Melhores lugares para viajar sozinho: 15 países seguros que valem a pena

Seguro Viagem  / 

A falta de companhia não é motivo para deixar de conhecer o mundo, então trazemos aqui algumas inspirações de melhores lugares para viajar sozinho na Europa. Nossa lista traz 15 países considerados seguros para viajantes solo, inclusive mulheres.

Vai viajar para a Europa? Saiba todos documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.


Aproveite o melhor da Europa sem qualquer preocupação.

RECEBER GRÁTIS »

Se você ainda está em dúvida sobre viajar sozinho, saiba que é uma experiência incrível, de verdade. Imagine descobrir o mundo enquanto aprende mais sobre si, além de encontrar novas pessoas, experimentar outras gastronomias, decidir para onde ir a cada dia. É transformador.

A Europa ainda conta com a facilidade de locomoção e tem a vantagem de poder combinar dois ou mais países no roteiro. Que tal? Então, conheça os melhores lugares para viajar sozinho e nossas dicas para quem vai realizar este sonho.

Melhores lugares para viajar sozinho na Europa

França

A capital, Paris, é sensacional para um viajante solo que busca conhecimento e uma imersão cultural. A cidade tem museus sobre os mais diversos temas, livrarias excelentes no Quartier Latin, lojas e galerias como a Galerie Lafayette e o BHV Marais.

Uma simples caminhada pelas ruas, sem pressa, é sempre uma aula de história – e você jamais vai se sentir sozinho. Um dos melhores programas para os viajantes solo é passar horas sentado nas mesinhas externas de restaurantes e cafés, observando o movimento.

Também é possível contar com a excelente rede ferroviária do país e percorrer outras cidades, em total segurança. Há vinícolas no centro do país, belas praias ao oeste, influências alemãs ao leste e cidades medievais por toda parte.

Vale lembrar que a França é um dos países mais avançados quando o assunto são direitos e segurança da mulher. A multa por assédio pode ultrapassar 750 euros.

Aqui você descobre tudo que precisa saber sobre o seguro viagem para França.

Inglaterra

Cidades como Londres e a vibrante Liverpool sempre estão nas listas de melhores lugares para viajar sozinho. O país é sinônimo de cultura e entretenimento, com muitas opções para quem quer passear durante o dia e sair a noite.

Tanto Liverpool como a capital britânica possuem alguns dos melhores museus da Europa, como a Tate Modern, além de monumentos, parques, lojas interessantes, teatros e muitas outras opções culturais. Você nem vai sentir o tempo passar.

A noite, a pedida pode ser tomar uma pint (cerveja de 500 ml) em algum pub. Sempre vale ficar no balcão, puxar uma conversa e treinar um pouquinho do inglês.

Para quem tem tempo, vale conferir nosso roteiro de 10 dias pela Inglaterra.

Irlanda

Muita gente esquece que a capital, Dublin, é uma das cidades mais amigáveis do mundo. A arquitetura e a história presentes nas ruas encantam, então vale a pena para quem viaja sozinho procurar um grupo de visitas guiadas e conhecer cada detalhe.

A antiga casa do escritor Oscar Wilde está entre as principais atrações, além do Phoenix Park, onde você pode fazer um piquenique se o clima ajudar.

Reserve pelo menos uma noite para conhecer alguns pubs também é obrigatório, apreciando algumas das melhores cervejas do mundo. Pubs são excelentes lugares para se fazer amizades e se divertir.

pub em dublin

As paisagens do campo ao centro do país também garantem belos dias de descanso. Confira o que visitar na Irlanda aqui.

Suécia

Estocolmo e Gotemburgo podem surpreender o viajante solo – e a segunda tem preços bem mais acessíveis que a capital. O país é sinônimo de desenvolvimento e segurança, por isso vale a pena considerar este destino. Especialmente em estações do ano mais amenas, como outono e primavera.

Em Gotemburgo, o Jardim Botânico e os passeios pelos canais que cortam a cidade são imperdíveis. Em Estocolmo, vale a pena dar uma volta no centro antigo, Gamla Stan, conhecer o Palácio de Estocolmo, assim como o Museu Vasa, que abriga um navio com o mesmo nome e que foi resgatado intacto depois de 300 anos no fundo do mar.

