15 dias na Itália: confira um roteiro pelo país da bella vita

Visitar Itália  / 

Conhecer a Itália é o sonho de muita gente, especialmente porque o país europeu está tão presente na cultura brasileira e no nosso imaginário. Hoje, eu vou indicar um roteiro de 15 dias na Itália, as cidades que você precisa conhecer, onde ficar, onde comer e outras dicas. Vem comigo!

Vai viajar para a Europa? Saiba todos documentos obrigatórios

Fizemos um checklist de todos os documentos recomendados e obrigatórios para se viajar para a Europa.


Aproveite o melhor da Europa sem qualquer preocupação.

RECEBER GRÁTIS »

Roteiro de 15 dias na Itália: de Norte a Sul

Se você gosta da Itália e pretende conhecer o país, a minha primeira sugestão é que você comece por Milão. A cidade conta com um aeroporto grande e um dos mais importantes da Europa e pode ser um excelente ponto de partida.

Além disso, para uma maior agilidade (conhecer mais coisas em menos tempo) e liberdade, eu aconselho que você alugue um carro. Ainda que os transportes públicos na Itália sejam excelentes, de carro você faz mais por menos. Ou então, optar em fazer uma viagem de trem pela Itália também pode ser uma boa ideia.

Veja abaixo as cidades e o roteiro que eu sugiro para você.

Milão

Chegando em Milão, você pode aproveitar para visitar a cidade já no primeiro dia ou (o que eu faria) deixar para os últimos. Então, depois de desembarcar do seu avião, pegar as malas, passar na imigração e pegar o seu carro na locadora, todos os caminhos levam para Veneza.

São pouco mais de 300 quilômetros até Veneza onde você, dependendo do horário, pode aproveitar para se hospedar e dormir.

cidades italianas mais bonitas milao

Veneza

Portanto, o dia 1 da viagem você já estará em Veneza. Lá precisa visitar a Piazza San Marco, o Palácio Ducal, a Basílica de São Marcos, subir no Campanile (um campanário antigo onde as fotos ficam sensacionais).

Depois, é chegada a hora de conhecer o Gran Canal (e suas lindas gôndolas) e procurar um lugar para jantar. Ou seja, deixo como sugestão duas noites em Veneza (um dia inteiro de passeio) e no dia seguinte pegar a estrada novamente.

basilica sao marcos veneza

Bolonha

Saindo cedo de Veneza, você precisará encarar 154 quilômetros até Bolonha. E digo sair cedo porque aí você consegue conhecer Bolonha (algumas horas na cidade) ainda pela manhã.

Depois de estacionar o carro, conheça Bolonha a pé (é a melhor coisa). Visite a Piazza Maggiore, a Basílica di San Petronio, as Torres de Bolonha e aproveite para almoçar na cidade.

Bolonha é mundialmente reconhecida por sua excelente gastronomia a preços são muito atraentes. Vale muito a pena!

cidades mais visitadas da italia bolonha

Florença

Depois de almoçar em Bolonha, é hora de colocar o pé na estrada (de novo) e seguir para Florença. São pouco mais de 100 quilômetros de distância entre uma cidade e outra, coisa de uma hora e quarenta de viagem (de carro).

Portanto, você chegará na cidade quase no fim da tarde, mas poderá aproveitar para conhecer a encantadora capital da Toscana (região onde está Florença). E Florença é uma das cidades mais encantadoras da Itália!

Florença já é mais cara que Bolonha, mas você consegue “matar” a cidade em dois dias. Na chegada aproveite para ir para o centro caminhar. Inclua no seu roteiro a Galeria Uffizi, a Galeria Dell’Academia e a estátua de David.

Encontre um lugar para jantar e descanse. No outro dia de manhã, vá até a Piazza San Giovanni, visite a Catedral Santa Maria del Fiore e a Ponte Vecchio. Depois, você pode passar mais uma noite em Florença ou partir para Roma e chegar bem tarde na capital italiana.

ponto vechio florenca

Roma

São 274 quilômetros de Florença até Roma, pouco mais de 3 horas de viagem. Eu reservaria 3 noites em Roma, porque vale muito a pena conhecer todos os pontos turísticos famosos. Chegue, encontre o seu alojamento e descanse.

