em estilo mouro.

Localização: R. de Ferreira Borges, 4050-253 Porto
Como chegar: Ônibus: linhas 1, 57, 91, 23 e 49
Horário de funcionamento: abril a outubro: das 9h às 18h30. Novembro a março: das 9h às 13h e das 14h às 17h30
Ingressos: Adultos: 10€. Carteirinha de estudante e terceira idade: 6,50€. Menores de 12 anos: entrada gratuita

Leia nosso artigo sobre o que fazer no Porto e não perca nada na cidade.

Outros passeios e pontos turísticos do Porto

Agora que você já conhece os 15 pontos turísticos imperdíveis no Porto, listamos mais algumas atividades para colocar no planejamento da viagem.

Almoço ou jantar na Rua das Flores

Bem perto da Estação São Bento temos a Rua das Flores, um dos pontos turísticos do Porto que, dependendo da época da sua visita, estará recheado de flores nas sacadas e varandas dos apartamentos que tem por lá.

Você encontrará várias lojinhas bonitinhas e restaurantes. Pare para comer e descansar em algum restaurante dessa rua. O ambiente é encantador.

Passeio de barco pelo Rio Douro

Uma das atividades mais imperdíveis no Porto é passear de barco pelo Rio Douro. Os passeios duram, em média cerca de 1 hora, e algumas opções incluem um bilhete para provar vinho em uma das vinícolas do Porto.

Reserve seu cruzeiro no Rio Douro no Get Your Guide. Lá você encontra várias opções de passeios a partir de 15€, com a vantagem de poder cancelar a reserva com até 24 horas de antecedência e contar com assistência 24 horas por dia, todos os dias.

Dica: se você quer sentar bem na frente do barco, fique perto do local de embarque e forme uma fila assim que for possível, assim você será um dos primeiros a embarcar e poderá escolher onde sentar para aproveitar o seu passeio ao máximo.

Teleférico de Gaia

Um dos passeios mais legais que você pode fazer e que te dará uma visão inesquecível da cidade do Porto é o Teleférico de Gaia, que fica em Vila Nova de Gaia, bem ao ladinho do Porto.

A viagem de um sentido custa 6€ e a viagem de ida e volta custa 9€ e neste valor está incluído um vale para provar um vinho em uma vinícola que fica próxima ao teleférico.

passeio de teleférico para conhecer Porto

E aí, ficou com vontade de comprar a passagem? Espere um pouquinho mais, pois ainda vamos mostrar alguns lugares interessantes e menos conhecidos pelos turistas.

O McDonald’s mais bonito do mundo

Se você for até a Praça da Liberdade que falamos em cima, aproveite para conhecer o que muitos chamam de a filial do McDonald’s mais bonita do mundo. O local é bonito porque as características clássicas do prédio foram preservadas.

Pop Cereal Café

Um dos lugares mais diferentes na cidade do Porto. Não é um dos pontos turísticos do Porto, mas vale a pena ser visitado por ser uma cafeteria/restaurante com um conceito bem inusitado.

Lá eles são especializados em servir cereais. Sim, aqueles cereais que muitos comem de manhã, mas com combinações e combos que irão te deixar com água na boca. As opções de cereais nacionais e importados de várias partes do mundo é gigantesca.

Mercado Bom Sucesso

Se você quer ter muitas opções do que comer em um lugar só durante a sua visita ao Porto, vá até o Mercado Bom Sucesso. Lá você encontrará vários restaurantes e tendas onde são vendidos vários tipos de comida, detalhe: tem preços para todos os bolsos.

Para quem gosta de comer, este pode ser considerado um dos pontos turísticos do Porto a visitar!

Conheça também os 30 pontos turísticos de Portugal que vale a pena visitar.

Pastelaria Natas D’ouro

Na verdade, este lugar fica em Vila Nova de Gaia, cidade vizinha e colada com o Porto. Nessa pastelaria (pastelaria em Portugal é como se fosse um mix de padaria com confeitaria) você poderá provar pastéis de nata de diversos sabores, desde o tradicional até pastéis de nata de Vinho do Porto, chocolate, abacaxi e outros.

Vida noturna no Porto

Se você quer aproveitar as noites para visitar bares, baladas e atrações do gênero, você pode ir à região da Baixa do Porto. Lá você encontrará muitas opções do que fazer para se divertir durante a noite.

Veja quanto custa viajar para o Porto.

Como se locomover entre os pontos turísticos do Porto?

É muito fácil se locomover na cidade do Porto. Bem servida de transporte público, é um destino indicado para caminhadas. Não se assuste com as ladeiras: elas fazem parte da experiência.

Uma dica é adquirir o Porto Card, válido por 1, 2, 3 ou 4 dias. Além de poder utilizá-lo nos transportes públicos, ainda dá mais de 150 tipos de descontos e benefícios. Custa a partir de 13€, por pessoa. Saiba mais sobre o Porto Card em nosso artigo.

Veja os principais meios de transporte:

Metrô

São 6 linhas de metrô na cidade, com 81 estações, sendo a principal a Trindade, no centro da cidade, onde é possível fazer várias baldeações. A linha E, lilás, vai até o aeroporto.

O horário de funcionamento vai das 6h da manhã até 1h da madrugada. Uma passagem simples custa 1,20€.