Conheça mais pontos turísticos da Suécia neste artigo.

Holanda

A capital Amsterdam tem uma das atmosferas mais bacanas entre as capitais europeias. Para um viajante solo, oferece excelentes índices de segurança e várias opções para passar o tempo.

A começar por um passeio de bike por suas ruas. Basta alugar uma e sair por aí. Nos museus Van Gogh e Rijksmuseum, é possível passar horas e horas descobrindo os detalhes de grandes obras de arte.

Além da capital, vale pegar um trem e conhecer a linda Delft, cidade conhecida pelas cerâmicas, assim como a simpática Gouda, famosa pelo queijo.

Veja quais os principais pontos turísticos da Holanda.

Itália

Florença, Bolonha, Milão, Roma, Turim, Nápoles, Bari e tantas outras cidades italianas prometem um roteiro inesquecível. Uma das viajantes solo mais famosas é exatamente a personagem do livro e do filme “Comer, Rezar, Amar” (vivida pela atriz Julia Roberts), que elegeu o país para suas aventuras gastronômicas.

Para quem adora história, ótima opção é passar um dia sem pressa visitando as ruínas de Pompeia. Nápoles, que fica bem próxima, é um paraíso para quem ama pizzas e doces. Quem se interessa por design e moda, vai se encontrar em Milão. O litoral leste do país, bem representado pela tranquila Bari, é outra opção que pode surpreender.

Confira nosso roteiro pela Itália, para viajar durante 7 dias, e descubra tudo sobre seguro viagem para Itália.

itália é dos melhores lugares para viajar sozinho

Espanha

Cidades como Barcelona, Madri e Sevilha, no sul da Espanha, estão sempre entre os melhores lugares para viajar sozinho. Primeiro porque o povo espanhol é muito amigável e acolhedor. Segundo, o entretenimento é bastante diversificado, com opções para quem quer aproveitar a vida urbana e o clima, para quem se interessa por história e arquitetura ou quem busca a gastronomia.

Um viajante solo pode ir, sem problemas, a apresentações culturais, shows, bares e até à praia. Madri, por exemplo, é conhecida pela segurança e há tempos realiza campanhas contra o machismo no metrô.

Hungria

O leste europeu tem uma grande vantagem para o viajante solo, que são os preços. Dividir a conta do restaurante ou o quarto do hotel é bem mais acessível. E a bela Hungria não poderia faltar nessa seleção dos melhores lugares para viajar sozinho.

Vamos nos concentrar em Budapeste, que é um excelente ponto de partida. É uma cidade que permite vários percursos a pé e que ainda conta com um sistema de transporte eficiente. Mas não se engane: ainda que seja pequena, Budapeste concentra um grande número de possibilidades, seja para quem procura vida noturna ou edificações históricas, com destaque para igrejas e castelos. Ah, e o Great Market Hall é um dos lugares mais legais para comer.

Portugal

Porto, Sintra, Óbidos, a região do Algarve, a capital Lisboa e tantas outras cidades são outros destinos perfeitos para quem vai viajar sozinho. Para os brasileiros, o idioma é uma vantagem adicional. Sem contar que os preços são mais amigáveis em comparação com a maioria dos países europeus.

Em Lisboa, vale a pena visitar o Pavilhão dos Descobrimentos e ter outra perspectiva sobre a história da colonização brasileira. Não muito longe dali, fica o verdadeiro pastel de Belém.

Em Óbidos, provar uma ginja (licor de cerejas) é obrigatório, além de percorrer o perímetro da cidade sobre sua antiga muralha. Outro passeio muito simples para quem está sozinho é ir a Sintra e visitar o deslumbrante Palácio da Pena.

No Algarve, as praias com água azul turquesa serão um segredo bem guardado do viajante solo.

Descubra o que fazer em Portugal, neste artigo com várias dicas.

Bélgica

Bruges, Gent e outras cidades combinam um clima de mistério e introspecção com muita diversão. O olhar não se cansa de descobrir tantas casas típicas lindíssimas. Ao mesmo tempo que cervejas, waffles, chocolates e mercados não vão deixar o viajante solo entediado.