No dia 1 em Roma (quinto da viagem) a dica fundamental é: tênis e roupa confortável. Eu já escrevi um roteiro de 2 dias em Roma, confere lá!

cidades italianas mais bonitas roma

Nápoles

Nápoles espalha uma má fama pela Itália e pelo mundo. Má fama porque muitos, inclusive os italianos, dizem que a cidade é perigosa e suja. Comparada com outras cidades italianas sim, mas em um roteiro de 15 dias na Itália você pode passar por ela.

Digo passar porque você conhece rapidamente e vai para a Costa Amalfitana. Inclusive para se hospedar!

napoles na italia onde ficar

Costa Amalfitana

Sim, você precisa conhecer a Costa Amalfitana. É um lugar lindo, de tirar o fôlego e que vale muito a pena. Duas noites são suficientes para descansar, curtir a praia e recuperar o fôlego.

positano

Pisa

Da Costa Amalfitana até Pisa são 600 quilômetros. Por isso, eu aconselho que você descanse bem no paraíso (Costa Amalfitana) para encarar os tantos quilômetros de viagem para subir até Pisa.

Você pode passar a noite em Pisa e chegar ao décimo dia da viagem já estando mais próximo de Milão. Na cidade conheça a tão famosa Torre de Pisa.

cidades italianas mais bonitas pisa

Gênova

Depois de conhecer Pisa, vá para Gênova. São 158 quilômetros de viagem. Duas noites em Gênova são mais que suficientes.

Milão

Então, você estará de volta a Milão e terá mais duas noites na cidade. Aí sim, conseguirá visitar as atrações de Milão e conhecer com calma e, claro, já estará lá para entregar o carro e partir de volta para casa.

Onde ficar durante a viagem de 15 dias na Itália

Para que um roteiro de 15 dias na Itália aconteça sem tropeços e problemas, a minha dica é utilizar o Booking para procurar e reservar hospedagens. Interessante dizer que o site disponibiliza hotéis e apartamentos, ou seja, pode ser uma excelente opção nas cidades mais caras. Estando de carro, também é possível se hospedar fora do centro das cidades e economizar.

Como ir

Para que você consiga aproveitar os 15 dias na Itália para conhecer mais cidades, eu aconselho que você alugue um carro. Você também pode fazer utilizando os transportes, mas terá que diminuir a quantidade de cidades que pretende visitar.

Descubra qual a melhor época para viajar para a Itália.

Onde comer

Comer na Itália não é tão caro. Por isso, a melhor coisa a fazer é tentar escapar dos lugares e restaurantes turísticos na hora das refeições. O melhor mesmo (para economizar na Itália) é fazer uma comprinhas e cozinhar onde você vai se hospedar (sempre que possível, claro!). Outra dica é entrar no TripAdvisor e conhecer os restaurantes mais pontuados pelos viajantes em cada cidade.

Tours por Itália

Outra dica que eu dou é comprar os bilhetes e entradas dos monumentos que você pretende conhecer antecipadamente. Além de não perder tempo, você não precisará enfrentar filas e conseguirá otimizar ainda mais a sua viagem de 15 dias na Itália. Você pode conferir todos os passeios e reservar pelo Get Your Guide.

Dicas para sua viagem de 15 dias na Itália

Para finalizar, dou duas dicas essenciais. A primeira é que você faça o seguro total do carro no momento do aluguel. Sim, seguro total. Você poderá viajar tranquilamente e não se preocupar com danos que possam ocorrer no veículo.

Outra dica é jamais deixe nada de valor no carro e cuide em lugares com muitas pessoas. A Itália é um país seguro, porém evite deixar coisas de valor e documentos, especialmente o passaporte, dentro do carro quando estacionar. Principalmente se for deixar o carro na rua.

O seguro morreu de velho e alguns cuidados podem deixar tudo mais tranquilo e sossegado na sua viagem de 15 dias na Itália. Boa viagem!

Prepare a sua Viagem:
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para visitar a Europa?

    Seja por lazer, negócios ou outro motivo, a imigração no aeroporto pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Vai precisar de carro? Para aluguel de carros na Europa esta é a nossa sugestão

    Ter um carro à disposição é um conforto enorme dependendo do tipo de viagem (em família, road trip, etc). Na Europa, sempre alugamos através da RentCars que tem os melhores preços do mercado.

    VER CARROS »
COMPARTILHE
Autor

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.