Ônibus

Para algumas áreas da cidade, os ônibus são a única opção de transporte público. Algumas linhas mais úteis são as que vão para a Praça da Batalha ou Praça da Liberdade.

Para quem quer economizar, mas fazer um lindo passeio de ônibus, a linha 500 sai da Praça da Liberdade e vai margeando o Rio Douro até a Foz. O ônibus tem dois andares, então é possível aproveitar a linda paisagem.

Se não quiser ir andando até Vila Nova de Gaia, atravessando a pé a ponte, tem linha de ônibus que vai para lá também. A tarifa custa 1,85€, mas também pode ser paga com o Porto Card. A cidade oferece ônibus diurnos e noturnos.

Bonde

Como em Lisboa, o Porto também tem os famosos bondes ou elétricos como são chamados em Portugal.

São 3 linhas, que passam pelo centro da cidade: a Linha 1, ou Linha Marginal, liga o centro histórico ao Jardim do Passeio Alegre, um trajeto semelhante ao ônibus 500; a Linha 18 também conhecida como Linha da Restauração faz o percurso entre Massarelos e o Carmo; e a Linha 22, ou Linha da Baixa, faz um percurso circular entre a Batalha e o Carmo.

O bilhete custa 3,50€ e podem ser comprados na hora do embarque.

custos com transporte no porto

Funicular

Só tem um funicular no Porto que conecta a parte mais alta da cidade à Ribeira. No trajeto, é possível ter uma vista bonita da Ponte Dom Luiz I e da muralha medieval do Porto. O Funicular dos Guindais custa 2,50€, crianças entre os 4 e 12 anos pagam 1,25€.

Outros meios de transporte no Porto

A cidade também é bem servida de táxis que, no geral, custam barato. Se gostar dos ônibus turísticos, o Porto oferece o Ônibus Hop-On Hop-Off, Cruzeiro e Adega de Vinho.

Além de acesso a 2 dias de passeio no ônibus, inclui um cruzeiro no rio Douro e uma visita às adegas de vinhos do Porto da Casa Calém. Custa a partir de 25,20€, por pessoa.

Tuk Tuks

Os tuk tuks são triciclos motorizados que têm origem na Ásia e que se tornaram muito populares em Portugal, e neles o próprio motorista é o guia turístico. Os tuk tuks são práticos, pois estão em peso em praticamente todos os pontos turísticos da cidade do Porto. Aproveite para reservar um passeio de tuk tuk pela cidade.

Veja uma lista com os 15 melhores restaurantes do Porto, e não deixe de provar a tradicional Francesinha, prato típico do Porto.

Planejando sua visita aos pontos turísticos do Porto, em Portugal

Pronto, agora podemos passar para o planejamento da viagem. Confira as dicas para aproveitar a cidade:

Quando visitar os pontos turísticos do Porto?

Com um clima um pouco mais úmido que Lisboa, no Porto costuma fazer frio nos meses de inverno, com temperaturas próximas a 10ºC. Porém, dificilmente abaixo disso. O principal a ter em conta é que no inverno chove muito na cidade, então os passeios podem demandar uma boa capa de chuva.

O verão tem temperaturas mais quentes e, entre junho, julho e agosto, podem chegar a mais de 30ºC. No entanto, qualquer época do ano é boa para visitar Portugal e, especialmente, o Porto.

Nossa sugestão para viajar à Europa são as estações do meio, primavera e outono, entre os meses de abril e outubro. Além de climas mais amenos, os preços costumam ser melhores.

E no mês de junho tem uma das festas mais típicas da cidade: o São João no Porto.

Seguro viagem Portugal

Portugal é um dos países parte do Tratado de Schengen. Então, para viajar ao Porto, é preciso ter um seguro viagem com cobertura mínima de 30 mil euros. Confira o comparador de seguro viagem do Euro Dicas Turismo e escolha as melhores opções de seguro para a sua necessidade.

Para pagar menos 10% do valor do seu seguro viagem, insira o nosso cupom de desconto EURODICASTURISMO (para ganhar 5% de desconto) na hora do pagamento e pague por boleto bancário ou Pix (para ganhar mais 5%).

Onde se hospedar no Porto?

Quanto mais perto do centro histórico do Porto, mais caros serão os preços de hotéis, albergues e apartamentos que podem ser alugados por temporadas.

Se você quer gastar pouco, procure um lugar mais longe do centro, mas perto do metrô. Tenha em mente que em alguns casos você deverá incluir o preço do transporte público.

Gostou das dicas de atrações turísticas do Porto? Então confira também as cidades perto do Porto que valem a pena visitar e leia nosso guia de turismo em Portugal. E aproveite!

  • Procura ingressos para as melhores atrações da Europa?

    Na Get Your Guide você encontra os melhores tours guiados, entradas para atrações turísticas e atividades únicas em todos os destinos europeus pelo melhor preço.

    VER ATRAÇÕES →
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Para entrar na Europa, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO →
  • Quer ter internet ao chegar na Europa?

    Nós indicamos o chip internacional da America Chip. Funciona em toda a Europa, tem internet ilimitada e os preços são ótimos.

    VER PLANOS →
  • Já tem um cartão de débito que funciona na Europa?

    Depois de testarmos as principais opções do mercado, a nossa escolha é Cartão Wise. É gratuito, seguro e com tarifas econômicas. O cartão Wise é entregue no Brasil e válido em toda a Europa.

    PEDIR CARTÃO →