Gent, por exemplo, é perfeita para ser explorada a pé e reserva um castelo medieval de tirar o fôlego. Um passeio de barco é outra boa ideia, assim como conhecer alguns bares tradicionais, como o Tavern Dulle Griet – ele tem mais de 250 cervejas belgas à disposição.

Nosso roteiro de três dias para fazer turismo na Bélgica é imperdível.

Croácia

Há algum tempo, o país passou a ser o destino de férias favorito de muitos europeus. Uma boa cidade para começar a explorar a Croácia é a divertida Split. Ela não é muito conhecida pelos brasileiros, mas vale considerar na lista de melhores lugares para viajar sozinho. Principalmente porque é uma cidade de praia que também possui um conjunto arquitetônico incrível na cidade velha. Entre eles, ruínas valiosas como do Palácio de Diocleciano, que data do século IV antes de Cristo. Por isso, o visitante pode ter uma experiência muito completa.

Quem gosta de praia vai viver boas horas passeando à beira-mar no caminho conhecido como Riva. Já comentamos neste artigo quais as melhores praias da Croácia para curtir o verão. As tavernas tradicionais reservam os melhores pratos de frutos do mar.

Outra vantagem é que os hostels de toda a Croácia estão preparados para receber viajantes solo e organizam excursões a pontos turísticos, aos pubs e festas, tours de barco e outras atrações.

ilha hvar na croácia

Dinamarca

O país é extremamente organizado, eficiente e um dos melhores lugares para viajar sozinho com segurança, especialmente mulheres. Chega-se a todos os lugares de bonde ou bicicleta.

A capital Copenhagen é linda, tranquila, interessante e repleta de cultura. O design nórdico está muito bem representado em suas lojas, que rendem passeios cheios de inspiração.

Os palácios e as igrejas são outra atração à parte. Uma das principais é o Tivoli Amusement Park, o segundo parque de diversões mais antigo do mundo, de 1843. Mesmo para quem viaja sozinho, é garantia de boas experiências.

Sabe quanto custa viajar para a Dinamarca? Respondemos neste artigo.

República Tcheca

Outro país do leste europeu que vale a visita. Não se preocupe com o idioma – embora o oficial seja o tcheco, grande parte dos moradores e de quem trabalha no segmento turístico fala inglês.

A capital, Praga, é um dos melhores lugares para viajar sozinho e pode ser conhecida facilmente a pé, em poucos dias. Reserva uma arquitetura gótica incrível, é famosa pelas estátuas bastante originais nas ruas e por sua variedade interessante de museus – que contam desde a história do Comunismo até do artista Mucha.

Há diversos tours guiados que possibilitam ao visitante conhecer os detalhes de castelos, narrativas sobre a Segunda Guerra Mundial e outras tantas histórias.

Descubra neste artigo quanto custa viajar para a República Tcheca.

Áustria

Fãs de ópera e de arquitetura clássica não irão se decepcionar com a capital, Viena. Sem contar que a cidade é um dos lugares mais famosos por suas sobremesas. Respira-se cultura por toda parte, principalmente no centro histórico vienense. Na capital, você encontra o museu Kunsthistorisches, que listamos entre os 15 melhores museus da Europa.

Quem planejar cair na estrada sozinho, também pode explorar outras cidades deste país super seguro, como Salzburg e Innsbruck.

Alemanha

De trem, é possível percorrer boa parte do país, além de ser uma experiência deliciosa para quem vai cair na estrada como turista solo. Com um transporte seguro e pontualíssimo, o viajante pode almoçar em Berlim e jantar em Munique, se desejar.

Para quem não tem muito tempo, pode explorar a capital, Berlim, e ter um excelente ponto de vista da história das Guerras Mundiais e da Guerra Fria, quando a cidade era dividida em ocidental e oriental.

Em um dia descontraído, vá em busca da cena urbana de Berlim e admire seus grafites, galerias de arte, as festas em lugares inusitados, os mercados com pratos deliciosos.

Destaque para as salsichas, doces como o strudel e as cervejas – listamos aqui, inclusive, as 10 melhores cervejas da Alemanha. Dificilmente o viajante solo vai se perder. Mas, se acontecer, todo mundo sabe falar inglês por lá.

Dicas para o viajante solo

Tanto para quem vai curtir essa experiência pela primeira vez como para quem já é mais experiente, vale sempre conferir algumas dicas para aproveitar este tempo da melhor forma.

Faça um seguro viagem

Talvez esta seja a dica mais importante para o turista solo. Mesmo escolhendo algum dos 15 destinos seguros entre os melhores lugares para viajar sozinho, muitos imprevistos podem acontecer. Desde a mala extraviada até perder os documentos ou ter alguma emergência de saúde. O seguro viagem garante tranquilidade nestes e em outros itens.

Além disso, a maioria dos países europeus integra o Tratado de Schengen. Ele torna obrigatória a apresentação de um seguro viagem que inclua no mínimo 30 mil euros de cobertura de despesas médicas. Você pode cotar utilizando o nosso comparador seguro viagem, que lista opções com excelente custo benefício.

Aprenda o básico da língua

“Bom dia, boa noite, por favor, obrigado” e perguntas básicas são suficientes para iniciar uma comunicação, se localizar e, no mínimo, conquistar a simpatia das pessoas. Educação é algo que sempre ajuda, principalmente quando se está sozinho em um país diferente.

Preste atenção aos lugares frequentados pelos locais

Guias de viagem são sempre bons, mas a escolha dos moradores é um indicativo dos melhores. Restaurantes e pubs mais cheios podem significar comida boa e com bom preço. Observe aonde eles vão almoçar e arrisque-se. No mínimo, você vai descobrir um prato ou um lugar secreto fora dos roteiros badalados.

Melhores lugares para viajar sozinha

Procure os tours guiados

Em praticamente todos os destinos que indicamos, você vai encontrar passeios guiados. Basta caminhar pelas ruas em áreas turísticas, identificar os grupos e agendar. Você conhece percursos históricos, monumentos e o interior de edificações importantes, com a narrativa e o ponto de vista de um guia local.

Existem passeios curtos para cidades ao redor e mesmo visitas temáticas relacionadas a acontecimentos, personalidades conhecidas e muito mais. Vale aproveitar estes momentos para conhecer gente nova e, quem sabe, marcar outros passeios depois.

Aproveite e descubra mais sobre as walking tours na Europa.

Siga sua intuição

Já aconteceu com muita gente. Às vezes, você está caminhando e de repente vira em uma rua escura, que parece esquisita. Nessas horas, apenas escute seu instinto e siga sua intuição para não seguir um caminho estranho nem entrar em uma situação suspeita que possa representar algum risco. Quem viaja sozinho precisa se cuidar muito mais.

Não conte para qualquer pessoa que você está sozinho

Você senta sozinho em um balcão de bar, pede um drink e logo uma pessoa puxa conversa. Por mais amigável que ela possa parecer, nem sempre podemos confiar em alguém que acabamos de conhecer.

Dependendo da situação, diga que está viajando com seu melhor amigo ou sua esposa e comente discretamente que vai encontrá-los dali a pouco.

Aplicativos para aproveitar os melhores lugares para viajar sozinho

Vale fazer o download do mapa da cidade e tê-lo sempre offline no celular, procurar os apps de transporte locais e instalar aqueles aplicativos que trazem resenhas dos restaurantes mais próximos. Tradutores também são eficientes e muitos deles funcionam mesmo sem conexão com a internet.

Listamos aqui 15 aplicativos de viagem gratuitos para você conhecer.

Não descuide da sua mala

Fique atento no saguão do hotel, no quarto compartilhado do albergue, em estações de trem ou metrô, nos pontos de ônibus, nos vagões de trens noturnos. O viajante solo nem sempre pode contar com a ajuda de alguém para vigiar a mala, então todo cuidado é pouco.

Confira ainda todas as informações essenciais sobre seguro viagem Europa. Faça as malas e boa viagem!

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
COMPARTILHE
Autor

Luciana Andrade é jornalista, doutora em história, cursa especialização em marketing digital e não cansa de aprender coisas novas. À frente da Flows Conteúdo & Comunicação, escreve para diversos sites e clientes corporativos. Já morou em cinco cidades - no Brasil e na França - e está sempre planejando a próxima viagem.